Preso um dos suspeitos de tentar resgatar Alemão de penitenciária em Pacatuba
INTENSO TIROTEIO

Preso um dos suspeitos de tentar resgatar Alemão de penitenciária em Pacatuba

O suspeito da participação na tentativa de resgate do chefe do furto ao Banco Central foi flagrado no entorno do presídio

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

9 de agosto de 2017 às 09:36

Há 1 semana
"Alemão" foi o mentor do Assalto ao Banco Central (FOTO: Reprodução)

Alemão foi o mentor do Assalto ao Banco Central (FOTO: Reprodução)

Um suspeito de ajudar na tentativa de fuga de Antônio Jussivan Alves, o Alemão, e Antônio Carlito Avelino, o Boi, na última terça-feira (8), na Penitenciária Francisco Hélio Viana de Araújo, em Pacatuba, foi preso pela Polícia. O homem detido foi identificado como Fabiano de Souza da Silva, de 39 anos.

O suspeito da participação foi flagrado no entorno do presídio com uma motocicleta furtada. Ele é suspeito de ser o “olheiro” do bando que atacava a unidade prisional. Fabiano foi encaminhado à Delegacia Metropolitana de Maracanaú.

A Delegacia dará continuidade ao trabalho de investigação, com o acompanhamento da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), em razão de poder existir o envolvimento de grupos criminosos organizados.

O homem foi autuado a princípio por receptação, mas, no prazo legal das investigações, caso seja comprovada sua participação no grupo que tentava libertar os detentos, ele também poderá ser indiciado por outros crimes. A motocicleta que ele estava foi furtada em fevereiro de 2016, no Bairro Aerolândia, em Fortaleza.

Fabiano foi preso próximo a penitenciária (FOTO: Divulgação/SSPDS)

Fabiano foi preso próximo a penitenciária (FOTO: Divulgação/SSPDS)

Carro suspeito

Na manhã da terça-feira (8), um carro abandonado na Rua B, na comunidade da Babilônia, bairro Castelão, foi resgatado pela Polícia. Dentro do veículo, Pajero de cor prata e placas OSO 9157 e com queixa de roubo, os agentes de segurança encontraram um carregador de fuzil com 31 munições.

Existe a suspeita do automóvel ter sido utilizado na ocorrência que se deu na penitenciária. O automóvel, que foi roubado no último dia 04, no Jangurussu, foi encaminhado ao 16º DP e restituído ao proprietário.

Tentativa frustrada

O chefe do furto ao Banco Central de Fortaleza, Antônio Jussivan Alves, o “Alemão“, foi baleado durante uma tentativa de fuga na madrugada desta terça-feira (8), na Penitenciária Francisco Hélio Viana de Araújo, em Pacatuba, na Região Metropolitana de Fortaleza.

Alemão foi atingido no abdômen e na perna esquerda, perto da veia femural, conforme o médico.  Ele passou por cirurgia e não corre risco de morte. Ainda segundo ele, Antônio Carlito Avelino, o “Boi“, também baleado na ação, não corre risco de morte, devendo ser liberado na quinta-feira (10).

A Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus) confirmou que a tentativa de fuga aconteceu nesta madrugada, porém mais detalhes, como o número de feridos no caso, não foram confirmados. Cerca de 30 homens participaram da tentativa de resgate de Alemão e de outro detento, conhecido como Boi.

Furto ao Banco Central

A última terça-feira (8) também marcou o “aniversário” de 12 anos do Furto ao Banco Central. Na ocasião, os criminosos levaram R$ 164,8 milhões do cofre do banco, após escavarem um túnel de 80,5 metros a partir de uma loja de fachada.

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou, ao todo, 133 pessoas, em 28 ações penais. São financiadores, executores e envolvidos com a lavagem do dinheiro do furtado. Noventa e quatro deles foram condenados e 16 absolvidos. Os demais ainda aguardam julgamento.

Foram 28 ações penais, com 133 réus, entre eles financiadores, executores e envolvidos com lavagem de dinheiro. Destes, 94 foram condenados, sendo 30 deles com participação direta na ação, e 16 absolvidos.

