Mulher briga com assaltante para evitar roubo de bolsa em Fortaleza

REVOLTA COM VIOLÊNCIA

Mulher briga com assaltante para evitar roubo de bolsa em Fortaleza

Já é a 2ª vez que a mulher briga com assaltantes para evitar roubo, no Conjunto Esperança. Segundo moradores, assaltos às 5h são comuns

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

3 de agosto de 2017 às 09:21

Há 4 meses
A mulher lutou contra o assaltante (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

A mulher lutou contra o assaltante para ficar com suas coisas (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

Uma mulher teve uma reação de muita coragem nesta quarta-feira (2), no Bairro Conjunto Esperança, em Fortaleza. Eulália Belo estava indo ao trabalho por volta das 5h quando notou a presença de uma moto com dois homens. Ela tentou fugir, mas foi abordada por um deles e acabou lutando contra o criminoso para evitar o roubo de sua bolsa.

A ação é muito rápida. Ele puxa de um lado e ela de outro. No vídeo de câmera de segurança de estabelecimento também é possível ver que ele dá dois murros no braço da vítima, mas ela consegue se manter firme até que eles desistem e vão embora. Assustada, ela corre alguns metros até encontrar uma pessoa.

Em entrevista ao programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, a vítima admite que a atitude foi arriscada, mas que infelizmente não conseguiu agir diferente. “Infelizmente eu não consigo me controlar. Na hora do nervosismo é isso que acontece. Eu disse a eles que minha bolsa eu não dava”, afirmou a mulher que lutou contra o assaltante.

Eulália disse que não viu arma com eles e por isso a reação foi imediata. “É a segunda vez que me acontecesse isso. Uma vez foi perto da empresa onde trabalho, eu gritei, pedi ajuda, mas ninguém fez nada, e eu como não vi arma nenhuma, lutei para ficar com as minhas coisas”, admite.

Os casos de assalto no Conjunto Esperança são constantes, como comentam algumas pessoas do local que não se identificaram. “Eles gostam de agir sempre nesse horário que as pessoas estão saindo para trabalhar. Por aqui isso está constante”, relata.

Confira reportagem sobre o caso no programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, às 12h10.

Veja o vídeo:

Publicidade

Dê sua opinião

REVOLTA COM VIOLÊNCIA

Mulher briga com assaltante para evitar roubo de bolsa em Fortaleza

Já é a 2ª vez que a mulher briga com assaltantes para evitar roubo, no Conjunto Esperança. Segundo moradores, assaltos às 5h são comuns

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

3 de agosto de 2017 às 09:21

Há 4 meses
A mulher lutou contra o assaltante (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

A mulher lutou contra o assaltante para ficar com suas coisas (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

Uma mulher teve uma reação de muita coragem nesta quarta-feira (2), no Bairro Conjunto Esperança, em Fortaleza. Eulália Belo estava indo ao trabalho por volta das 5h quando notou a presença de uma moto com dois homens. Ela tentou fugir, mas foi abordada por um deles e acabou lutando contra o criminoso para evitar o roubo de sua bolsa.

A ação é muito rápida. Ele puxa de um lado e ela de outro. No vídeo de câmera de segurança de estabelecimento também é possível ver que ele dá dois murros no braço da vítima, mas ela consegue se manter firme até que eles desistem e vão embora. Assustada, ela corre alguns metros até encontrar uma pessoa.

Em entrevista ao programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, a vítima admite que a atitude foi arriscada, mas que infelizmente não conseguiu agir diferente. “Infelizmente eu não consigo me controlar. Na hora do nervosismo é isso que acontece. Eu disse a eles que minha bolsa eu não dava”, afirmou a mulher que lutou contra o assaltante.

Eulália disse que não viu arma com eles e por isso a reação foi imediata. “É a segunda vez que me acontecesse isso. Uma vez foi perto da empresa onde trabalho, eu gritei, pedi ajuda, mas ninguém fez nada, e eu como não vi arma nenhuma, lutei para ficar com as minhas coisas”, admite.

Os casos de assalto no Conjunto Esperança são constantes, como comentam algumas pessoas do local que não se identificaram. “Eles gostam de agir sempre nesse horário que as pessoas estão saindo para trabalhar. Por aqui isso está constante”, relata.

Confira reportagem sobre o caso no programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, às 12h10.

Veja o vídeo: