Posts com a tag: barroso II

 

Moradores de Conjunto no Barroso II temem despejo

Segundo denúncia, funcionários da Habitafor que estão trabalhando no local afirmaram que moradores seriam despejados dos imóveis

Moradores que ocuparam os imóveis de um conjunto habitacional no Bairro Barroso II, no entorno do Rio Cocó, em Fortaleza, estão preocupados com o levantamento social que a Prefeitura de Fortaleza, por meio da Habitafor, está realizando no local. Cerca de 40 profissionais do órgão foram deslocados para o conjunto que é a primeira obra do Programa de Requalificação Urbana com Inclusão Social (Preurbis), em Fortaleza.

No Barroso, mais de 800 famílias ocuparam 816 apartamentos durante a madrugada do dia 30 de outubro de 2012 (FOTO: Google Maps)

No Barroso, mais de 800 famílias ocuparam 816 apartamentos durante a madrugada do dia 30 de outubro de 2012 (FOTO: Google Maps)

Segundo sugestão de matéria repassada ao Portal Tribuna do Ceará, funcionários que estão trabalhando no local, afirmaram que os moradores seriam despejados dos imóveis e usaram de ironia com a situação. A assessoria informou que nenhum funcionário da Habitafor está autorizado a definir a situação dos moradores, eles estão no local para colher os dados que serão enviados ao Ministério Público (MP).

A assessoria informou ainda, que a previsão é que o trabalho de levantamento social seja encerrado nesta quinta-feira (4). De acordo com ele, o cadastramento foi solicitado pelo Ministério Público para conhecer o perfil socioeconômico dos ocupantes dos imóveis. O MP vai analisar os casos e definir os procedimentos a serem tomados.  O caso é semelhante ao Conjunto Habitacional que deveria abrigar os moradores da Comunidade do Pau Fininho, no Papicu, onde o levantamento já foi realizado e encaminhado ao Ministério Público.

No Barroso, mais de 800 famílias ocuparam 816 apartamentos durante a madrugada do dia 30 de outubro de 2012. A obra na época estava com 64% dos trabalhos concluídos. Segundo os moradores, duas ações de reintegração de posse foram pedidas pela prefeitura, mas ambas foram negadas. As famílias já ocupam o lugar há oito meses e para lutarem pela permanência fundaram a associação Novo Jardim Castelão, nome dado por eles ao residencial.


R$ 99 milhões foram investidos nas obras ocupadas

O Programa de Requalificação Urbana com Inclusão Social (Preurbis) tem financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento, da Caixa Econômica Federal e da prefeitura de Fortaleza, inicialmente as comunidades beneficiadas seriam as da Boa Vista, São Sebastião, Gavião, Do Cal, TBA e João Paulo II.

Elas foram priorizadas levando em consideração os níveis de risco social e ambiental, a densidade populacional e o nível de pobreza. Segundo dados no site da Prefeitura o investimento inicial seria de R$ 99 milhões.

O conjunto habitacional ocupado na área do Barroso II está localizado em um terreno de 88 mil metros quadrados e tem em seu projeto, além da construção das unidades residenciais, com duas quadras poliesportivas, um centro de convivência, uma creche, área de lazer, estacionamento, parque, via, passeio e ciclovia. Também constam como parte da obra ações de urbanização, infra-estrutura urbana e atuação social, além da recuperação do corredor ecológico situado na Bacia do Rio Cocó.

Segundo a assessoria da Habitafor, os imóveis são destinados as pessoas com renda de até três salários mínimos e que não participem de outros programas de moradia como o Minha Casa, Minha Vida. O Projeto tem duas vertentes, dar um lar digno as pessoas e revitalizar as áreas de encosta e a bacia do Rio Cocó através da requalificação e urbanização do espaço.

Seis pessoas são presas acusadas de tráfico de drogas

A polícia prendeu seis pessoas envolvidas no tráfico de entorpecentes no bairro Barro II. Um dos presos, apontado como chefe do grupo, já responde a processos na justiça

A polícia prendeu, na noite deste domingo (26), seis pessoas envolvidas no tráfico de entorpecentes no bairro Barro II, em Fortaleza. Segundo a polícia, um dos presos, apontado como chefe do grupo, já responde a processos na justiça.

Durante a abordagem, os militares apreenderam quatro armas de fogo, munição, drogas, duas motocicletas e outros objetos. O grupo foi preso e autuado em flagrante no 30º Distrito Policial.

Homicídio no Barroso I

Um adolescente de 17 anos foi assassinado, na noite deste domingo (26), na Rua Capitão Hugo Bezerra, no bairro Barroso I. Alisson da Silva Cruz foi atingido por vários disparos. Não há informações sobre a motivação e os autores do crime.

Crime no Bom Jardim

Um homem foi morto neste domingo (26), em um bar na Av. Oscar Araripe, no grande Bom Jardim. A vítima foi identificada como João Paulo Vieira da Costa, de 30 anos.

A vítima estava acompanhada de amigos quando foi abordado por um indivíduo que estava na garupa de uma moto. O acusado fugiu, logo após o crime, sem ser identificado. De acordo com a polícia, João Paulo já respondia processos na justiça.

Leia mais:
Ceará tem mais de 17 mil presos, aponta levantamento
Polícia prende dupla com armas e drogas na Serra da Ibiapaba

Jovens ameaçam linchar acusado de assalto

Flagrante exclusivo do Barra Pesada pelas ruas de Fortaleza. Um jovem de aproximadamente 25 anos foi espancado a pauladas por garotos na avenida Juscelino Kubitschek, no Barroso II. A vítima da agressão teria praticado um assalto contra uma mulher e estava visivelmente transtornado. Após a surra, houve ainda tentativa de linchamento.

Cabeleireiro é perseguido e assassinado a tiros no Barroso II

A autoria e os motivos do crime de morte ainda são desconehcidos

O cabeleireiro Jorge Cândido Mesquita, 39, foi morto quando estava na rua E, no bairro Barroso II, na capital cearense. Segundo a Polícia, a vítima ainda tentou a fugir do criminoso, correndo em direção a uma lanchonete, onde já chegou baleado e sangrando bastante. Antes da chegada dos socorristas, o trabalhador morreu.

Leia mais:
Aposentada é encontrada morta dentro de casa com um golpe de faca na garganta
Adolescente de 16 anos é executado a tiros no Barroso II, em Fortaleza

Os policiais militares que estiveram no local do crime obtiveram poucas informações sobre o autor do homicídio e o motivo. A mãe da vítima, Francisca Cândido, também não soube informar que teria levado uma pessoa a tirar a vida do filho dela. Inconsolada, ela clamava por justiça. O caso será investigado pela equipe da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Com informações do repórter Paulo Campelo

Moradores reclamam da falta de saneamento e esgoto a céu aberto no Barroso II

Enquanto o benefício não chega, os dejetos das casas são jogados no meio da rua

Moradores do Barroso II, aqui em Fortaleza, procuraram a equipe do programa Barra Pesada para fazer uma denúncia. Segundo eles, a Cagece deu início às obras de saneamento básico e já está cobrando a taxa de esgoto sem prestar o serviço. Enquanto o benefício não chega, os dejetos das casas são jogados no meio da rua.

Veja reportagem exibida no Barra Pesada:

Comunicado da Cagece:
Uma equipe foi enviada ao local e constatou uma obstrução na rede. De acordo com a companhia, no momento não há possibilidade de fazer a desobstrução porque o sistema de esgotamento é diferente do convencional e passa pelo quintal das casas. Um morador de uma das residências por onde passa o sistema não estaria autorizando a Cagece a realizar a obra.

Siga o Jangadeiro Comunidade no Twitter: @JangaComunidade

Praça no bairro Barroso II continua com obras paradas

A Prefeitura começou uma obra de recuperação, mas, segundo os moradores, os trabalhos foram parados.

Adolescente tenta escapar, mas é executado dentro de uma casa

A Polícia confirmou à equipe da TV Jangadeiro que a vítima já respondia por homicídio

O adolescente de 17 anos, Valtembergue Rocha da Silva, foi morto a tiros na noite da última sexta-feira (12),na rua E,localizada no bairro Barroso II, em Fortaleza.

Últimas notícias da editoria Polícia:
Acusados de sequestrar jovem em 2008 devem ser presos novamente
Material encontrado no corpo de Alanis é de Casim, confirma exame
Tiroteio e morte de adolescente em assalto na BR-116

Segundo informações de testemunhas, a vítima ainda tentou se esconder, mas os executores conseguiram encontrá-lo dentro de uma casa.

A Polícia confirmou à equipe da TV Jangadeiro que Valterbergue já respondia por homicídio e que tudo indica que a morte tenha sido motivada por acerto de contas. Não há informações sobre o paradeiro dos acusados pelo crime.

Com informações do repórter Nilson Bezerra

Página 1 de 11