Ceará registra quase 10 homicídios por dia durante o ano de 2016
VIOLÊNCIA

Ceará registra quase 10 homicídios por dia durante o ano de 2016

Estatísticas da Segurança Pública apontam que, com as 3.407 mortes, o Estado teve a menor marca desde 2011

Por Matheus Ribeiro em Segurança Pública

4 de janeiro de 2017 às 12:37

Há 4 meses
camilo-santana-radio

Camilo Santana nos estúdios da Tribuna Bandnews FM (FOTO: Matheus Ribeiro/ Tribuna do Ceará)

O governador Camilo Santana (PT) apresentou nesta quarta-feira (4) o balanço anual dos crimes letais intencionais do Ceará (CVLIs) durante todo o ano de 2016. Conforme os dados, o estado registrou uma redução de 15,2% em comparação com o ano de 2015.

No entanto, um detalhe das estatísticas chama bastante atenção. Segundo os números da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), quase 10 pessoas morreram por dia durante todo o ano passado no Ceará.

O balanço apresentado pelo governo apontou que 3.407 pessoas foram assassinadas no Ceará somente ano passado. O número aponta uma média de 9,3 assassinatos por dia no Estado. Mesmo assim, a estatística significa o menor registro de homicídios na região desde 2011.

Conforme os dados da SSPDS, em 2011 foram contabilizados 2.788 assassinatos. Em 2012, a estatística subiu para 3.565. Já nos anos seguintes os registros de homicídios ainda permaneceram elevados, com 4.462 em 2013, 4.439 em 2014 e 4.019 em 2015.

Segundo Camilo Santana, a redução da criminalidade no Ceará se deu ao investimento em segurança pública, mas ressalta que ainda é preciso melhorar. “A violência reduziu devido ao investimento que fizemos no interior do Estado. Conseguimos aumentar o número de policiais e, consequentemente, diminuir os crimes. Mas ainda temos muito o que melhorar”, disse.

Ainda durante a coletiva, o governador do estado falou sobre a situação dos presídios cearenses. Segundo o Conselho Penitenciário do Ceará, 500 presos perigosos foram transferidos para presídios federais. Camilo voltou a reconhecer que existem facções criminosas dentro das penitenciárias e que o problema só vai ser resolvido com ações do governo federal.

Em conversa com a imprensa, o governador não quis afirmar quem será o novo secretário de segurança pública. Contudo, Camilo ressaltou que não há interferência do vice-prefeito de fortaleza, Moroni Torgan (DEM), na decisão.

Dados de Fortaleza

A violência em todo o Ceará ficou mais evidente na capital do Estado. De acordo com as estatísticas, 1.007 pessoas foram assassinadas em Fortaleza durante o ano de 2016. O numero é 39% menor do que o mesmo período de 2015, quando foram registradas 1.651 entre homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte. Mesmo assim, pelo menos duas pessoas foram mortas em Fortaleza durante todo o ano passado.

Década sangrenta

A partir dos dados registrados pela SSPDS nesta quarta-feira (4), o Tribuna do Ceará resolveu contabilizar o número de homicídios no estado nos últimos 10 anos. A pesquisa apontou um grande aumento da violência em todo o Ceará nos últimos tempos. Conforme o levantamento realizado com base nas estatísticas da pasta, pelo menos 25.932 pessoas foram vítimas de homicídio.

Confira o número de mortes em cada ano no Ceará:

2007 – 1.936
2008 – 2.031
2009 – 2.168
2010 – 2.692
2011 – 2.788
2012 – 3.565
2013 – 4.462
2014 – 4.439
2015 – 4.019
2016 – 3.407

(*) Fonte: Apuração Tribuna do Ceará.

Publicidade

Dê sua opinião

VIOLÊNCIA

Ceará registra quase 10 homicídios por dia durante o ano de 2016

Estatísticas da Segurança Pública apontam que, com as 3.407 mortes, o Estado teve a menor marca desde 2011

Por Matheus Ribeiro em Segurança Pública

4 de janeiro de 2017 às 12:37

Há 4 meses
camilo-santana-radio

Camilo Santana nos estúdios da Tribuna Bandnews FM (FOTO: Matheus Ribeiro/ Tribuna do Ceará)

O governador Camilo Santana (PT) apresentou nesta quarta-feira (4) o balanço anual dos crimes letais intencionais do Ceará (CVLIs) durante todo o ano de 2016. Conforme os dados, o estado registrou uma redução de 15,2% em comparação com o ano de 2015.

No entanto, um detalhe das estatísticas chama bastante atenção. Segundo os números da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), quase 10 pessoas morreram por dia durante todo o ano passado no Ceará.

O balanço apresentado pelo governo apontou que 3.407 pessoas foram assassinadas no Ceará somente ano passado. O número aponta uma média de 9,3 assassinatos por dia no Estado. Mesmo assim, a estatística significa o menor registro de homicídios na região desde 2011.

Conforme os dados da SSPDS, em 2011 foram contabilizados 2.788 assassinatos. Em 2012, a estatística subiu para 3.565. Já nos anos seguintes os registros de homicídios ainda permaneceram elevados, com 4.462 em 2013, 4.439 em 2014 e 4.019 em 2015.

Segundo Camilo Santana, a redução da criminalidade no Ceará se deu ao investimento em segurança pública, mas ressalta que ainda é preciso melhorar. “A violência reduziu devido ao investimento que fizemos no interior do Estado. Conseguimos aumentar o número de policiais e, consequentemente, diminuir os crimes. Mas ainda temos muito o que melhorar”, disse.

Ainda durante a coletiva, o governador do estado falou sobre a situação dos presídios cearenses. Segundo o Conselho Penitenciário do Ceará, 500 presos perigosos foram transferidos para presídios federais. Camilo voltou a reconhecer que existem facções criminosas dentro das penitenciárias e que o problema só vai ser resolvido com ações do governo federal.

Em conversa com a imprensa, o governador não quis afirmar quem será o novo secretário de segurança pública. Contudo, Camilo ressaltou que não há interferência do vice-prefeito de fortaleza, Moroni Torgan (DEM), na decisão.

Dados de Fortaleza

A violência em todo o Ceará ficou mais evidente na capital do Estado. De acordo com as estatísticas, 1.007 pessoas foram assassinadas em Fortaleza durante o ano de 2016. O numero é 39% menor do que o mesmo período de 2015, quando foram registradas 1.651 entre homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte. Mesmo assim, pelo menos duas pessoas foram mortas em Fortaleza durante todo o ano passado.

Década sangrenta

A partir dos dados registrados pela SSPDS nesta quarta-feira (4), o Tribuna do Ceará resolveu contabilizar o número de homicídios no estado nos últimos 10 anos. A pesquisa apontou um grande aumento da violência em todo o Ceará nos últimos tempos. Conforme o levantamento realizado com base nas estatísticas da pasta, pelo menos 25.932 pessoas foram vítimas de homicídio.

Confira o número de mortes em cada ano no Ceará:

2007 – 1.936
2008 – 2.031
2009 – 2.168
2010 – 2.692
2011 – 2.788
2012 – 3.565
2013 – 4.462
2014 – 4.439
2015 – 4.019
2016 – 3.407

(*) Fonte: Apuração Tribuna do Ceará.