Polícia prende 19 pessoas envolvidas em expulsões de famílias

JANGURUSSU

Polícia prende 19 pessoas envolvidas em expulsões de famílias

Outras 19 pessoas já foram presas em investigações efetuadas pela Polícia Civil com objetivo de identificar e deter indivíduos com envolvimentos direto ou indireto em expulsões de famílias de suas casas

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

12 de dezembro de 2018 às 19:48

Há 1 mês
Famílias foram expulsas no Jangurussu (FOTO: Arquivo/TV Jangadeiro)

Famílias foram expulsas no Jangurussu (FOTO: Arquivo/TV Jangadeiro)

A polícia já prendeu 19 pessoas suspeitas de expulsar famílias de casa na região do Bairro Jangurussu, em Fortaleza. Nesta quarta-feira (12), uma família foi expulsa de casa por facção criminosa no bairro Conjunto Palmeiras, onde nove pessoas foram presas, entra elas quatro menores de idade.

De acordo com nota da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), foram levados aparelhos celulares, bicicletas, televisão e dinheiro das vítimas. Após o roubo, os infratores forçaram os moradores da residência a deixarem o local. Uma das vítimas chegou a ser agredida. 

Uma adolescente de 14 anos, dois de 16 e um com 15 anos de idade foram encaminhados para Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA) e foram autuados por ato infracional análogo ao crime de roubo e lesão corporal.

Também foram capturados Samuel dos Santos Celestino, 23 anos, com passagens pela polícia por tentativa de homicídio, receptação e porte ilegal de arma de fogo. Luís Carlos Ferreira da Silva, 21 , Maria Selma Gomes da Silva, 40, Sabrina de Oliveira Araújo, 23, e Sâmia de Oliveira Araújo, 22, não tinham passagens pela polícia. O inquérito referente aos adultos foi encaminhado para o 30º DP.

Entenda o caso

Marido, esposa, uma bebê de 7 meses e uma adolescente de 13 anos foram expulsos de casa no bairro Conjunto Palmeiras. O zelador conta que estava no trabalho quando recebeu um telefonema da esposa, contando que havia gente querendo invadir a casa da família. Foi então que o homem foi até o local e, lá chegando, não encontrou mais a mulher e os filhos.

“Ela já tinha sido feita refém. Minha filha, de 13 anos, já tinha tido o cabelo cortado com tesoura. Cortaram o cabelo dela, ameaçaram de matar, fizeram o terror. Quando vi a situação, fui tentar resolver do modo certo”, conta o homem, que logo se dirigiu à polícia para registrar BO.

Publicidade

Dê sua opinião

JANGURUSSU

Polícia prende 19 pessoas envolvidas em expulsões de famílias

Outras 19 pessoas já foram presas em investigações efetuadas pela Polícia Civil com objetivo de identificar e deter indivíduos com envolvimentos direto ou indireto em expulsões de famílias de suas casas

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

12 de dezembro de 2018 às 19:48

Há 1 mês
Famílias foram expulsas no Jangurussu (FOTO: Arquivo/TV Jangadeiro)

Famílias foram expulsas no Jangurussu (FOTO: Arquivo/TV Jangadeiro)

A polícia já prendeu 19 pessoas suspeitas de expulsar famílias de casa na região do Bairro Jangurussu, em Fortaleza. Nesta quarta-feira (12), uma família foi expulsa de casa por facção criminosa no bairro Conjunto Palmeiras, onde nove pessoas foram presas, entra elas quatro menores de idade.

De acordo com nota da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), foram levados aparelhos celulares, bicicletas, televisão e dinheiro das vítimas. Após o roubo, os infratores forçaram os moradores da residência a deixarem o local. Uma das vítimas chegou a ser agredida. 

Uma adolescente de 14 anos, dois de 16 e um com 15 anos de idade foram encaminhados para Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA) e foram autuados por ato infracional análogo ao crime de roubo e lesão corporal.

Também foram capturados Samuel dos Santos Celestino, 23 anos, com passagens pela polícia por tentativa de homicídio, receptação e porte ilegal de arma de fogo. Luís Carlos Ferreira da Silva, 21 , Maria Selma Gomes da Silva, 40, Sabrina de Oliveira Araújo, 23, e Sâmia de Oliveira Araújo, 22, não tinham passagens pela polícia. O inquérito referente aos adultos foi encaminhado para o 30º DP.

Entenda o caso

Marido, esposa, uma bebê de 7 meses e uma adolescente de 13 anos foram expulsos de casa no bairro Conjunto Palmeiras. O zelador conta que estava no trabalho quando recebeu um telefonema da esposa, contando que havia gente querendo invadir a casa da família. Foi então que o homem foi até o local e, lá chegando, não encontrou mais a mulher e os filhos.

“Ela já tinha sido feita refém. Minha filha, de 13 anos, já tinha tido o cabelo cortado com tesoura. Cortaram o cabelo dela, ameaçaram de matar, fizeram o terror. Quando vi a situação, fui tentar resolver do modo certo”, conta o homem, que logo se dirigiu à polícia para registrar BO.