Obesidade infantil é um dos maiores problemas de saúde pública do século 21, diz OMS

ALERTA NA INFÂNCIA

Obesidade infantil é um dos maiores problemas de saúde pública do século 21, diz OMS

Segundo nutricionistas, há vários fatores que influenciam para o surgimento da obesidade na infância, como aspectos genéticos e falta de atividades físicas

Por Tribuna do Ceará em Saúde

9 de junho de 2018 às 07:15

Há 4 meses
Obesidade infantil

A obesidade infantil tem apresentado crescimento significativo nos últimos anos, segindo a OMS (Foto: Agência Brasil)

Apesar de não expressar nenhum problema ou preocupação para os pais, as crianças gordinhas podem ocultar um problema que pode afetar a vida adulta: a obesidade. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a obesidade infantil apresentou aumentos significativas nas últimas décadas e já apontada como um dos maiores problemas de saúde pública do século 21. As informações são da Tribuna Band News.

A nutricionista Yohane Almeida, especialista em tratamento de crianças com obesidade, explica que há vários fatores que influenciam para o surgimento da doença ainda na infância. Segundo ela, pode estar relacionada a falta de atividade física, aspectos genéticos entre outras variáveis.

“Então, a obesidade não é uma doença tão simplificada. No geral, para classificar uma criança como obesa, utiliza-se alguns parâmetros o peso com a idade e o peso com a estatura”, explica.

Como forma de prevenção, a especialista ressalta a importância de brincadeiras que possibilitem a realização de exercícios junto com uma alimentação saudável. “Resgatar aquela infância de antigamente que mantém as crianças com alimentação mais saudável e uma prática de educação física cotidiana é um dos fatores protetores contra essa doença”, aponta. Yohane acrescenta também que os pais devem procurar especialistas para auxiliar eventuais problemas na saúde durante a infância.

Ouça o comentário da especialista sobre a obesidade:

Publicidade

Dê sua opinião

ALERTA NA INFÂNCIA

Obesidade infantil é um dos maiores problemas de saúde pública do século 21, diz OMS

Segundo nutricionistas, há vários fatores que influenciam para o surgimento da obesidade na infância, como aspectos genéticos e falta de atividades físicas

Por Tribuna do Ceará em Saúde

9 de junho de 2018 às 07:15

Há 4 meses
Obesidade infantil

A obesidade infantil tem apresentado crescimento significativo nos últimos anos, segindo a OMS (Foto: Agência Brasil)

Apesar de não expressar nenhum problema ou preocupação para os pais, as crianças gordinhas podem ocultar um problema que pode afetar a vida adulta: a obesidade. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a obesidade infantil apresentou aumentos significativas nas últimas décadas e já apontada como um dos maiores problemas de saúde pública do século 21. As informações são da Tribuna Band News.

A nutricionista Yohane Almeida, especialista em tratamento de crianças com obesidade, explica que há vários fatores que influenciam para o surgimento da doença ainda na infância. Segundo ela, pode estar relacionada a falta de atividade física, aspectos genéticos entre outras variáveis.

“Então, a obesidade não é uma doença tão simplificada. No geral, para classificar uma criança como obesa, utiliza-se alguns parâmetros o peso com a idade e o peso com a estatura”, explica.

Como forma de prevenção, a especialista ressalta a importância de brincadeiras que possibilitem a realização de exercícios junto com uma alimentação saudável. “Resgatar aquela infância de antigamente que mantém as crianças com alimentação mais saudável e uma prática de educação física cotidiana é um dos fatores protetores contra essa doença”, aponta. Yohane acrescenta também que os pais devem procurar especialistas para auxiliar eventuais problemas na saúde durante a infância.

Ouça o comentário da especialista sobre a obesidade: