Bandidos fazem assalto a mercadinho da Jacarecanga e agridem comerciante

CRIME VIOLENTO

Bandidos fazem assalto a mercadinho da Jacarecanga e agridem comerciante

três homens renderam o dono do estabelecimento e exigiram o dinheiro do “apurado” de todo o dia

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

28 de novembro de 2017 às 09:24

Há 2 semanas
O comércio foi atacado no Bairro Jacarecanga (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

O comércio foi atacado no Bairro Jacarecanga (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Um mercadinho foi assaltado durante a noite da segunda-feira (27), na Rua Juvêncio Barroso, no Bairro Jacarecanga, em Fortaleza. A ação foi bastante violenta e o dono do estabelecimento foi agredido e feito de refém.

Segundo informações de testemunhas, três homens renderam o dono do estabelecimento e exigiram o dinheiro do local. Mas apesar de toda a violência com o dono do mercadinho, eles conseguiram levar uma quantia pequena de dinheiro.

O estabelecimento tem câmeras de segurança interna que podem auxiliar no trabalho da Polícia. Apesar da movimentação policial, os bandidos responsáveis pelo crime ainda não foram identificados e seguem foragidos.

Comércios assaltados

Somente em um mês, quatro supermercados da Grande Fortaleza foram alvos de assaltos que foram noticiados pelo programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, e pelo Tribuna do Ceará. Três na capital e um na Região Metropolitana.

Relembre os casos

15 de novembro: três assaltantes armados fazem um arrastão em um supermercado, na Parangaba, em Fortaleza. De acordo com uma das vítimas, os criminosos agiram de forma violenta, agredindo até funcionários do local. Todas as pessoas a deitarem no chão enquanto roubavam os pertences dos clientes e os caixas do supermercado. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), um inquérito policial foi instaurado e as investigações continuam. Até o momento, nenhum dos envolvidos foi capturado.

10 de novembro: um homem invadiu um supermercado, no município de Maranguape, e realizou vários disparos contra um empacotador. O rapaz tinha de 14 anos e morreu no local. Segundo informações dos familiares da vítima, o funcionário era usuário de drogas e acredita-se que o crime pode ter sido por falta de pagamento de dívidas. A SSPDS afirma que as investigações continuam para apurar se houve participação de mais pessoas no caso e para apreender o suspeito.

4 de novembro: enquanto estava em um estacionamento de um supermercado no bairro Cidades dos Funcionário, um home foi abordado por dois homens que anunciaram o assalto. A vítima, identificada como Thaumaturgo Correia de Alencar (54), reagiu e foi baleado. Conforme as informações da SSPDS, os três suspeitos no envolvimento no latrocínio já foram identificados. Até o momento, somente um foi preso.

29 de outubro: um grupo de homens armados fizeram reféns funcionários de um supermercado, situado no cruzamento das ruas Ildefonso Albano com Pinto Madeira, na Aldeota. Para não serem vistos pela polícia, os homens desligaram as luzes. A Polícia Militar conseguiu prender cinco dos homens envolvidos na ação e serão autuados por roubo e constrangimento de liberdade de funcionários do estabelecimento comercial. O sexto envolvido no crime ainda se encontra foragido.

Publicidade

Dê sua opinião

CRIME VIOLENTO

Bandidos fazem assalto a mercadinho da Jacarecanga e agridem comerciante

três homens renderam o dono do estabelecimento e exigiram o dinheiro do “apurado” de todo o dia

Por Lyvia Rocha em Segurança Pública

28 de novembro de 2017 às 09:24

Há 2 semanas
O comércio foi atacado no Bairro Jacarecanga (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

O comércio foi atacado no Bairro Jacarecanga (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

Um mercadinho foi assaltado durante a noite da segunda-feira (27), na Rua Juvêncio Barroso, no Bairro Jacarecanga, em Fortaleza. A ação foi bastante violenta e o dono do estabelecimento foi agredido e feito de refém.

Segundo informações de testemunhas, três homens renderam o dono do estabelecimento e exigiram o dinheiro do local. Mas apesar de toda a violência com o dono do mercadinho, eles conseguiram levar uma quantia pequena de dinheiro.

O estabelecimento tem câmeras de segurança interna que podem auxiliar no trabalho da Polícia. Apesar da movimentação policial, os bandidos responsáveis pelo crime ainda não foram identificados e seguem foragidos.

Comércios assaltados

Somente em um mês, quatro supermercados da Grande Fortaleza foram alvos de assaltos que foram noticiados pelo programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, e pelo Tribuna do Ceará. Três na capital e um na Região Metropolitana.

Relembre os casos

15 de novembro: três assaltantes armados fazem um arrastão em um supermercado, na Parangaba, em Fortaleza. De acordo com uma das vítimas, os criminosos agiram de forma violenta, agredindo até funcionários do local. Todas as pessoas a deitarem no chão enquanto roubavam os pertences dos clientes e os caixas do supermercado. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), um inquérito policial foi instaurado e as investigações continuam. Até o momento, nenhum dos envolvidos foi capturado.

10 de novembro: um homem invadiu um supermercado, no município de Maranguape, e realizou vários disparos contra um empacotador. O rapaz tinha de 14 anos e morreu no local. Segundo informações dos familiares da vítima, o funcionário era usuário de drogas e acredita-se que o crime pode ter sido por falta de pagamento de dívidas. A SSPDS afirma que as investigações continuam para apurar se houve participação de mais pessoas no caso e para apreender o suspeito.

4 de novembro: enquanto estava em um estacionamento de um supermercado no bairro Cidades dos Funcionário, um home foi abordado por dois homens que anunciaram o assalto. A vítima, identificada como Thaumaturgo Correia de Alencar (54), reagiu e foi baleado. Conforme as informações da SSPDS, os três suspeitos no envolvimento no latrocínio já foram identificados. Até o momento, somente um foi preso.

29 de outubro: um grupo de homens armados fizeram reféns funcionários de um supermercado, situado no cruzamento das ruas Ildefonso Albano com Pinto Madeira, na Aldeota. Para não serem vistos pela polícia, os homens desligaram as luzes. A Polícia Militar conseguiu prender cinco dos homens envolvidos na ação e serão autuados por roubo e constrangimento de liberdade de funcionários do estabelecimento comercial. O sexto envolvido no crime ainda se encontra foragido.