Estilista é assassinada com tiro no rosto ao sair do trabalho em Fortaleza

À QUEIMA ROUPA

Estilista é assassinada com tiro no rosto ao sair do trabalho em Fortaleza

Nayana Mara Costa Araújo, de 32 anos, foi morta quando saía de uma confecção na rua Roquete Pinto, no bairro Parangaba

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

15 de Maio de 2018 às 10:39

Há 5 meses
Estilista assassinado

A estilista estava saindo do trabalho quando foi atingida pelo disparo (Foto: Reprodução/Instagram)

Atualizado às 12h20 desta terça-feira (15)

Uma estilista de 32 anos foi assassinada com um tiro no rosto na tarde desta segunda-feira (14). A vítima foi identificada como Nayana Mara Costa Araújo. O crime aconteceu quando ela estava saindo de uma confecção na rua Roquete Pinto, no bairro Parangaba, em Fortaleza.

Ao entrar no carro, três homens em um veículo cinza se aproximaram da mulher e um deles efetuou um tiro. De acordo com os socorristas do Serviço de Atendimento Móvel e de Urgência (Samu) que atenderam a ocorrência, a bala atingiu o rosto de Nayana. Nenhum pertence da vítima foi levado.

“Eu ainda cheguei a ver um carro prata saindo. Evitei até de tocá-la por não saber o procedimento e liguei para a Polícia. Ela sempre vinha fazer um trabalho aqui”, comenta um morador, que optou por não se identificar. Um suposto carro utilizado no crime foi abandonado na rua João Amora, no bairro Vila Manoel Sátiro.

Segundo a nota da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), os criminosos tentaram levar o carro da vítima, mas ela teria entrado no carro e foi atingida por um disparo de arma de fogo. “Nayana não resistiu ao ferimento e veio a óbito no local. Os infratores fugiram em seguida”, informou a nota.

A pasta informou que o carro utilizado na ação foi deixado pelos criminosos no estacionamento de um supermercado. Segundo a Polícia, o veículo havia sido roubado e estava com placa clonada. “Tanto o veículo da vítima, quando o veículo utilizado pelos suspeitos, foram encaminhados para unidades policiais”, acrescentou a nota.

A Polícia Civil reforça que a população pode contribuir com as investigações repassando informações que possam ajudar na elucidação do caso. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), para o (85) 3257-8807, da DHPP, ou ainda para o número (85) 99111-7498, que é o WhatsApp da Divisão, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem. O sigilo é garantido.

Confira o caso no programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, às 12h10 desta terça-feira (15).

Publicidade

Dê sua opinião

À QUEIMA ROUPA

Estilista é assassinada com tiro no rosto ao sair do trabalho em Fortaleza

Nayana Mara Costa Araújo, de 32 anos, foi morta quando saía de uma confecção na rua Roquete Pinto, no bairro Parangaba

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

15 de Maio de 2018 às 10:39

Há 5 meses
Estilista assassinado

A estilista estava saindo do trabalho quando foi atingida pelo disparo (Foto: Reprodução/Instagram)

Atualizado às 12h20 desta terça-feira (15)

Uma estilista de 32 anos foi assassinada com um tiro no rosto na tarde desta segunda-feira (14). A vítima foi identificada como Nayana Mara Costa Araújo. O crime aconteceu quando ela estava saindo de uma confecção na rua Roquete Pinto, no bairro Parangaba, em Fortaleza.

Ao entrar no carro, três homens em um veículo cinza se aproximaram da mulher e um deles efetuou um tiro. De acordo com os socorristas do Serviço de Atendimento Móvel e de Urgência (Samu) que atenderam a ocorrência, a bala atingiu o rosto de Nayana. Nenhum pertence da vítima foi levado.

“Eu ainda cheguei a ver um carro prata saindo. Evitei até de tocá-la por não saber o procedimento e liguei para a Polícia. Ela sempre vinha fazer um trabalho aqui”, comenta um morador, que optou por não se identificar. Um suposto carro utilizado no crime foi abandonado na rua João Amora, no bairro Vila Manoel Sátiro.

Segundo a nota da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), os criminosos tentaram levar o carro da vítima, mas ela teria entrado no carro e foi atingida por um disparo de arma de fogo. “Nayana não resistiu ao ferimento e veio a óbito no local. Os infratores fugiram em seguida”, informou a nota.

A pasta informou que o carro utilizado na ação foi deixado pelos criminosos no estacionamento de um supermercado. Segundo a Polícia, o veículo havia sido roubado e estava com placa clonada. “Tanto o veículo da vítima, quando o veículo utilizado pelos suspeitos, foram encaminhados para unidades policiais”, acrescentou a nota.

A Polícia Civil reforça que a população pode contribuir com as investigações repassando informações que possam ajudar na elucidação do caso. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), para o (85) 3257-8807, da DHPP, ou ainda para o número (85) 99111-7498, que é o WhatsApp da Divisão, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem. O sigilo é garantido.

Confira o caso no programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, às 12h10 desta terça-feira (15).