Homem embriagado mata esposa cadeirante com golpes de tesoura em Maracanaú

FEMINICÍDIO

Homem embriagado mata esposa cadeirante com golpes de tesoura em Maracanaú

Alice Miranda de Souza, de 30 anos, foi morta na calçada de casa após uma discussão em dia de bebedeira do casal

Por TV Jangadeiro em Segurança Pública

7 de dezembro de 2018 às 12:03

Há 5 dias
homem-feminicídio

Homem foi preso por feminicídio. (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Em menos de 24 horas a polícia prendeu um homem acusado de matar a companheira, que era cadeirante, após uma bebedeira na madrugada desta sexta-feira (7), em Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza. Alice Miranda de Souza, de 30 anos, foi morta a golpes de tesoura por Francisco André Veras, de 42, com quem vivia há cinco anos.

O acusado foi preso em flagrante por feminicídio. O caso foi registrado na Delegacia Metropolitana de Maracanaú.

“Foi bebedeira, mas não sabia que tinha acontecido isso com ela. Na hora, ela tacou a tesoura em mim, acho que taquei nela, mas não tive a intenção. Eu saí andando. Nós estávamos bebendo. Não caiu a ficha ainda não. Não tô nem acreditando. Tô arrependido”, disse André.

Os dois teriam começado a beber pela manhã e já durante a noite começaram a discutir na calçada de casa, na rua 55, no bairro Jereissati II. Segundo familiares e vizinhos, as brigas eram constantes. Apesar disso, segundo a Polícia, a vítima não queria deixar o companheiro.

A vizinhança ainda tentou socorrer Alice, mas ela não resistiu. Depois do crime, André fugiu para a casa da mãe, mas foi preso pela polícia.

“Inicialmente ele negou, mas ao chegar à delegacia, ele entendeu que negar não tinha mais sentido. Ele disse que não tinha intenção de matá-la, mas que furou a mulher diversas vezes com a tesoura. A informação é que eram usuários de drogas e que viviam tranquilamente quando não estavam drogados e embriagados”, disse o inspetor Morais.

André foi autuado pelo crime de feminicídio e será encaminhado ao presídio. O inquérito será enviado para a Delegacia da Mulher.

Publicidade

Dê sua opinião

FEMINICÍDIO

Homem embriagado mata esposa cadeirante com golpes de tesoura em Maracanaú

Alice Miranda de Souza, de 30 anos, foi morta na calçada de casa após uma discussão em dia de bebedeira do casal

Por TV Jangadeiro em Segurança Pública

7 de dezembro de 2018 às 12:03

Há 5 dias
homem-feminicídio

Homem foi preso por feminicídio. (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Em menos de 24 horas a polícia prendeu um homem acusado de matar a companheira, que era cadeirante, após uma bebedeira na madrugada desta sexta-feira (7), em Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza. Alice Miranda de Souza, de 30 anos, foi morta a golpes de tesoura por Francisco André Veras, de 42, com quem vivia há cinco anos.

O acusado foi preso em flagrante por feminicídio. O caso foi registrado na Delegacia Metropolitana de Maracanaú.

“Foi bebedeira, mas não sabia que tinha acontecido isso com ela. Na hora, ela tacou a tesoura em mim, acho que taquei nela, mas não tive a intenção. Eu saí andando. Nós estávamos bebendo. Não caiu a ficha ainda não. Não tô nem acreditando. Tô arrependido”, disse André.

Os dois teriam começado a beber pela manhã e já durante a noite começaram a discutir na calçada de casa, na rua 55, no bairro Jereissati II. Segundo familiares e vizinhos, as brigas eram constantes. Apesar disso, segundo a Polícia, a vítima não queria deixar o companheiro.

A vizinhança ainda tentou socorrer Alice, mas ela não resistiu. Depois do crime, André fugiu para a casa da mãe, mas foi preso pela polícia.

“Inicialmente ele negou, mas ao chegar à delegacia, ele entendeu que negar não tinha mais sentido. Ele disse que não tinha intenção de matá-la, mas que furou a mulher diversas vezes com a tesoura. A informação é que eram usuários de drogas e que viviam tranquilamente quando não estavam drogados e embriagados”, disse o inspetor Morais.

André foi autuado pelo crime de feminicídio e será encaminhado ao presídio. O inquérito será enviado para a Delegacia da Mulher.