Posts com a tag: Barra Pesada

 

Protesto em Juazeiro do Norte e Sobral contra a violência no Ceará

Cruzes foram fincadas em pontos turísticos das duas cidades cearenses para representar vítimas da violência em 2013.

ceará-mortesDois protestos foram realizados neste final de semana pelo Sindicato dos Policiais Civis de carreira do Estado do Ceará (Sinpol/CE) contra o avanço da violência no Ceará. Em Sobral, a 238 km de Fortaleza, 400 cruzes foram instaladas no Arco Nossa Senhora de Fátima, conhecido como Arco do Triunfo, representando menos de dez por cento de pessoas assassinadas no estado.

Já no município de Juazeiro do Norte, distante 528 km da capital, o ato público foi realizado no Triângulo Crajubar. Foram fincadas 71 cruzes, como representação de pessoas mortas na região do Cariri, pelo número de homicídios registrados em apenas cinco dias, durante o carnaval.

As manifestações realizadas neste final de semana integram as atividades do movimento chamado “Polícia Legal”, dos policias civis do Ceará. A campanha completará três meses no próximo dia 20 de março e já realizou ações em delegacias na capital e no interior onde foi possível identificar irregularidades como improbidade administrativa e peculato-desvio, falta de apuração dos boletins de ocorrência, abuso de autoridade, assédio moral e usurpação de função pública.

LEIA MAIS:

Policiais civis fazem ato ‘Polícia Legal’ na Praça dos Leões
Policiais são flagrados transportando presos em carro alugado e com multas

Os policiais civis do Ceará também divulgaram uma campanha com 10 outdoors espalhados pela da cidade para mostrar, segundo afirma o sindicato, a real situação da segurança pública no Ceará. Um deles foi instalado próximo ao prédio da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), que divulgou redução do número de assaltos no Ceará, em 45%.

Telefonista da PM orienta vítima de assalto a procurar programa policial

Empresário teve escritório assaltado e, ao solicitar ajuda ao Ciops, foi orientado a enviar material para o programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/Band

“Até agora, eu não acredito que recebi essa resposta”, lamentou o dono de uma agência de publicidade Thiago Sousa, nesta quinta-feira (7). Ele se referia ao atendimento que recebeu da Coordenadoria de Integrada de Operações de Segurança do Governo do Ceará (Ciops), quando relatou o assalto que aconteceu em seu escritório, localizado num bairro nobre de Fortaleza.

Empresário tem escritório assaltado e ao solicitar ajuda ao Ciops, foi orientado a enviar material para o Barra Pesada

Empresário tem escritório assaltado e, ao solicitar ajuda ao Ciops, foi orientado a enviar material para o programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro (FOTO: Reprodução Facebook)

Segundo Thiago, um funcionário chegou ao seu escritório e logo percebeu que havia sido roubado. “Como está acontecendo muito assalto na frente [do escritório] por causa dos desvios da avenida Santos Dumont, tinham dois policiais na esquina. O funcionário foi denunciar para eles o que tinha acontecido”, contou.

Thiago afirmou que os policiais orientaram a realizar um Boletim de Ocorrência, pois não havia acusados no local. “Quando cheguei ao escritório, percebemos a possibilidade da câmera ter filmado a ação. Pegamos a filmagem e tem um monte de marca de mão. Mas não sabíamos o procedimento, se eu levava em CD ou DVD. Foi quando liguei para o telefone 190 para tirar a dúvida”.

Ao telefonar, o empresário teve uma grande surpresa. Segundo ele, a atendente mostrou-se sem profissionalismo e preparo para o trabalho. “Ela disse: ‘Olha, não adianta trazer [para a polícia] não. Você pega o vídeo e manda para o Barra Pesada [programa da TV Jangadeiro/Band]. Aí é que você vai ter resultado. Já vi vários casos desse tipo’. A impressão que eu tive foi que parecia coisa de filme, sabe? A pessoa lixando a unha, toda despreocupada no atendimento”.

