Startup cearense cria aplicativo que alerta motoristas sobre troca de óleo


Startup cearense cria aplicativo que alerta motoristas sobre troca de óleo

Foram 14 meses desde a concepção, desenvolvimento e cadastro de lubrificantes de acordo com o modelo do carro. O aplicativo tem conquistado o público feminino

Por Roberta Tavares em Tecnologia

1 de outubro de 2014 às 14:00

Há 4 anos
Há 21.684 combinações de modelo, óleo e filtro (FOTO: Divulgação/Óleo web)

Há 21.684 combinações de modelo, óleo e filtro (FOTO: Divulgação/Óleo web)

Uma startup cearense desenvolveu um aplicativo para alertar motoristas sobre a troca de óleo do carro, indicando os produtos adequados, além de apontar as lojas especializadas próximas à localização do usuário. A ideia do Óleo web surgiu há cerca de um ano e foi lançada no início do mês de setembro.

Esse é um aplicativo gratuito para smartphone desenvolvido com a finalidade de ajudar motoristas na troca de óleo. De acordo com um dos idealizadores, Victor Martins, a substituição do óleo do motor é indispensável tanto para o carro novo quanto para o antigo. “Independente do ano do carro, de tempos em tempos é preciso fazer essa manutenção. Resolvemos focar nesse nicho de mercado e criar um aplicativo que ajudasse os motoristas”, conta. “O público feminino tem adorado”, brinca.

Foram 14 meses desde a concepção, desenvolvimento e cadastro das aplicações de lubrificantes de acordo com o modelo do carro e da indicação do produto pela montadora. Há 21.684 combinações de modelo, óleo e filtro. “O usuário baixa o Óleo web gratuitamente e cadastra o modelo do carro, quilometragem rodada e a data que fez a última troca. A partir daí, o aplicativo está pronto para alertar sobre a próxima troca de óleo, com o produto indicado e um bom lugar para fazer o serviço”, explica o analista de sistema.

Lojas

O usuário escolhe a loja que mais lhe agradar e reserva o atendimento com o preço negociado pelo aplicativo. A compra é efetivada apenas no estabelecimento. “Estamos com atualizações previstas e isso pode mudar, com o cliente fazendo a compra pelo próprio celular”, adianta.

Até o momento, de acordo com Victor, cerca de 20 empresas se cadastraram para ofertar a troca de óleo no app. “O Óleo web indica óleo de diferentes marcas para o carro, o que dá a possibilidade do cliente escolher de acordo com o preço. Mas é importante dizer que todas as indicações seguem exatamente os dados técnicos indicados pela marca do carro, embora não necessariamente seja a marca indicada pelas montadoras, já que isso tem a ver com um acordo comercial entre a marca do carro e do óleo”.

Aplicativo desenvolvido por cearenses ajuda motoristas na hora da troca de óleo

Aplicativo desenvolvido por cearenses ajuda motoristas na hora da troca de óleo

O Óleo web usa o sistema de GPS (Global Positioning System) para indicar lojas especializadas que vão oferecer os produtos e serviços em Fortaleza em um raio de 1 a 15 quilômetros de distância do usuário. Traz detalhes de comodidades do estabelecimento, por exemplo, se tem lanchonete, sala de espera e internet wi-fi. Para facilitar a escolha da loja, outro parâmetro apontado é a qualificação dada por clientes que já estiveram no estabelecimento. “Há lojas que fazem questão que digamos que ela tem atendimento especializado para mulheres. Isso o aplicativo também aponta”, destaca.

O aplicativo está disponível inicialmente para o sistema operacional Android. A versão para iOS (iPhone) deve ser lançada até o fim do ano. “A nossa expectativa é que, no futuro, grandes marcas no seguimento de lubrificação tenham interesse em fazer algum tipo de patrocínio”, espera.

