Bandidos incendeiam outro ônibus em Fortaleza em protesto pela morte de comparsas

VIROU MODA

Bandidos incendeiam outro ônibus em Fortaleza em protesto pela morte de comparsas

O caso aconteceu numa praça na Avenida Coronel de Carvalho, na Barra do Ceará, enquanto o veículo estava sendo reparado

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

7 de novembro de 2017 às 09:13

Há 1 mês
O ataque aconteceu na linha Cuca Barra/Parangaba (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

O ataque aconteceu na linha Cuca Barra/Parangaba (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

Mais um ataque a ônibus aconteceu em Fortaleza. Desta vez foi na linha Cuca Barra/Parangaba, onde bandidos atearam fogo, nesta segunda-feira (6), e disseram ser uma forma de protesto contra a morte de pessoas ligadas a eles.

O fato ocorreu em uma praça na Avenida Coronel de Carvalho, na Barra do Ceará, enquanto o veículo estava sendo reparado após um problema mecânico.

Segundo a Polícia Militar, quatro homens com um galão com combustível obrigaram um profissional que estava no local a sair, iniciaram o fogo e fugiram. Motoristas e cobradores de outros veículos debelaram rapidamente as chamas com extintores de incêndio.

Os danos foram mínimos. Na sequência, os bandidos deixaram um bilhete na portaria da empresa de ônibus, localizada bem perto da praça, relatando a motivação.

Ataque no feriado

Bandidos incendiaram um ônibus da linha Antônio Bezerra-Messejana, por volta das 10h30 da quinta-feira (2), na BR-116, no Bairro Cajazeiras, em Fortaleza. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os homens disseram ao motorista que o ataque seria represália à morte de um integrante de sua facção criminosa, dentro de presídio cearense.

De acordo com o relato do motorista, três dos cinco homens entraram no ônibus no km 6 da BR-116 e, armados com pistola, ordenaram que os passageiros descessem. Então jogaram gasolina no veículo e atearam fogo.

Publicidade

Dê sua opinião

VIROU MODA

Bandidos incendeiam outro ônibus em Fortaleza em protesto pela morte de comparsas

O caso aconteceu numa praça na Avenida Coronel de Carvalho, na Barra do Ceará, enquanto o veículo estava sendo reparado

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

7 de novembro de 2017 às 09:13

Há 1 mês
O ataque aconteceu na linha Cuca Barra/Parangaba (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

O ataque aconteceu na linha Cuca Barra/Parangaba (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

Mais um ataque a ônibus aconteceu em Fortaleza. Desta vez foi na linha Cuca Barra/Parangaba, onde bandidos atearam fogo, nesta segunda-feira (6), e disseram ser uma forma de protesto contra a morte de pessoas ligadas a eles.

O fato ocorreu em uma praça na Avenida Coronel de Carvalho, na Barra do Ceará, enquanto o veículo estava sendo reparado após um problema mecânico.

Segundo a Polícia Militar, quatro homens com um galão com combustível obrigaram um profissional que estava no local a sair, iniciaram o fogo e fugiram. Motoristas e cobradores de outros veículos debelaram rapidamente as chamas com extintores de incêndio.

Os danos foram mínimos. Na sequência, os bandidos deixaram um bilhete na portaria da empresa de ônibus, localizada bem perto da praça, relatando a motivação.

Ataque no feriado

Bandidos incendiaram um ônibus da linha Antônio Bezerra-Messejana, por volta das 10h30 da quinta-feira (2), na BR-116, no Bairro Cajazeiras, em Fortaleza. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os homens disseram ao motorista que o ataque seria represália à morte de um integrante de sua facção criminosa, dentro de presídio cearense.

De acordo com o relato do motorista, três dos cinco homens entraram no ônibus no km 6 da BR-116 e, armados com pistola, ordenaram que os passageiros descessem. Então jogaram gasolina no veículo e atearam fogo.