Surpreso com a atitude, Thiago questionou a atendente. “’É sério isso? Quer dizer que não posso levar? Eu posso pelo menos imprimir a imagem?’ Perguntei tudo isso e ela disse que eu poderia levar, mas dando a entender que era uma desilusão. Fiquei sem reação. A gente já tem um monte de problema com segurança, vai procurar ajuda e acontece isso. Tem que passar no mínimo uma situação de segurança. A gente fica indignado”, desabafou.

Assalto

Sobre o assalto, o empresário afirmou que o prejuízo foi no total de R$ 10 mil. “Mas o problema é que eram muitos arquivos de clientes, que a gente perdeu”. Em seu perfil do Facebook, ele divulgou que dentre os itens roubados, estavam um MacPro, um Tablet da Samsung e um agasalho do Senhor dos Anéis. De acordo com Thiago, seu irmão foi a uma delegacia registrar o BO, levando em mãos o DVD com as imagens das câmeras.

O Tribuna do Ceará entrou em contato com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Ceará (SSPDS) sobre o caso. Segundo a assessoria da secretaria, apenas o delegado tem autoridade para dizer se é necessário ou não verificar as imagens do assalto. Dessa forma, a atendente não fez o papel dela.

Ainda segundo a SSPDS, o caso pode ser denunciado formalmente pela vítima contra a atendente na Controladoria Geral de Disciplina (CGD).

Dicionário: 25 jargões do jornalismo policial cearense

O Tribuna do Ceará lista e explica 25 jargões usados pelo jornalismo policial da TV cearense. Eles se baseiam em expressões adotadas pela polícia

“O meliante invadiu a residência para fazer a mudança após receber a parada dada de que estava tudo engomado. Quando percebeu o vizinho olhando por cima do muro, ele apontou a mira para apagá-lo, mas o ferro bateu o catolé. O malaca deu o pinote, mas levou um mói de pêa e acabou em cana. Não sem antes ganhar um baculejo da polícia”.

Essa reunião de jargões é ininteligível para muita gente. Para quem sempre assiste a programas policiais da televisão cearense, é facilmente compreensível. Para facilitar a quem não entende, o Tribuna do Ceará publica um dicionário do jornalismo policial cearense, baseado em algumas dessas expressões corriqueiras para a polícia.

“Essas gírias são uma espécie de licença poética que a gente adota para se identificar com nosso público. Eles falam dessa forma, então essa é uma estratégia de aproximação”, explica Paulo Edson, editor-chefe do Barra Pesada, da TV Jangadeiro/Band, programa mais antigo do jornalismo policial cearense em atividade.

Além de se aproximar do povão, o uso de expressões policiais tem outro objetivo: passar o recado mesmo diante do pequeno número de caracteres das chamadas. “É mais rápido e direto dizer ‘Quadrilha invade casa e faz o limpa’ do que ‘Quadrilha invade casa e rouba todos os pertences do morador’”, exemplifica.

Como diria o policial, tá ligado?

25-jargoes-do-jornalismo-policial-cearense

(Arte: Tiago Leite)

PM é morto em frente ao Hospital de Messejana

Este já é o nono PM morto no ano de 2013

O policial militar Carlos Eduardo da Silva, 33 anos, foi morto na tarde desta terça-feira (9), nas proximidades do Hospital do Coração de Messejana. O PM estava em uma Pajero, quando trocou tiros com dois homens e foi atingido na cabeça. Eles estavam em uma motocicleta.

O policial militar tentou fugir, mas acabou colidindo com os carros que estavam estacionados na área. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu dentro do veículo. O policial morava em Messejana e era lotado no 16º Batalhão de Policiamento, localizado no mesmo bairro.

Segundo o Coronel F.Souto a PM trabalha com duas possibilidades, uma tentativa de assalto, pois o policial tinha realizado um saque em uma agência bancária ou um crime passional. Este é o nono PM morto no ano de 2013.

Com informações do repórter Abraão Ramos

Imagem de Amostra do You Tube

Homem tenta colocar fogo em casa e faz a filha grávida como refém

Durante a negociação, o homem identificado apenas como Lourenço, pediu para falar com a repórter do Barra Pesada, Emanuella Braga, e com o cinegrafista, Gildo Santos

Um homem fez duas mulheres reféns,  entre elas a filha grávida de três meses, nesta terça-feira (14). A equipe de reportagem do Barra Pesada negociou a libertação dos envolvidos. A ação aconteceu em uma casa na rua Tabuleiro do Norte, no bairro Couto Fernandes, em Fortaleza.

De acordo com a Polícia Militar, viaturas foram acionadas para a residência após denúncia de que um homem estava mantendo duas pessoas aprisionadas. A polícia informou que ele ameaçou as moças com um facão, espalhou gasolina por toda a casa, jogando o combustível nele e nas mulheres.

Homem aprisiona uma mulher e a própria filha. FOTO: Cristiano Pantanal/ TV Jangadeiro

Homem aprisiona uma mulher e a própria filha. FOTO: Cristiano Pantanal/ TV Jangadeiro

Negociação

Durante a negociação, o homem identificado apenas como Lourenço, pediu para falar com a repórter do Barra Pesada, Emanuella Braga, e com a equipe, Gildo Santos e Cristiano Pantanal. O homem então disse que queria se matar porque uma mulher, de nome Maísa, teria acabado com a vida dele. De acordo com a repórter, ele disse que queria se matar na frente das câmeras porque queria que a mulher visse o que estava acontecendo.

Durante toda a negociação o homem esteve com um facão apontado para a barriga da filha grávida, um galão de gasolina e uma caixa de fósforo. Eles estavam dentro do banheiro da casa, local de difícil acesso para os policiais do Grupo de Ações Táticas Especiais da Polícia Militar do Ceará (Gate/PMCE). “Fomos até a cozinha e ficamos de frente para eles. Conversamos com ele e pedimos para que ele não matasse ninguém”, diz a repórter.

Libertação

Após alguns minutos de negociação, o homem disse a repórter que iria liberar a moça e a filha, mas iria se matar. No mesmo momento ele empurrou as mulheres e tentou acender um fósforo, sem sucesso. Na mesma hora, a equipe do Gate o imobilizou impedindo que o homem colocasse fogo nele e na casa.  Lourenço e as duas vítimas foram levados para o 11º Distrito Policial, no bairro Panamericano. Já dentro da viatura da polícia, os moradores revoltados, tentaram apedrejar o carro.

Mãe prende filho viciado e com problemas mentais em jaula

Segundo a mãe do jovem, Antônia Hercília, no último sábado Danirleo esfaqueou um amigo da família que foi ao local tentar acalmá-lo

Danirleo Freire dos Santos, de 18 anos, é mantido preso desde o último sábado (20), em uma jaula dentro de sua casa, no bairro Granja Lisboa, em Fortaleza. Ele foi encarcerado pela própria mãe e pela avó, que segundo elas, tiveram que tomar esta atitude pelo fato do rapaz possuir problemas mentais, ser usuário de drogas, e ser agressivo por estar completamente for a de si. A jaula tem, aproximadamente um metro de largura, dois de comprimento e 1,80 de altura, com um portão de ferro trancado com dois cadeados.

Segundo a mãe do jovem, Antônia Hercília, no último sábado Danirleo esfaqueou um amigo da família que foi ao local tentar acalmá-lo. O rapaz foi atingido por três golpes de faca e está internado no Instituto Dr. José Frota (IJF). A mãe conta que, há cinco anos, o filho começou com problemas mentais quando um amigo dele foi assassinado. “De lá pra cá, o quadro dele se agravou ainda mais quando ele passou a usar drogas”, contou a mãe.