Trocas de óleo no Brasil

Victor ressalta que a troca de óleo é a atividade de manutenção mais realizada no setor automotivo no Brasil. “A estimativa é de que sejam feitas 160 milhões de trocas de óleo por ano no país, tendo como base a frota nacional divulgada pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).” São 1,38 bilhão de litros de óleo lubrificante consumidos no país, conforme a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Publicidade

Dê sua opinião

Startup cearense cria aplicativo que alerta motoristas sobre troca de óleo

Foram 14 meses desde a concepção, desenvolvimento e cadastro de lubrificantes de acordo com o modelo do carro. O aplicativo tem conquistado o público feminino

Por Roberta Tavares em Tecnologia

1 de outubro de 2014 às 14:00

Há 4 anos
Há 21.684 combinações de modelo, óleo e filtro (FOTO: Divulgação/Óleo web)

Há 21.684 combinações de modelo, óleo e filtro (FOTO: Divulgação/Óleo web)

Uma startup cearense desenvolveu um aplicativo para alertar motoristas sobre a troca de óleo do carro, indicando os produtos adequados, além de apontar as lojas especializadas próximas à localização do usuário. A ideia do Óleo web surgiu há cerca de um ano e foi lançada no início do mês de setembro.

Esse é um aplicativo gratuito para smartphone desenvolvido com a finalidade de ajudar motoristas na troca de óleo. De acordo com um dos idealizadores, Victor Martins, a substituição do óleo do motor é indispensável tanto para o carro novo quanto para o antigo. “Independente do ano do carro, de tempos em tempos é preciso fazer essa manutenção. Resolvemos focar nesse nicho de mercado e criar um aplicativo que ajudasse os motoristas”, conta. “O público feminino tem adorado”, brinca.

Foram 14 meses desde a concepção, desenvolvimento e cadastro das aplicações de lubrificantes de acordo com o modelo do carro e da indicação do produto pela montadora. Há 21.684 combinações de modelo, óleo e filtro. “O usuário baixa o Óleo web gratuitamente e cadastra o modelo do carro, quilometragem rodada e a data que fez a última troca. A partir daí, o aplicativo está pronto para alertar sobre a próxima troca de óleo, com o produto indicado e um bom lugar para fazer o serviço”, explica o analista de sistema.

Lojas

O usuário escolhe a loja que mais lhe agradar e reserva o atendimento com o preço negociado pelo aplicativo. A compra é efetivada apenas no estabelecimento. “Estamos com atualizações previstas e isso pode mudar, com o cliente fazendo a compra pelo próprio celular”, adianta.

Até o momento, de acordo com Victor, cerca de 20 empresas se cadastraram para ofertar a troca de óleo no app. “O Óleo web indica óleo de diferentes marcas para o carro, o que dá a possibilidade do cliente escolher de acordo com o preço. Mas é importante dizer que todas as indicações seguem exatamente os dados técnicos indicados pela marca do carro, embora não necessariamente seja a marca indicada pelas montadoras, já que isso tem a ver com um acordo comercial entre a marca do carro e do óleo”.

Aplicativo desenvolvido por cearenses ajuda motoristas na hora da troca de óleo

Aplicativo desenvolvido por cearenses ajuda motoristas na hora da troca de óleo

O Óleo web usa o sistema de GPS (Global Positioning System) para indicar lojas especializadas que vão oferecer os produtos e serviços em Fortaleza em um raio de 1 a 15 quilômetros de distância do usuário. Traz detalhes de comodidades do estabelecimento, por exemplo, se tem lanchonete, sala de espera e internet wi-fi. Para facilitar a escolha da loja, outro parâmetro apontado é a qualificação dada por clientes que já estiveram no estabelecimento. “Há lojas que fazem questão que digamos que ela tem atendimento especializado para mulheres. Isso o aplicativo também aponta”, destaca.

O aplicativo está disponível inicialmente para o sistema operacional Android. A versão para iOS (iPhone) deve ser lançada até o fim do ano. “A nossa expectativa é que, no futuro, grandes marcas no seguimento de lubrificação tenham interesse em fazer algum tipo de patrocínio”, espera.

Trocas de óleo no Brasil

Victor ressalta que a troca de óleo é a atividade de manutenção mais realizada no setor automotivo no Brasil. “A estimativa é de que sejam feitas 160 milhões de trocas de óleo por ano no país, tendo como base a frota nacional divulgada pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).” São 1,38 bilhão de litros de óleo lubrificante consumidos no país, conforme a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).