Dois homens são presos por suspeita de agredir e esfaquear travesti em Morrinhos
TRANSFOBIA

Dois homens são presos por suspeita de agredir e esfaquear travesti em Morrinhos

Paulete, de 42 anos, está internada na UTI do hospital Regional de Sobral em estado grave

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

20 de março de 2017 às 09:04

Há 6 meses
A travesti está em estado grave (FOTO: Divulgação)

A travesti está em estado grave (FOTO: Divulgação)

Uma travesti foi agredida com socos, chutes e esfaqueada por três homens, na madrugada do domingo (19), na cidade de Morrinhos, distante 200 km de Fortaleza. Três homens são suspeitos da tentativa de homicídio contra Paulete Andrade, de 42 anos.

Dois deles já foram capturados pela Polícia de Acaraú. O terceiro está foragido.

Paulete teve cortes no pescoço e o abdômen perfurado, e foi encaminhada para o hospital municipal de Morrinhos, contudo devido ao estado grave, foi levada ao Santa Casa de Misericórdia Sobral. Ela foi submetida a uma cirurgia e está agora na sala de recuperação.

O crime acontece um mês depois da morte brutal da travesti Dandara, que foi espancada por vários homens no Bairro Bom Jardim e acabou assassinada.

Caso Dandara

Dandara foi morta no dia 15 de fevereiro por pelo menos cinco homens, mas o crime só ganhou repercussão na sexta-feira (3), depois de as imagens da violência serem compartilhadas na internet. A principal suspeita é de que o crime foi motivado por transfobia.

No vídeo, Dandara está sentada ao chão, sem forças para levantar, e balbucia algumas palavras, dentre elas a sua idade e diz que quase morre. Dandara pede para que não batam mais nela e é novamente agredida com pedrada no ombro.

Relembre o caso de Dandara:

4 de março – Não iremos tolerar esse tipo de violência, diz governador do Ceará sobre morte de travesti

4 de março – Vídeo mostra travesti Dandara à espera de socorro antes de ser morta

6 de março – Polícia está perto de identificar homens que mataram travesti brutalmente e filmaram crime

6 de março – Polícia intensificou investigações da morte de Dandara só após divulgação de vídeo feito por criminosos

7 de março – Ato contra LGBTfobia será realizado após travesti ser morta brutalmente no Bom Jardim

7 de março – 4 homens são presos suspeitos de participar do assassinato de travesti em Fortaleza

7 de março5º suspeito de participar de assassinato de Dandara é preso na tarde desta terça

Publicidade

Dê sua opinião

TRANSFOBIA

Dois homens são presos por suspeita de agredir e esfaquear travesti em Morrinhos

Paulete, de 42 anos, está internada na UTI do hospital Regional de Sobral em estado grave

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

20 de março de 2017 às 09:04

Há 6 meses
A travesti está em estado grave (FOTO: Divulgação)

A travesti está em estado grave (FOTO: Divulgação)

Uma travesti foi agredida com socos, chutes e esfaqueada por três homens, na madrugada do domingo (19), na cidade de Morrinhos, distante 200 km de Fortaleza. Três homens são suspeitos da tentativa de homicídio contra Paulete Andrade, de 42 anos.

Dois deles já foram capturados pela Polícia de Acaraú. O terceiro está foragido.

Paulete teve cortes no pescoço e o abdômen perfurado, e foi encaminhada para o hospital municipal de Morrinhos, contudo devido ao estado grave, foi levada ao Santa Casa de Misericórdia Sobral. Ela foi submetida a uma cirurgia e está agora na sala de recuperação.

O crime acontece um mês depois da morte brutal da travesti Dandara, que foi espancada por vários homens no Bairro Bom Jardim e acabou assassinada.

Caso Dandara

Dandara foi morta no dia 15 de fevereiro por pelo menos cinco homens, mas o crime só ganhou repercussão na sexta-feira (3), depois de as imagens da violência serem compartilhadas na internet. A principal suspeita é de que o crime foi motivado por transfobia.

No vídeo, Dandara está sentada ao chão, sem forças para levantar, e balbucia algumas palavras, dentre elas a sua idade e diz que quase morre. Dandara pede para que não batam mais nela e é novamente agredida com pedrada no ombro.

Relembre o caso de Dandara:

4 de março – Não iremos tolerar esse tipo de violência, diz governador do Ceará sobre morte de travesti

4 de março – Vídeo mostra travesti Dandara à espera de socorro antes de ser morta

6 de março – Polícia está perto de identificar homens que mataram travesti brutalmente e filmaram crime

6 de março – Polícia intensificou investigações da morte de Dandara só após divulgação de vídeo feito por criminosos

7 de março – Ato contra LGBTfobia será realizado após travesti ser morta brutalmente no Bom Jardim

7 de março – 4 homens são presos suspeitos de participar do assassinato de travesti em Fortaleza

7 de março5º suspeito de participar de assassinato de Dandara é preso na tarde desta terça