Cearense morre ao cair de prédio em Berlim, na Alemanha
INVESTIGAÇÃO

Cearense morre ao cair de prédio em Berlim, na Alemanha

A polícia alemã ainda não sabe como aconteceu a queda do brasileiro

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

6 de janeiro de 2017 às 18:06

Há 3 meses
policia-investigacao-caso-cearense

A Polícia está investigando o caso (FOTO: Arquivo pessoal)

Um cearense de 29 anos foi encontrado morto na cidade Berlim, na Alemanha. Francisco Eduardo Pereira de Lima caiu do 4º andar de um prédio residencial na cidade europeia, na última segunda-feira (2).

A Embaixada Brasileira em Berlim informou que está mantendo contato com as autoridades alemãs – que realizam a investigação policial – e acompanhando o caso.

A polícia alemã ainda não sabe como aconteceu a queda do brasileiro.

A Embaixada afirmou ainda que, em respeito aos termos da legislação em vigor e à privacidade do cidadão, o “Governo não irá comentar informações pessoais de brasileiros que recebam assistência consular no exterior”, como afirma em nota.

O Tribuna do Ceará entrou em contato com os familiares do jovem, contudo – abalados com a perda – optaram por não se manifestar sobre o assunto.

Publicidade

Dê sua opinião

INVESTIGAÇÃO

Cearense morre ao cair de prédio em Berlim, na Alemanha

A polícia alemã ainda não sabe como aconteceu a queda do brasileiro

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

6 de janeiro de 2017 às 18:06

Há 3 meses
policia-investigacao-caso-cearense

A Polícia está investigando o caso (FOTO: Arquivo pessoal)

Um cearense de 29 anos foi encontrado morto na cidade Berlim, na Alemanha. Francisco Eduardo Pereira de Lima caiu do 4º andar de um prédio residencial na cidade europeia, na última segunda-feira (2).

A Embaixada Brasileira em Berlim informou que está mantendo contato com as autoridades alemãs – que realizam a investigação policial – e acompanhando o caso.

A polícia alemã ainda não sabe como aconteceu a queda do brasileiro.

A Embaixada afirmou ainda que, em respeito aos termos da legislação em vigor e à privacidade do cidadão, o “Governo não irá comentar informações pessoais de brasileiros que recebam assistência consular no exterior”, como afirma em nota.

O Tribuna do Ceará entrou em contato com os familiares do jovem, contudo – abalados com a perda – optaram por não se manifestar sobre o assunto.