Praça Portugal vira ponto de venda de cortesias da área vip do Réveillon de Fortaleza

COMÉRCIO ILÍCITO

Praça Portugal vira ponto de venda de cortesias da área vip do Réveillon de Fortaleza

Vendedores oferecem cortesias por a partir de R$ 250, e o pagamento pode ser feito até com cartão de crédito

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

31 de dezembro de 2017 às 15:56

Há 4 meses
Além da venda indiscriminada na internet, o comércio ilícito de cortesias também ocorre presencialmente (FOTO: Tribuna do Ceará)

Além da venda indiscriminada na internet, o comércio ilícito de cortesias também ocorre presencialmente (FOTO: Tribuna do Ceará)

A venda de cortesias para a área vip da festa do Réveillon de Fortaleza não ocorre somente pela internet, como o Tribuna do Ceará vem mostrando nos últimos dias. A Praça Portugal, na Aldeota, virou cenário de negociação presencial das cortesias de venda proibida.

A poucas horas da festa que será realizada no Aterro da Praia de Iracema, o Tribuna do Ceará conversou na tarde deste domingo (31) com vários vendedores, que oferecem as cortesias por preços a partir de R$ 250. A venda é feita até com maquininhas de cartão de crédito.

A Praça Portugal virou tradicionalmente um local em que cambistas se reúnem para revenda de ingressos das festas privadas de Réveillon que acontecem na Região Metropolitana de Fortaleza, nos dias anteriores às festas. 

Além das festas privadas, os vendedores da praça também oferecem cortesias para o acesso à área vip do festival promovido pela Prefeitura de Fortaleza. Esse espaço é destinado a patrocinadores e autoridades do Executivo e Legislativo municipal.

Para convencer os compradores, os vendedores dizem que o local, um camarote posicionado próximo ao palco, terá direito a bebida e comida liberados. Porém, segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura, não haverá camarote e nem openbar, como o Tribuna do Ceará já mostrou.

Veja fotos do comércio de ingressos na Praça Portugal:

Venda de cortesias
1/4

Venda de cortesias

Vendedores de ingressos da Praça Portugal oferecem cortesias da área vip do Réveillon de Fortaleza (FOTO: Tribuna do Ceará)

Venda de cortesias
2/4

Venda de cortesias

Vendedores de ingressos da Praça Portugal oferecem cortesias da área vip do Réveillon de Fortaleza (FOTO: Tribuna do Ceará)

Venda de cortesias
3/4

Venda de cortesias

Vendedores de ingressos da Praça Portugal oferecem cortesias da área vip do Réveillon de Fortaleza (FOTO: Tribuna do Ceará)

Venda de cortesias
4/4

Venda de cortesias

Vendedores de ingressos da Praça Portugal oferecem cortesias da área vip do Réveillon de Fortaleza (FOTO: Tribuna do Ceará)

Praça cheia de vendedores

A reportagem do Tribuna do Ceará permaneceu cerca de meia hora na Praça Portugal, no início da tarde deste domingo (31). Os vendedores ficam sentados e em pé nas calçadas de todo o quadrilátero. Interessados chegam a todo momento em seus veículos, e nem precisam descer para fechar negócio.

A venda das cortesias do Réveillon de Fortaleza não é feita de forma tão explícita. E, desde que o Tribuna do Ceará revelou que a comercialização ilícita tem sido indiscriminada nas redes sociais, os vendedores adotaram alguns cuidados. “Rapaz, para o aterro tem, mas por causa de uns problemas, de uma reportagem aí, a gente agora vende nas intoca“, diz um deles.

Esse vendedor ofereceu as cortesias pelo preço mais em conta – R$ 250. A média, porém, é de R$ 500, segundo falam os cambistas. Na internet, o Tribuna do Ceará encontrou vendedores pedindo R$ 1.500.

O Tribuna do Ceará presenciou um diálogo de negociação para a festa do Réveillon de Fortaleza:

– “Tá de quanto?”, pergunta um interessado.
– “Você quer quantos ingressos?”, replica um vendedor.
– “Quero 2”, responde o cliente.
– “Dá para desenrolar por R$ 600”, responde.
– “Vou ver com meu amigo aqui”, finaliza.

Até com maquininha de cartão

Para fechar negócio, alguns vendedores trabalham com cartão de crédito, e repassam até cartão de visita com números de contato. O Tribuna do Ceará opta por não publicar foto do cartão de visita. “Nós vamos ficar por aqui até mais tarde, mas caso você tenha interesse ou algum conhecido, leva aqui o meu cartão”, entregou.

