Um dos líderes do furto ao Banco Central é preso por tráfico de drogas no Ceará

13 ANOS DEPOIS

Um dos líderes do furto ao Banco Central é preso por tráfico de drogas no Ceará

Raimundo Laurindo Barbosa Neto foi abordado na cidade de Boa Viagem, a 217 km de Fortaleza, na região do Sertão Central

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

18 de setembro de 2018 às 10:15

Há 4 meses
prisao-banco-central

Laurindo Neto foi um dos líderes do assalto ao Banco Central, em Fortaleza. (FOTO: Divulgação)

Um dos criminosos responsáveis pelo furto ao Banco Central do Brasil, em Fortaleza, no ano de 2005, foi preso na manhã desta terça-feira (18) pelo Comando Tático Rural (Cotar). Raimundo Laurindo Barbosa Neto foi abordado na cidade de Boa Viagem, a 217 km de Fortaleza, na região do Sertão Central.

O acusado tinha um mandado de prisão em aberto por associação para o tráfico e tráfico de drogas. Laurindo Neto, um dos líderes do maior assalto a banco no Brasil, foi levado para a Delegacia de Combate às Ações Criminosas Organizadas (Draco), na capital cearense.

Pelo menos 30 pessoas foram responsáveis pelo crime que ocorreu em agosto de 2005. Apenas dois ainda estão foragidos da justiça. O grupo se revezava em três turnos de 10 pessoas para cavar o túnel que ia até a caixa-forte do Banco Central, na Avenida Dom Manuel, no Centro de Fortaleza. Foram meses para a escavação para chegar aos 80,5m que davam acesso ao local. 164,7 milhões de reais em notas de R$50 foram furtados.

Veja a nota completa da Secretaria de Segurança Pública.

“A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informa que composições do Comando Tático Rural (Cotar) do Batalhão de Choque (BPChoque) da Polícia Militar do Ceará (PMCE) deram cumprimento ao mandado de prisão contra Raimundo Laurindo Barbosa Neto (51). O homem, que é envolvido no furto ao Banco Central de Fortaleza, no ano de 2005, foi capturado, nesta terça-feira (18), em Boa Viagem, na Área Integrada de Segurança 15 (AIS 15). O suspeito foi conduzido para realização de procedimento policial, na sede da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), nesta manhã. “Neto Laurindo” ou “RDM”, como é conhecido, é investigado pela Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) por integrar um grupo criminoso especializado em roubo a instituições financeiras e a veículos de transportes de valores. A Draco segue com investigações acerca de outros crimes relacionados à atuação do criminoso no Estado. “Neto Laurindo” tem passagens por sequestro, tráfico de drogas e por integrar organização criminosa.”

Publicidade

Dê sua opinião

13 ANOS DEPOIS

Um dos líderes do furto ao Banco Central é preso por tráfico de drogas no Ceará

Raimundo Laurindo Barbosa Neto foi abordado na cidade de Boa Viagem, a 217 km de Fortaleza, na região do Sertão Central

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

18 de setembro de 2018 às 10:15

Há 4 meses
prisao-banco-central

Laurindo Neto foi um dos líderes do assalto ao Banco Central, em Fortaleza. (FOTO: Divulgação)

Um dos criminosos responsáveis pelo furto ao Banco Central do Brasil, em Fortaleza, no ano de 2005, foi preso na manhã desta terça-feira (18) pelo Comando Tático Rural (Cotar). Raimundo Laurindo Barbosa Neto foi abordado na cidade de Boa Viagem, a 217 km de Fortaleza, na região do Sertão Central.

O acusado tinha um mandado de prisão em aberto por associação para o tráfico e tráfico de drogas. Laurindo Neto, um dos líderes do maior assalto a banco no Brasil, foi levado para a Delegacia de Combate às Ações Criminosas Organizadas (Draco), na capital cearense.

Pelo menos 30 pessoas foram responsáveis pelo crime que ocorreu em agosto de 2005. Apenas dois ainda estão foragidos da justiça. O grupo se revezava em três turnos de 10 pessoas para cavar o túnel que ia até a caixa-forte do Banco Central, na Avenida Dom Manuel, no Centro de Fortaleza. Foram meses para a escavação para chegar aos 80,5m que davam acesso ao local. 164,7 milhões de reais em notas de R$50 foram furtados.

Veja a nota completa da Secretaria de Segurança Pública.

“A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informa que composições do Comando Tático Rural (Cotar) do Batalhão de Choque (BPChoque) da Polícia Militar do Ceará (PMCE) deram cumprimento ao mandado de prisão contra Raimundo Laurindo Barbosa Neto (51). O homem, que é envolvido no furto ao Banco Central de Fortaleza, no ano de 2005, foi capturado, nesta terça-feira (18), em Boa Viagem, na Área Integrada de Segurança 15 (AIS 15). O suspeito foi conduzido para realização de procedimento policial, na sede da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), nesta manhã. “Neto Laurindo” ou “RDM”, como é conhecido, é investigado pela Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) por integrar um grupo criminoso especializado em roubo a instituições financeiras e a veículos de transportes de valores. A Draco segue com investigações acerca de outros crimes relacionados à atuação do criminoso no Estado. “Neto Laurindo” tem passagens por sequestro, tráfico de drogas e por integrar organização criminosa.”