Supostos membros de facção comemoram com tiros invasão a comunidade em Fortaleza

POLÍCIA INVESTIGA

Supostos membros de facção comemoram com tiros invasão a comunidade em Fortaleza

Os criminosos entraram na comunidade Língua de Cobra, no Morro do Santiago, filmaram e divulgaram a ação violenta nas redes sociais

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

18 de setembro de 2017 às 17:28

Há 3 meses
Homens invadiram a comunidade (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

Homens invadiram a comunidade (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

Os moradores do Morro do Santiago, na Barra do Ceará, viveram momentos tensos no último fim de semana. O motivo foi a invasão de supostos criminosos – que dizem ser da Guardiões do Estado (GDE) – à comunidade “Língua de Cobra”, localizado no bairro Barra do Ceará, em Fortaleza.

Os criminosos entraram na comunidade, filmaram e divulgaram a ação criminosa nas redes sociais. Os suspeitos invadem as ruas e comemoram a invasão na comunidade com vários tiros.

Em nota, a Polícia Civil do Estado do Ceará informa que a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) já tomou conhecimento do vídeo que mostra uma ocorrência de disparos de arma de fogo, com o envolvimento de vários suspeitos. “Os trabalhos de investigação foram iniciados e visam à identificação e posterior responsabilização dos criminosos envolvidos com a produção e divulgação do conteúdo”, diz a nota.

Veja o vídeo:

Publicidade

Dê sua opinião

POLÍCIA INVESTIGA

Supostos membros de facção comemoram com tiros invasão a comunidade em Fortaleza

Os criminosos entraram na comunidade Língua de Cobra, no Morro do Santiago, filmaram e divulgaram a ação violenta nas redes sociais

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

18 de setembro de 2017 às 17:28

Há 3 meses
Homens invadiram a comunidade (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

Homens invadiram a comunidade (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

Os moradores do Morro do Santiago, na Barra do Ceará, viveram momentos tensos no último fim de semana. O motivo foi a invasão de supostos criminosos – que dizem ser da Guardiões do Estado (GDE) – à comunidade “Língua de Cobra”, localizado no bairro Barra do Ceará, em Fortaleza.

Os criminosos entraram na comunidade, filmaram e divulgaram a ação criminosa nas redes sociais. Os suspeitos invadem as ruas e comemoram a invasão na comunidade com vários tiros.

Em nota, a Polícia Civil do Estado do Ceará informa que a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) já tomou conhecimento do vídeo que mostra uma ocorrência de disparos de arma de fogo, com o envolvimento de vários suspeitos. “Os trabalhos de investigação foram iniciados e visam à identificação e posterior responsabilização dos criminosos envolvidos com a produção e divulgação do conteúdo”, diz a nota.

Veja o vídeo: