Polícia apreende 4 toneladas de maconha em carroceria de caminhão no Ceará

TRÁFICO

Polícia apreende 4 toneladas de maconha em carroceria de caminhão no Ceará

Motorista do veículo disse à PRF ter recebido R$ 10 mil para fazer o transporte da droga de Curitiba a Fortaleza

Por Lucas Barbosa em Segurança Pública

8 de maio de 2017 às 09:12

Há 2 anos

Carga estava em caminhão (FOTO: Divulgação/PRF)

Quatro toneladas de maconha foram apreendidas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em blitz no quilômetro 303 da BR-116, na altura do município de Jaguaribe, a 291 quilômetros da Capital. A droga era transportada na carroceria de um caminhão-tanque. O caso ocorreu por volta das 20 horas desse domingo (7).

O homem de 28 anos que dirigia o veículo foi detido. Ele contou aos policiais ter recebido R$ 10 mil para transportar a maconha de Curitiba a Fortaleza. A identidade do suspeito não foi divulgada pela PRF.

Pesagem

A carga foi enviada a Fortaleza, onde, na manhã desta segunda-feira (8), será submetida a pesagem. A Polícia Federal investiga o caso.

Publicidade

Dê sua opinião

TRÁFICO

Polícia apreende 4 toneladas de maconha em carroceria de caminhão no Ceará

Motorista do veículo disse à PRF ter recebido R$ 10 mil para fazer o transporte da droga de Curitiba a Fortaleza

Por Lucas Barbosa em Segurança Pública

8 de maio de 2017 às 09:12

Há 2 anos

Carga estava em caminhão (FOTO: Divulgação/PRF)

Quatro toneladas de maconha foram apreendidas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em blitz no quilômetro 303 da BR-116, na altura do município de Jaguaribe, a 291 quilômetros da Capital. A droga era transportada na carroceria de um caminhão-tanque. O caso ocorreu por volta das 20 horas desse domingo (7).

O homem de 28 anos que dirigia o veículo foi detido. Ele contou aos policiais ter recebido R$ 10 mil para transportar a maconha de Curitiba a Fortaleza. A identidade do suspeito não foi divulgada pela PRF.

Pesagem

A carga foi enviada a Fortaleza, onde, na manhã desta segunda-feira (8), será submetida a pesagem. A Polícia Federal investiga o caso.