Empresário é assassinado a tiros dentro de seu escritório no Jardim Jatobá

HOMICÍDIO

Empresário é assassinado a tiros dentro de seu escritório no Jardim Jatobá

O empresário Francisco Alderi possuía vários comércios. A polícia investiga se a motivação do crime trata-se de um latrocínio ou de um pagamento de dívida

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

6 de fevereiro de 2019 às 10:58

Há 2 semanas
Empresário é assassinado em seu escritório

Francisco possuía vários comércios na região (Foto: Reprodução/Barra Pesada)

Atualizado às 11h40 

Um empresário foi assassinado por dois homens dentro do seu escritório no bairro Jardim Jatobá, em Fortaleza, nesta terça-feira (5). Segundo a polícia, dois homens teriam chegado ao local e realizaram diversos disparos contra Francisco Alderi Alves Ferreira. Os suspeitos foram presos pela polícia no município de Maracanaú. As informações são do programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT.

As câmeras de segurança flagraram toda a ação. Nas imagens, é possível ver dois homens em uma moto entrando no escritório da vítima. Logo depois, um dos acusados sai do local com arma em punho e, em seguida, aparece o segundo que fogem do local. Felipe Pinto de Souza, 24, e Francisco Jhon da Silva Barros, 30, foram presos em Maracanaú e confessaram o crime.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a polícia encontrou um revólver calibre 38, com três munições deflagradas e duas intactas, e pertences roubados da vítima. “Os policiais militares conduziram a dupla para o 32º Distrito Policial (DP), no bairro Bom Jardim, para a realização dos procedimentos cabíveis ao fato”, afirmou em nota.

A polícia investiga duas hipóteses sobre a motivação da morte de Alderi. A primeira que trata-se de um latrocínio, enquanto a segunda se o empresário teria morrido por uma dívida de R$ 4 mil, como afirmaram os suspeitos.

Confira o caso no programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, às 12h10 desta quarta-feira (6).

Publicidade

Dê sua opinião

HOMICÍDIO

Empresário é assassinado a tiros dentro de seu escritório no Jardim Jatobá

O empresário Francisco Alderi possuía vários comércios. A polícia investiga se a motivação do crime trata-se de um latrocínio ou de um pagamento de dívida

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

6 de fevereiro de 2019 às 10:58

Há 2 semanas
Empresário é assassinado em seu escritório

Francisco possuía vários comércios na região (Foto: Reprodução/Barra Pesada)

Atualizado às 11h40 

Um empresário foi assassinado por dois homens dentro do seu escritório no bairro Jardim Jatobá, em Fortaleza, nesta terça-feira (5). Segundo a polícia, dois homens teriam chegado ao local e realizaram diversos disparos contra Francisco Alderi Alves Ferreira. Os suspeitos foram presos pela polícia no município de Maracanaú. As informações são do programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT.

As câmeras de segurança flagraram toda a ação. Nas imagens, é possível ver dois homens em uma moto entrando no escritório da vítima. Logo depois, um dos acusados sai do local com arma em punho e, em seguida, aparece o segundo que fogem do local. Felipe Pinto de Souza, 24, e Francisco Jhon da Silva Barros, 30, foram presos em Maracanaú e confessaram o crime.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a polícia encontrou um revólver calibre 38, com três munições deflagradas e duas intactas, e pertences roubados da vítima. “Os policiais militares conduziram a dupla para o 32º Distrito Policial (DP), no bairro Bom Jardim, para a realização dos procedimentos cabíveis ao fato”, afirmou em nota.

A polícia investiga duas hipóteses sobre a motivação da morte de Alderi. A primeira que trata-se de um latrocínio, enquanto a segunda se o empresário teria morrido por uma dívida de R$ 4 mil, como afirmaram os suspeitos.

Confira o caso no programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, às 12h10 desta quarta-feira (6).