Mulher amarrada e queimada por marido em Fortaleza está em estado grave no IJF

CRIME BÁRBARO

Mulher amarrada e queimada por marido em Fortaleza está em estado grave no IJF

Após o ato criminoso, o homem tentou tirar a própria vida com um facão. Ele também está hospitalizado, mas com escolta policial

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

7 de dezembro de 2017 às 11:51

Há 1 semana
A casa ficou totalmente destruída (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

A casa ficou totalmente destruída (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

A mulher de 44 anos que foi queimada pelo marido dentro da residência, no Bairro Dias Macedo, na última quarta-feira (6), segue no Centro de Tratamento de Queimados do Instituto Doutor José Frota (IJF), em Fortaleza. A vítima teve queimaduras de 3º grau e o estado é grave.

A vítima foi amarrada e queimada enquanto o homem ateava fogo dentro de todo a casa. Além dela, as filhas também estavam dentro da residência que ficou destruída. As garotas conseguiram fugir e pedir ajuda de vizinhos para socorrer a mãe. O cachorro de estimação da mãe morreu no local.

Após o ato criminoso, o homem tentou tirar a própria vida com um facão. Ele se feriu no pescoço e também segue hospitalizado, mas com escolta policial.

O caso

Um homem identificado apenas por Paulo ateou fogo na casa em que morava com a família no Bairro Dias Macedo, em Fortaleza. A esposa identificada por Val, a enteada de 13 anos e a filha do casal, uma criança de 6 anos, conseguiram escapar.

Crueldade em Ipueiras

Na segunda-feira (4) um caso semelhante aconteceu no interior do Ceará, em Ipueiras. Uma mulher e três crianças foram mortas em um incêndioque atingiu a casa onde moravam, na localidade de Pai Mané, em Ipueiras, a 304 quilômetros de Fortaleza. O suspeito do suposto incêndio criminoso é o companheiro e padrasto das vítimas.

O fogo foi apagado pelos próprios moradores da região, de acordo com informações do Destacamento da Polícia Militar no Município. Em seguida, quatro corpos foram encontrados.

Publicidade

Dê sua opinião

CRIME BÁRBARO

Mulher amarrada e queimada por marido em Fortaleza está em estado grave no IJF

Após o ato criminoso, o homem tentou tirar a própria vida com um facão. Ele também está hospitalizado, mas com escolta policial

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

7 de dezembro de 2017 às 11:51

Há 1 semana
A casa ficou totalmente destruída (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

A casa ficou totalmente destruída (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

A mulher de 44 anos que foi queimada pelo marido dentro da residência, no Bairro Dias Macedo, na última quarta-feira (6), segue no Centro de Tratamento de Queimados do Instituto Doutor José Frota (IJF), em Fortaleza. A vítima teve queimaduras de 3º grau e o estado é grave.

A vítima foi amarrada e queimada enquanto o homem ateava fogo dentro de todo a casa. Além dela, as filhas também estavam dentro da residência que ficou destruída. As garotas conseguiram fugir e pedir ajuda de vizinhos para socorrer a mãe. O cachorro de estimação da mãe morreu no local.

Após o ato criminoso, o homem tentou tirar a própria vida com um facão. Ele se feriu no pescoço e também segue hospitalizado, mas com escolta policial.

O caso

Um homem identificado apenas por Paulo ateou fogo na casa em que morava com a família no Bairro Dias Macedo, em Fortaleza. A esposa identificada por Val, a enteada de 13 anos e a filha do casal, uma criança de 6 anos, conseguiram escapar.

Crueldade em Ipueiras

Na segunda-feira (4) um caso semelhante aconteceu no interior do Ceará, em Ipueiras. Uma mulher e três crianças foram mortas em um incêndioque atingiu a casa onde moravam, na localidade de Pai Mané, em Ipueiras, a 304 quilômetros de Fortaleza. O suspeito do suposto incêndio criminoso é o companheiro e padrasto das vítimas.

O fogo foi apagado pelos próprios moradores da região, de acordo com informações do Destacamento da Polícia Militar no Município. Em seguida, quatro corpos foram encontrados.