Comércio ilícito já é antigo

Neste sábado (30), o Tribuna do Ceará revelou a venda ilegal de cortesias realizada este ano, que ocorre livremente no Facebook. Neste domingo (31), mostramos que a venda de convites para acesso a espaço vip na festa de Réveillon já é prática antiga, feita há – pelo menos – dois anos.

A assessoria de imprensa da Prefeitura de Fortaleza informou não ser possível controlar a venda dos convites. A quantidade de cortesias entregues aos convidados não foi divulgada.

“A festa do Réveillon é gratuita, sempre foi, e ninguém deve pagar por ela. Se alguém quiser pagar, que seja para doar recursos à Associação Peter Pan, por meio do Réveillon Solidário”, concluiu a assessoria.

Veja as negociações feitas em 2015, 2016 e 2017:

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
1/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
2/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
3/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
4/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
5/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
6/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
7/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
8/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
9/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
10/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2015/2016
11/22

Ingressos do Réveillon de 2015/2016

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2015/2016
12/22

Ingressos do Réveillon de 2015/2016

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2015/2016
13/22

Ingressos do Réveillon de 2015/2016

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2015/2016
14/22

Ingressos do Réveillon de 2015/2016

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Conversamos com vendedor
15/22

Conversamos com vendedor

Vendedor oferece quatro cortesias por R$ 300 cada (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Conversamos com vendedor
16/22

Conversamos com vendedor

Vendedor oferece quatro cortesias por R$ 300 cada (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Conversamos com vendedor
17/22

Conversamos com vendedor

Vendedor oferece quatro cortesias por R$ 300 cada (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Compra e venda de cortesias
18/22

Compra e venda de cortesias

Negociações ocorrem às claras no Facebook (FOTO: Reprodução Facebook)

Compra e venda de cortesias
19/22

Compra e venda de cortesias

Negociações ocorrem às claras no Facebook (FOTO: Reprodução Facebook)

Compra e venda de cortesias
20/22

Compra e venda de cortesias

Negociações ocorrem às claras no Facebook (FOTO: Reprodução Facebook)

Compra e venda de cortesias
21/22

Compra e venda de cortesias

Negociações ocorrem às claras no Facebook (FOTO: Reprodução Facebook)

Compra e venda de cortesias
22/22

Compra e venda de cortesias

Negociações ocorrem às claras no Facebook (FOTO: Reprodução Facebook)

Publicidade

Dê sua opinião

COMÉRCIO ILÍCITO

Praça Portugal vira ponto de venda de cortesias da área vip do Réveillon de Fortaleza

Vendedores oferecem cortesias por a partir de R$ 250, e o pagamento pode ser feito até com cartão de crédito

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

31 de dezembro de 2017 às 15:56

Há 4 meses
Além da venda indiscriminada na internet, o comércio ilícito de cortesias também ocorre presencialmente (FOTO: Tribuna do Ceará)

Além da venda indiscriminada na internet, o comércio ilícito de cortesias também ocorre presencialmente (FOTO: Tribuna do Ceará)

A venda de cortesias para a área vip da festa do Réveillon de Fortaleza não ocorre somente pela internet, como o Tribuna do Ceará vem mostrando nos últimos dias. A Praça Portugal, na Aldeota, virou cenário de negociação presencial das cortesias de venda proibida.

A poucas horas da festa que será realizada no Aterro da Praia de Iracema, o Tribuna do Ceará conversou na tarde deste domingo (31) com vários vendedores, que oferecem as cortesias por preços a partir de R$ 250. A venda é feita até com maquininhas de cartão de crédito.

A Praça Portugal virou tradicionalmente um local em que cambistas se reúnem para revenda de ingressos das festas privadas de Réveillon que acontecem na Região Metropolitana de Fortaleza, nos dias anteriores às festas. 

Além das festas privadas, os vendedores da praça também oferecem cortesias para o acesso à área vip do festival promovido pela Prefeitura de Fortaleza. Esse espaço é destinado a patrocinadores e autoridades do Executivo e Legislativo municipal.

Para convencer os compradores, os vendedores dizem que o local, um camarote posicionado próximo ao palco, terá direito a bebida e comida liberados. Porém, segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura, não haverá camarote e nem openbar, como o Tribuna do Ceará já mostrou.

Veja fotos do comércio de ingressos na Praça Portugal:

Venda de cortesias
1/4

Venda de cortesias

Vendedores de ingressos da Praça Portugal oferecem cortesias da área vip do Réveillon de Fortaleza (FOTO: Tribuna do Ceará)

Venda de cortesias
2/4

Venda de cortesias

Vendedores de ingressos da Praça Portugal oferecem cortesias da área vip do Réveillon de Fortaleza (FOTO: Tribuna do Ceará)

Venda de cortesias
3/4

Venda de cortesias

Vendedores de ingressos da Praça Portugal oferecem cortesias da área vip do Réveillon de Fortaleza (FOTO: Tribuna do Ceará)

Venda de cortesias
4/4

Venda de cortesias

Vendedores de ingressos da Praça Portugal oferecem cortesias da área vip do Réveillon de Fortaleza (FOTO: Tribuna do Ceará)

Praça cheia de vendedores

A reportagem do Tribuna do Ceará permaneceu cerca de meia hora na Praça Portugal, no início da tarde deste domingo (31). Os vendedores ficam sentados e em pé nas calçadas de todo o quadrilátero. Interessados chegam a todo momento em seus veículos, e nem precisam descer para fechar negócio.

A venda das cortesias do Réveillon de Fortaleza não é feita de forma tão explícita. E, desde que o Tribuna do Ceará revelou que a comercialização ilícita tem sido indiscriminada nas redes sociais, os vendedores adotaram alguns cuidados. “Rapaz, para o aterro tem, mas por causa de uns problemas, de uma reportagem aí, a gente agora vende nas intoca“, diz um deles.

Esse vendedor ofereceu as cortesias pelo preço mais em conta – R$ 250. A média, porém, é de R$ 500, segundo falam os cambistas. Na internet, o Tribuna do Ceará encontrou vendedores pedindo R$ 1.500.

O Tribuna do Ceará presenciou um diálogo de negociação para a festa do Réveillon de Fortaleza:

– “Tá de quanto?”, pergunta um interessado.
– “Você quer quantos ingressos?”, replica um vendedor.
– “Quero 2”, responde o cliente.
– “Dá para desenrolar por R$ 600”, responde.
– “Vou ver com meu amigo aqui”, finaliza.

Até com maquininha de cartão

Para fechar negócio, alguns vendedores trabalham com cartão de crédito, e repassam até cartão de visita com números de contato. O Tribuna do Ceará opta por não publicar foto do cartão de visita. “Nós vamos ficar por aqui até mais tarde, mas caso você tenha interesse ou algum conhecido, leva aqui o meu cartão”, entregou.

Comércio ilícito já é antigo

Neste sábado (30), o Tribuna do Ceará revelou a venda ilegal de cortesias realizada este ano, que ocorre livremente no Facebook. Neste domingo (31), mostramos que a venda de convites para acesso a espaço vip na festa de Réveillon já é prática antiga, feita há – pelo menos – dois anos.

A assessoria de imprensa da Prefeitura de Fortaleza informou não ser possível controlar a venda dos convites. A quantidade de cortesias entregues aos convidados não foi divulgada.

“A festa do Réveillon é gratuita, sempre foi, e ninguém deve pagar por ela. Se alguém quiser pagar, que seja para doar recursos à Associação Peter Pan, por meio do Réveillon Solidário”, concluiu a assessoria.

Veja as negociações feitas em 2015, 2016 e 2017:

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
1/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
2/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
3/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
4/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
5/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
6/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
7/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
8/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
9/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2016/2017
10/22

Ingressos do Réveillon de 2016/2017

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2015/2016
11/22

Ingressos do Réveillon de 2015/2016

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2015/2016
12/22

Ingressos do Réveillon de 2015/2016

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2015/2016
13/22

Ingressos do Réveillon de 2015/2016

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Ingressos do Réveillon de 2015/2016
14/22

Ingressos do Réveillon de 2015/2016

(FOTO: Reprodução/Facebook)

Conversamos com vendedor
15/22

Conversamos com vendedor

Vendedor oferece quatro cortesias por R$ 300 cada (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Conversamos com vendedor
16/22

Conversamos com vendedor

Vendedor oferece quatro cortesias por R$ 300 cada (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Conversamos com vendedor
17/22

Conversamos com vendedor

Vendedor oferece quatro cortesias por R$ 300 cada (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Compra e venda de cortesias
18/22

Compra e venda de cortesias

Negociações ocorrem às claras no Facebook (FOTO: Reprodução Facebook)

Compra e venda de cortesias
19/22

Compra e venda de cortesias

Negociações ocorrem às claras no Facebook (FOTO: Reprodução Facebook)

Compra e venda de cortesias
20/22

Compra e venda de cortesias

Negociações ocorrem às claras no Facebook (FOTO: Reprodução Facebook)

Compra e venda de cortesias
21/22

Compra e venda de cortesias

Negociações ocorrem às claras no Facebook (FOTO: Reprodução Facebook)

Compra e venda de cortesias
22/22

Compra e venda de cortesias

Negociações ocorrem às claras no Facebook (FOTO: Reprodução Facebook)