Sítio com desembargadores, juízes e familiares é assaltado durante festa de Réveillon em Trairi
INSEGURANÇA

Sítio com desembargadores e juízes é assaltado em festa de Réveillon em Trairi

O caso aconteceu duas horas antes da virada do ano. Até o momento, os três bandidos não foram identificados

Por Matheus Ribeiro em Segurança Pública

2 de janeiro de 2017 às 08:51

Há 7 meses
Foram levados iPhones, carteiras, bolsas, relógios e joias pelos criminosos (FOTO: Mochileiros e Campistas)

Foram levados iPhones, carteiras, bolsas, relógios e joias pelos criminosos (FOTO: Mochileiros e Campistas)

Dois desembargadores, dois juízes do Ceará e pelo menos 20 familiares dos magistrados foram vítimas da insegurança do Estado no último sábado (31). De acordo com o Comando de Policiamento do Interior (CPI), o caso aconteceu por volta das 22h no município de Trairi, a 123 quilômetros de Fortaleza.

Conforme o relatório da Polícia Militar, o assalto aconteceu no sítio de um desembargador, onde também se encontravam uma desembargadora, uma juíza e um juiz. Os nomes deles são omitidos pelo Tribuna do Ceará, a pedido de familiar das vítimas. 

Segundo a polícia, as pessoas comemorariam a passagem do ano. Por volta das 22h, houve uma queda de energia no local e, logo em seguida, todas as pessoas que estavam na casa foram rendidas por três bandidos armados, sendo dois com revólveres e um com uma garruncha.

Depois de serem rendidas, as vítimas foram colocadas em um quarto, enquanto os assaltantes roubavam os pertences. Segundo a CPI, iPhones, carteiras, bolsas, relógios e joias foram levadas pelos criminosos. Além dos objetos, um veículo da marca Sandero de cor prata também foi roubado e utilizado para fuga pelos bandidos.

Apesar da ação, nenhum assaltante foi identificado ou preso. O caso foi repassado para a 2ª companhia do 11º Batalhão da Polícia Militar.

Publicidade

Dê sua opinião

INSEGURANÇA

Sítio com desembargadores e juízes é assaltado em festa de Réveillon em Trairi

O caso aconteceu duas horas antes da virada do ano. Até o momento, os três bandidos não foram identificados

Por Matheus Ribeiro em Segurança Pública

2 de janeiro de 2017 às 08:51

Há 7 meses
Foram levados iPhones, carteiras, bolsas, relógios e joias pelos criminosos (FOTO: Mochileiros e Campistas)

Foram levados iPhones, carteiras, bolsas, relógios e joias pelos criminosos (FOTO: Mochileiros e Campistas)

Dois desembargadores, dois juízes do Ceará e pelo menos 20 familiares dos magistrados foram vítimas da insegurança do Estado no último sábado (31). De acordo com o Comando de Policiamento do Interior (CPI), o caso aconteceu por volta das 22h no município de Trairi, a 123 quilômetros de Fortaleza.

Conforme o relatório da Polícia Militar, o assalto aconteceu no sítio de um desembargador, onde também se encontravam uma desembargadora, uma juíza e um juiz. Os nomes deles são omitidos pelo Tribuna do Ceará, a pedido de familiar das vítimas. 

Segundo a polícia, as pessoas comemorariam a passagem do ano. Por volta das 22h, houve uma queda de energia no local e, logo em seguida, todas as pessoas que estavam na casa foram rendidas por três bandidos armados, sendo dois com revólveres e um com uma garruncha.

Depois de serem rendidas, as vítimas foram colocadas em um quarto, enquanto os assaltantes roubavam os pertences. Segundo a CPI, iPhones, carteiras, bolsas, relógios e joias foram levadas pelos criminosos. Além dos objetos, um veículo da marca Sandero de cor prata também foi roubado e utilizado para fuga pelos bandidos.

Apesar da ação, nenhum assaltante foi identificado ou preso. O caso foi repassado para a 2ª companhia do 11º Batalhão da Polícia Militar.