Publicidade

Dê sua opinião

INTENSO TIROTEIO

Preso um dos suspeitos de tentar resgatar Alemão de penitenciária em Pacatuba

O suspeito da participação na tentativa de resgate do chefe do furto ao Banco Central foi flagrado no entorno do presídio

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

9 de agosto de 2017 às 09:36

Há 1 semana
"Alemão" foi o mentor do Assalto ao Banco Central (FOTO: Reprodução)

Alemão foi o mentor do Assalto ao Banco Central (FOTO: Reprodução)

Um suspeito de ajudar na tentativa de fuga de Antônio Jussivan Alves, o Alemão, e Antônio Carlito Avelino, o Boi, na última terça-feira (8), na Penitenciária Francisco Hélio Viana de Araújo, em Pacatuba, foi preso pela Polícia. O homem detido foi identificado como Fabiano de Souza da Silva, de 39 anos.

O suspeito da participação foi flagrado no entorno do presídio com uma motocicleta furtada. Ele é suspeito de ser o “olheiro” do bando que atacava a unidade prisional. Fabiano foi encaminhado à Delegacia Metropolitana de Maracanaú.

A Delegacia dará continuidade ao trabalho de investigação, com o acompanhamento da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), em razão de poder existir o envolvimento de grupos criminosos organizados.

O homem foi autuado a princípio por receptação, mas, no prazo legal das investigações, caso seja comprovada sua participação no grupo que tentava libertar os detentos, ele também poderá ser indiciado por outros crimes. A motocicleta que ele estava foi furtada em fevereiro de 2016, no Bairro Aerolândia, em Fortaleza.

Fabiano foi preso próximo a penitenciária (FOTO: Divulgação/SSPDS)

Fabiano foi preso próximo a penitenciária (FOTO: Divulgação/SSPDS)

Carro suspeito

Na manhã da terça-feira (8), um carro abandonado na Rua B, na comunidade da Babilônia, bairro Castelão, foi resgatado pela Polícia. Dentro do veículo, Pajero de cor prata e placas OSO 9157 e com queixa de roubo, os agentes de segurança encontraram um carregador de fuzil com 31 munições.

Existe a suspeita do automóvel ter sido utilizado na ocorrência que se deu na penitenciária. O automóvel, que foi roubado no último dia 04, no Jangurussu, foi encaminhado ao 16º DP e restituído ao proprietário.

Tentativa frustrada

O chefe do furto ao Banco Central de Fortaleza, Antônio Jussivan Alves, o “Alemão“, foi baleado durante uma tentativa de fuga na madrugada desta terça-feira (8), na Penitenciária Francisco Hélio Viana de Araújo, em Pacatuba, na Região Metropolitana de Fortaleza.

Alemão foi atingido no abdômen e na perna esquerda, perto da veia femural, conforme o médico.  Ele passou por cirurgia e não corre risco de morte. Ainda segundo ele, Antônio Carlito Avelino, o “Boi“, também baleado na ação, não corre risco de morte, devendo ser liberado na quinta-feira (10).

A Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus) confirmou que a tentativa de fuga aconteceu nesta madrugada, porém mais detalhes, como o número de feridos no caso, não foram confirmados. Cerca de 30 homens participaram da tentativa de resgate de Alemão e de outro detento, conhecido como Boi.

Furto ao Banco Central

A última terça-feira (8) também marcou o “aniversário” de 12 anos do Furto ao Banco Central. Na ocasião, os criminosos levaram R$ 164,8 milhões do cofre do banco, após escavarem um túnel de 80,5 metros a partir de uma loja de fachada.

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou, ao todo, 133 pessoas, em 28 ações penais. São financiadores, executores e envolvidos com a lavagem do dinheiro do furtado. Noventa e quatro deles foram condenados e 16 absolvidos. Os demais ainda aguardam julgamento.

Foram 28 ações penais, com 133 réus, entre eles financiadores, executores e envolvidos com lavagem de dinheiro. Destes, 94 foram condenados, sendo 30 deles com participação direta na ação, e 16 absolvidos.