Primeiras chuvas de 2018 aumentam frequência a postos de saúde em Fortaleza

CHUVAS

Primeiras chuvas de 2018 aumentam frequência a postos de saúde em Fortaleza

Casos de virose têm aumentado em postos de saúde e emergências

Por Tribuna do Ceará em Saúde

15 de Janeiro de 2018 às 06:45

Há 1 mês

Casos de virose aumenta durante período de chuvas em Fortaleza (FOTO: Prefeitura de Fortaleza/Divulgação)

Mesmo com chuvas em baixa intensidade, a procura nas emergências aumentou. A dona de casa Maria das Graças levou a neta logo que apresentou os sintomas “por causa de doenças como dengue e virose”. A hidratação nesses casos é necessária e pode ser feita em casa com soro caseiro e muito liquido, evitando consumir alimentos condimentados.

Alguns dos sintomas mais recorrentes da virose são febre, vômitos, diarreia e dores na barriga. “Como nos temos uma diarreia associada geralmente a vômitos, diminui a ingestão de líquidos, aumentando a perda e evacuação, tendendo a desidratar. O cuidado que nós precisamos ter é com a reposição”, explica o médico André Bonfim, em entrevista à Rádio Tribuna Band News FM.

Há também o alerta para a importância do diagnostico, pois segundo o médico a infecção intestinal pode ser confundida muitas vezes com virose. “Uma infecção viral geralmente é uma infecção mais leve, branda, benigna e  autolimitada. Já uma causada por bactéria é uma mais grave, leva a febre alta e ao comprometimento do estado geral. A pessoa fica mais abatida e algumas vezes pode precisar de antibiótico”.

Confira trechos da entrevista para a Rádio Tribuna BandNews FM:

 

 

 

Publicidade

Dê sua opinião

CHUVAS

Primeiras chuvas de 2018 aumentam frequência a postos de saúde em Fortaleza

Casos de virose têm aumentado em postos de saúde e emergências

Por Tribuna do Ceará em Saúde

15 de Janeiro de 2018 às 06:45

Há 1 mês

Casos de virose aumenta durante período de chuvas em Fortaleza (FOTO: Prefeitura de Fortaleza/Divulgação)

Mesmo com chuvas em baixa intensidade, a procura nas emergências aumentou. A dona de casa Maria das Graças levou a neta logo que apresentou os sintomas “por causa de doenças como dengue e virose”. A hidratação nesses casos é necessária e pode ser feita em casa com soro caseiro e muito liquido, evitando consumir alimentos condimentados.

Alguns dos sintomas mais recorrentes da virose são febre, vômitos, diarreia e dores na barriga. “Como nos temos uma diarreia associada geralmente a vômitos, diminui a ingestão de líquidos, aumentando a perda e evacuação, tendendo a desidratar. O cuidado que nós precisamos ter é com a reposição”, explica o médico André Bonfim, em entrevista à Rádio Tribuna Band News FM.

Há também o alerta para a importância do diagnostico, pois segundo o médico a infecção intestinal pode ser confundida muitas vezes com virose. “Uma infecção viral geralmente é uma infecção mais leve, branda, benigna e  autolimitada. Já uma causada por bactéria é uma mais grave, leva a febre alta e ao comprometimento do estado geral. A pessoa fica mais abatida e algumas vezes pode precisar de antibiótico”.

Confira trechos da entrevista para a Rádio Tribuna BandNews FM: