Criança é morta com tiro acidental dado por amigo no interior do Ceará

OMISSÃO DE CAUTELA

Criança de 11 anos é morta com tiro acidental dado por amigo de 9 anos no interior do Ceará

O pai da criança que efetuou o disparo foi preso por omissão de cautela e porte ilegal de arma. O caso aconteceu na segunda-feira, em Boa Viagem

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

4 de julho de 2018 às 10:51

Há 5 meses
Cápsula de bala no chão tiro

O proprietário da arma foi preso por omissão de cautela e porte ilegal de arma (Foto: Divulgação)

Uma criança de 11 anos morreu ao ser atingida com um tiro de espingarda artesanal na região do pescoço. A vítima estava na casa de seu amigo, uma criança de 9 anos, no distrito de Boqueirão, no município de Boa Viagem, a 220 quilômetros de Fortaleza.

Segundo o titular da delegacia da Polícia Civil da cidade, Rodrigo Araújo, o disparo foi efetuado acidentalmente pela outra criança. O caso aconteceu na manhã da segunda-feira, 2.

A delegacia informou que a arma estava em cima do guarda-roupa enrolado por lençóis. O pai da criança que atirou estava trabalhando na roça quando escutou o barulho do disparo.

Ao chegar ao local, chamou os vizinhos para ajudá-lo a socorrer a vítima. Entretanto, a criança já não apresentava sinais vitais. “O pai foi indiciado por omissão de cautela e porte ilegal de arma. Ele está preso na cadeia pública de Boa Viagem desde o ocorrido. Por serem dois crimes, a pena pode chegar a cinco anos de prisão”, explica o delegado.

Publicidade

Dê sua opinião

OMISSÃO DE CAUTELA

Criança de 11 anos é morta com tiro acidental dado por amigo de 9 anos no interior do Ceará

O pai da criança que efetuou o disparo foi preso por omissão de cautela e porte ilegal de arma. O caso aconteceu na segunda-feira, em Boa Viagem

Por Tribuna do Ceará em Segurança Pública

4 de julho de 2018 às 10:51

Há 5 meses
Cápsula de bala no chão tiro

O proprietário da arma foi preso por omissão de cautela e porte ilegal de arma (Foto: Divulgação)

Uma criança de 11 anos morreu ao ser atingida com um tiro de espingarda artesanal na região do pescoço. A vítima estava na casa de seu amigo, uma criança de 9 anos, no distrito de Boqueirão, no município de Boa Viagem, a 220 quilômetros de Fortaleza.

Segundo o titular da delegacia da Polícia Civil da cidade, Rodrigo Araújo, o disparo foi efetuado acidentalmente pela outra criança. O caso aconteceu na manhã da segunda-feira, 2.

A delegacia informou que a arma estava em cima do guarda-roupa enrolado por lençóis. O pai da criança que atirou estava trabalhando na roça quando escutou o barulho do disparo.

Ao chegar ao local, chamou os vizinhos para ajudá-lo a socorrer a vítima. Entretanto, a criança já não apresentava sinais vitais. “O pai foi indiciado por omissão de cautela e porte ilegal de arma. Ele está preso na cadeia pública de Boa Viagem desde o ocorrido. Por serem dois crimes, a pena pode chegar a cinco anos de prisão”, explica o delegado.