Samu não tem médico psiquiátrico para atender o caso

A mãe relata que já fez diversas ligações para o Samu para que uma ambulância psiquiátrica o leve para o hospital, mas nada aconteceu. A produção do Barra Pesada fez ligações para o 192 que registrou a ocorrência. Minutos depois uma viatura do Policiamento Ostensivo Geral (POG) chegou ao local, a mando do CIOPS que recebeu a solicitação do Samu, para apurar o que estava acontecendo. Um Sargento da Polícia Militar, explicou que não havia a solicitação especializada nem médico psiquiátrico para atender a ocorrência e orientou a família.

Com informações do repórter Abraão Ramos

Pane em rádio, pneu furado e motor quebrado: viatura do Ronda não consegue evitar assalto

Durante a ação, um segurança foi feito refém, e houve intensa troca de tiros com a polícia

Uma câmera de segurança mostrou toda a ação de quatro homens que realizaram um assalto ao supermercado Compre Max, localizado na avenida Antônio Bezerra, no último sábado (6). Durante a ação, um segurança foi feito de refém e houve intensa troca de tiros com a polícia, que chegou durante a ação, mas devido a diversos problemas com a viatura, os PMs não conseguiram prender a quadrilha.

As imagens começam quando o primeiro bandido se aproxima com a mão no rosto para não ser reconhecido, enquanto o outro invade o supermercado. Outros dois arrombam a porta da tesouraria e começam a pegar o dinheiro. Enquanto isso, alguns clientes percebem o assalto e fogem do local.

O policial militar, que fazia a segurança do local, foi rendido por um dos bandidos e teve a sua arma levada por ele. Uma viatura do Ronda do Quarteirão chega ao local e iniciam uma troca de tiros. O primeiro bandido usa o PM como escudo e vai andando e atirando em direção aos policiais.

Depois disso, o outro assaltante sai do supermercado levando o saco com o dinheiro roubado e todos eles fogem a pé. O PM, que era usado como escudo, consegue fugir e ainda leva uma queda. Em estado de choque, ele não consegue mais levantar.

O mais inusitado acontece no final: os policiais do Ronda do Quarteirão ainda tentam pedir socorro pelo rádio, que entra em pane. Eles conseguem falar com o Ciops, mas o operador diz que o Gate não pode oferecer apoio pois está em uma ocorrência com um caminhão de frutas da Ceasa. A viatura sai atrás do bandidos, mas para poucos metros depois com pneu furado e problema no motor devido aos tiros disparados pelos assaltantes.

Confira o vídeo:

Imagem de Amostra do You Tube

Mais detalhes de toda a ação no programa Barra Pesada desta segunda-feira (8).

Em pleno feriado santo, polícia registra 7 homicídios em Fortaleza e RMF

O primeiro crime desta tarde foi registrado por volta das 13h. Jamílson da Silva, 23 anos, foi morto dentro da sua residência, no bairro Bom Jardim

Em pleno feriado santo aconteceram pelo menos 7 homicídios em Fortaleza e na Região Metropolitana desde as 7h até as 18h. Somente nesta tarde, a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) contabilizou 5 assassinatos.

O primeiro crime desta tarde foi registrado por volta das 13h. Jamílson da Silva, 23 anos, foi morto dentro da sua residência, no bairro Bom Jardim, por 2 acusados. Segundo a polícia, a vítima respondia por porte ilegal de arma e receptação. O crime se deu possivelmente por acerto de contas, já que a vítima teria tentado matar outra pessoa ainda na manhã desta sexta-feira (29), segundo a PM.

Um pouco mais de duas horas depois, Elias Ferreira de Souza, 27 anos, foi assassinado com 2 tiros na cabeça no bairro Planalto Pici, em Fortaleza. De acordo com a polícia, o suspeito do crime é um primo da vítima.

Já as 15h, no bairro Barroso II, na Grande Messejana, Raimundo Nonato de Paulo foi atingido por vários tiros e morreu na hora. Os disparos foram feitos por dois ocupantes de um carro. Na ocasião, um transeunte foi atingido e levado para o hospital.

