Grande Fortaleza sofre onda de ataques um dia após secretário anunciar fim da divisão de facções em presídios

NOITE DE TERROR

Grande Fortaleza sofre onda de ataques um dia após secretário anunciar fim da divisão de facções em presídios

Pelo menos 13 ataques criminosos levaram terror a Fortaleza, Caucaia e Horizonte, com incêndio a ônibus, van, prédio público, agência bancária, posto de combustíveis e fotossenssores

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

3 de janeiro de 2019 às 09:29

Há 3 meses
incendio

Fortaleza e RMF sofrem nova onda de ataques. (FOTO: Reprodução/WhatsApp)

(*) Atualizado às 10h35.

Nova onda de ataques traz medo a Região Metropolitana de Fortaleza. Ônibus, prédios públicos e privados, fotossensores e até um viaduto foram atacados em pelo menos 13 ações criminosas durante a noite desta quarta-feira (2) e a madrugada desta quinta-feira (3).

As ações aconteceram um dia após as declarações do novo secretário da recém-criada secretaria Administração Penitenciária do Ceará, Luís Mauro Albuquerque. Durante a posse, nesta terça-feira (1), ele adiantou que os presídios cearenses não serão mais divididos por facções.

Por meio de nota, a Secretaria de Segurança Pública (SSPDS) confirmou pelo menos 13 ataques. Foram três ataques a ônibus em Fortaleza, no bairro Edson Queiroz e no Parque Santa Rosa. Em Caucaia, uma van também foi incendiada e bandidos também explodiram uma das pilastras de um viaduto entre a BR-020 e BR-222.

Houve também avarias em um semáforo no Quintino Cunha, em câmeras de monitoramento da SSPDS na Barra do Ceará e no Bom Jardim, e em fotossensores em Messejana, Moura Brasil e Caucaia.

Também foram registrados disparos de arma de fogo contra uma agência bancária do Bradesco no bairro Otávio Bonfim. Um artefato de fabricação caseira também foi arremessado em um posto de combustíveis no bairro Damas. Por fim, também incendiaram o pátio do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) de Horizonte.

Confira abaixo imagens de alguns dos ataques da madrugada, apurados pelo Sistema Jangadeiro.

– Dois ônibus foram incendiados durante a noite desta quarta-feira (2). O primeiro foi no bairro Edson Queiroz, na rua Cidade Ecológica, em Fortaleza. Um homem subiu no carro e mandou motorista, cobrador e passageiros descerem, então ateou fogo no coletivo.

 

– Um segundo coletivo foi atacado no Parque Santa Rosa, quando foi interceptado por quatro homens em um carro de passeio. Eles subiram armados no ônibus e atearam fogo.

 

– Um artefato explosivo foi detonado em uma pilastra de sustentação de um viaduto de Caucaia, que interliga as BRs 020 e 222. O trânsito se encontra interditado nas rodovias que cruzam o trecho.

 

– Uma tentativa de incêndio a fotossensores na avenida Washington Soares também foi registrada. Nas imagens, pelo menos cinco homens aparecem enquanto outro faz a gravação da imagem. É possível ver a base de dois fotossensores sendo queimadas e alguns dos suspeitos danificando os aparelhos.

 

– Em Caucaia, na “Ponte dos Tapebas”, outros fotossensores também foram danificados. Desta vez, além de incendiados, equipamentos também foram danificados com tiros.

 

– Uma van foi incendiada também em Caucaia. É possível ver o veículo completamente tomado pelo fogo.

 

– O pátio do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) de Horizonte foi tomado pelo fogo também nesta quarta-feira (2). Os bandidos teriam usado coquetel motolov e incendiado diversos veículos no local.

Também houve um ataque a agência do Bradesco da avenida Bezerra de Menezes, em Fortaleza.

