Fortaleza recebe maior evento hacker da América Latina neste fim de semana
ROADSEC

Fortaleza recebe maior evento hacker da América Latina neste fim de semana

Além de palestras e networking, o evento também terá oficinas e um campeonato de hacking

Por Tribuna do Ceará em Tecnologia

7 de abril de 2017 às 07:00

Há 7 meses
Roadsec terá campeonato de hacking, em Fortalez (Foto: Divulgação/Roadsec)

Roadsec terá campeonato de hacking, em Fortalez (Foto: Divulgação/Roadsec)

O Roadsec, evento itinerante que viaja pelas principais cidades do país desde 2013, vai desembarcar em Fortaleza neste sábado (8), na Faculdade Farias Brito. De acordo com a organização do evento, a edição cearense tem o maior nível de engajamento do público e deve reunir um número recorde de hackers, estudantes, profissionais e empresas de segurança da informação.

Além de palestras e networking, o Roadsec abriga um campeonato de hacking, diversas oficinas e já se firmou como o espaço ideal para quem procura colocação e para empresas interessadas em contratar.

“Uma das marcas do Roadsec é abrir portas para quem está começando, e estimular talentos locais a se revelar ao mercado”, destaca Anderson Ramos, CTO da Flipside, organizadora do evento.

Os participantes do Roadsec Fortaleza ganharão um código para publicar, por três meses, um perfil premium gratuito no site – resultado da parceria com o Trampos, plataforma de anúncio de vagas. As empresas parceiras também ganharão um código para anunciar gratuitamente suas oportunidades.

Durante o evento será disputada uma etapa do Hackaflag, o maior campeonato de hacking no estilo Capture The Flag do país e uma das principais atrações do Roadsec. Na competição, os participantes invadem sistemas controlados e resolvem vários desafios como web, criptografia e forense.

Para Saulo Hachem, representante de Fortaleza e campeão nacional de 2015, o campeonato traz, sem dúvidas, um importante reconhecimento. “Ter no currículo que fui o vencedor do HackaFlag foi essencial na seleção para o meu atual trabalho”, afirma.

A final será disputada no gigante Roadsec São Paulo, dia 11 de novembro, reunindo os vencedores de cada edição pelo Brasil. O prêmio para o campeão ainda não está definido, mas a viagem à Defcon em Las Vegas com tudo pago, oferecida no ano passado, gera expectativas.

Ataques a redes wi-fi, internet das coisas e computação forense são alguns dos temas que serão abordados nas palestras. Para quem busca aprofundar o conteúdo, é possível adquirir um dos 4 cursos que serão ministrados no domingo (9).

Este ano o Roadsec leva a Fortaleza uma parceria com a Robocore, empresa de robótica e automação, que vai ministrar um curso onde os alunos serão capazes de programar um robô autônomo.

As inscrições para o Roadsec Fortaleza podem ser feitas em link do evento. Em 2016, o Roadsec atraiu mais de 10 mil apaixonados por tecnologia nas 17 cidades por onde passou. Esse ano o evento passará por 21 cidades em todas as regiões do país.

Publicidade

Dê sua opinião

ROADSEC

Fortaleza recebe maior evento hacker da América Latina neste fim de semana

Além de palestras e networking, o evento também terá oficinas e um campeonato de hacking

Por Tribuna do Ceará em Tecnologia

7 de abril de 2017 às 07:00

Há 7 meses
Roadsec terá campeonato de hacking, em Fortalez (Foto: Divulgação/Roadsec)

Roadsec terá campeonato de hacking, em Fortalez (Foto: Divulgação/Roadsec)

O Roadsec, evento itinerante que viaja pelas principais cidades do país desde 2013, vai desembarcar em Fortaleza neste sábado (8), na Faculdade Farias Brito. De acordo com a organização do evento, a edição cearense tem o maior nível de engajamento do público e deve reunir um número recorde de hackers, estudantes, profissionais e empresas de segurança da informação.

Além de palestras e networking, o Roadsec abriga um campeonato de hacking, diversas oficinas e já se firmou como o espaço ideal para quem procura colocação e para empresas interessadas em contratar.

“Uma das marcas do Roadsec é abrir portas para quem está começando, e estimular talentos locais a se revelar ao mercado”, destaca Anderson Ramos, CTO da Flipside, organizadora do evento.

Os participantes do Roadsec Fortaleza ganharão um código para publicar, por três meses, um perfil premium gratuito no site – resultado da parceria com o Trampos, plataforma de anúncio de vagas. As empresas parceiras também ganharão um código para anunciar gratuitamente suas oportunidades.

Durante o evento será disputada uma etapa do Hackaflag, o maior campeonato de hacking no estilo Capture The Flag do país e uma das principais atrações do Roadsec. Na competição, os participantes invadem sistemas controlados e resolvem vários desafios como web, criptografia e forense.

Para Saulo Hachem, representante de Fortaleza e campeão nacional de 2015, o campeonato traz, sem dúvidas, um importante reconhecimento. “Ter no currículo que fui o vencedor do HackaFlag foi essencial na seleção para o meu atual trabalho”, afirma.

A final será disputada no gigante Roadsec São Paulo, dia 11 de novembro, reunindo os vencedores de cada edição pelo Brasil. O prêmio para o campeão ainda não está definido, mas a viagem à Defcon em Las Vegas com tudo pago, oferecida no ano passado, gera expectativas.

Ataques a redes wi-fi, internet das coisas e computação forense são alguns dos temas que serão abordados nas palestras. Para quem busca aprofundar o conteúdo, é possível adquirir um dos 4 cursos que serão ministrados no domingo (9).

Este ano o Roadsec leva a Fortaleza uma parceria com a Robocore, empresa de robótica e automação, que vai ministrar um curso onde os alunos serão capazes de programar um robô autônomo.

As inscrições para o Roadsec Fortaleza podem ser feitas em link do evento. Em 2016, o Roadsec atraiu mais de 10 mil apaixonados por tecnologia nas 17 cidades por onde passou. Esse ano o evento passará por 21 cidades em todas as regiões do país.