O 4º homicídio registrado pela DHPP aconteceu no bairro Alto Alegre II, em Maracanaú. Landisberg Fernandes de Paulo, de 22 anos, teria sido morto a mando de outra pessoa, segundo suspeita a polícia.

Por volta das 17h30, uma mulher foi morta na rua Santa Elisa no bairro Pirambu. De acordo com a plantonista da DHPP, delegada Sandra Amaro, um acusado foi preso.

Madrugada violenta: 6 mortos em 6 horas em Fortaleza

O programa Barra Pesada registrou seis mortes a bala, em Fortaleza, da 0h às 6h da manhã desta quinta (28)

A madrugada foi violenta em Fortaleza. Isso porque foram registradas, pelo menos, seis mortes à bala de 0h às 6h da manhã desta quinta-feira (28). Entre os casos, está o de um garoto de 9 anos que foi atingido durante conflito entre gangues, no Bairro Jacarecanga.

No Barroso II, Carlos Gustavo Vieira, de 22 anos, foi executado com quatro tiros às vésperas do aniversário. No Jardim Jatobá, uma garota de 18 anos pediu um cigarro de maconha a uma usuária que fumava na praça do bairro. A mulher sacou uma arma e atirou contra a jovem, que acabou morrendo.

Esquartejamento

O corpo de um rapaz com idade entre 18 e 25 anos foi encontrado esquartejado e enrolado em um lençol, durante a madrugada desta quinta-feira (28), no Bairro Jangurussu, em Fortaleza. A perícia constatou perfurações à bala, faca e marcas profundas como golpes de facão. Os membros e a cabeça estavam desligados do tronco. A polícia ainda não revelou a identidade do homem.

Outro caso

Uma ação criminosa deixou três feridos à bala e um morto na Aerolândia, no início da madrugada desta quinta (28). Informações de populares dão conta de que dois homens em uma motocicleta chegaram atirando nas quatro pessoas que estavam na calçada de uma residência. Felipe Ferreira da Silva, de 25 anos, foi atingido e ainda tentou fugir, mas não resistiu. Segundo a polícia, há alguns dias ele vinha prometendo vingar a morte da namorada, assassinada recentemente.

Com informações do repórter Abraão Ramos

Italiano acusado de duplo homicídio em Fortaleza é preso

Dois adolescentes de 14 e 15 anos, que participaram do duplo homicídio, foram apreendidos pela PM logo após os crimes.

O italiano se entregou à polícia (Foto: Cristiano Pantanal/TV Jangadeiro)

O italiano se entregou à polícia (Foto: Cristiano Pantanal/TV Jangadeiro)

O italiano Massimiliano Tosoni, de 28 anos, acusado de ser o mandante do assassinato do seu conterrâneo Andrea Macchelli, de 48 anos, e do funcionário de uma agência de câmbio e filho de um policial civil aposentado, Hedley Lincoln, de 25 anos,  se entregou à polícia na tarde desta segunda-feira (18).

O crime aconteceu  no último dia 31 de janeiro, em um flat localizado no Bairro Meireles, em Fortaleza. Dois adolescentes de 14 e 15 anos, que participaram do duplo homicídio, foram apreendidos pela Polícia Militar logo após os crimes.

Prisão

De acordo com a Assessoria de Comunicação da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Tosoni, que estava com  prisão preventiva decretada pela Justiça, ligou nesta tarde para a Coordenadoria de Inteligência da SSPDS e informou o local aonde estava, no Bairro de Fátima.

“Os agentes foram ao endereço e o conduziram para o 2º DP, onde ele está sendo ouvido pela autoridade judiciária para, em seguida, ser conduzido à Delegacia de Capturas ou a uma das unidades prisionais do Estado (a depender de vagas)”, informou a assessoria.

Antecedentes criminais

De acordo com a polícia, Tosoni já tinha antecedentes criminais na Itália por roubo. Em 2009, foi preso na estação central de Milão enquanto se preparava para fugir para o Brasil.

Confira matéria realizada no dia do crime:

Imagem de Amostra do You Tube

Página 1 de 28212345...102030...Última »