Confira a cobertura sobre o caso:

2/1 – “Haverá matança, se juntar detentos de facções diferentes no mesmo presídio”, alerta Copen

2/1 – Novo secretário promete fim da divisão de presídios por facções no Ceará

Publicidade

Dê sua opinião

NOITE DE TERROR

Grande Fortaleza sofre onda de ataques um dia após secretário anunciar fim da divisão de facções em presídios

Pelo menos 13 ataques criminosos levaram terror a Fortaleza, Caucaia e Horizonte, com incêndio a ônibus, van, prédio público, agência bancária, posto de combustíveis e fotossenssores

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

3 de janeiro de 2019 às 09:29

Há 3 meses
incendio

Fortaleza e RMF sofrem nova onda de ataques. (FOTO: Reprodução/WhatsApp)

(*) Atualizado às 10h35.

Nova onda de ataques traz medo a Região Metropolitana de Fortaleza. Ônibus, prédios públicos e privados, fotossensores e até um viaduto foram atacados em pelo menos 13 ações criminosas durante a noite desta quarta-feira (2) e a madrugada desta quinta-feira (3).

As ações aconteceram um dia após as declarações do novo secretário da recém-criada secretaria Administração Penitenciária do Ceará, Luís Mauro Albuquerque. Durante a posse, nesta terça-feira (1), ele adiantou que os presídios cearenses não serão mais divididos por facções.

Por meio de nota, a Secretaria de Segurança Pública (SSPDS) confirmou pelo menos 13 ataques. Foram três ataques a ônibus em Fortaleza, no bairro Edson Queiroz e no Parque Santa Rosa. Em Caucaia, uma van também foi incendiada e bandidos também explodiram uma das pilastras de um viaduto entre a BR-020 e BR-222.

Houve também avarias em um semáforo no Quintino Cunha, em câmeras de monitoramento da SSPDS na Barra do Ceará e no Bom Jardim, e em fotossensores em Messejana, Moura Brasil e Caucaia.

Também foram registrados disparos de arma de fogo contra uma agência bancária do Bradesco no bairro Otávio Bonfim. Um artefato de fabricação caseira também foi arremessado em um posto de combustíveis no bairro Damas. Por fim, também incendiaram o pátio do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) de Horizonte.

Confira abaixo imagens de alguns dos ataques da madrugada, apurados pelo Sistema Jangadeiro.

– Dois ônibus foram incendiados durante a noite desta quarta-feira (2). O primeiro foi no bairro Edson Queiroz, na rua Cidade Ecológica, em Fortaleza. Um homem subiu no carro e mandou motorista, cobrador e passageiros descerem, então ateou fogo no coletivo.

 

– Um segundo coletivo foi atacado no Parque Santa Rosa, quando foi interceptado por quatro homens em um carro de passeio. Eles subiram armados no ônibus e atearam fogo.

 

– Um artefato explosivo foi detonado em uma pilastra de sustentação de um viaduto de Caucaia, que interliga as BRs 020 e 222. O trânsito se encontra interditado nas rodovias que cruzam o trecho.

 

– Uma tentativa de incêndio a fotossensores na avenida Washington Soares também foi registrada. Nas imagens, pelo menos cinco homens aparecem enquanto outro faz a gravação da imagem. É possível ver a base de dois fotossensores sendo queimadas e alguns dos suspeitos danificando os aparelhos.

 

– Em Caucaia, na “Ponte dos Tapebas”, outros fotossensores também foram danificados. Desta vez, além de incendiados, equipamentos também foram danificados com tiros.

 

– Uma van foi incendiada também em Caucaia. É possível ver o veículo completamente tomado pelo fogo.

 

– O pátio do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) de Horizonte foi tomado pelo fogo também nesta quarta-feira (2). Os bandidos teriam usado coquetel motolov e incendiado diversos veículos no local.

Também houve um ataque a agência do Bradesco da avenida Bezerra de Menezes, em Fortaleza.

Confira a cobertura sobre o caso:

2/1 – “Haverá matança, se juntar detentos de facções diferentes no mesmo presídio”, alerta Copen

2/1 – Novo secretário promete fim da divisão de presídios por facções no Ceará