Eunício Oliveira é eleito o novo presidente do Senado Federal

COM 61 VOTOS

Eunício Oliveira é eleito o novo presidente do Senado Federal

O político cearense foi eleito com 61 votos dos 81 senadores votantes

Por Ana Clara Jovino em Política

1 de Fevereiro de 2017 às 19:40

Há 10 meses

Eunício Oliveira (PMDB-CE) foi o escolhido com apoio de 61 votos dos 81 senadores votantes (FOTO: José Cruz/Agência Brasil)

Após quatro anos sob o comando de Renan Calheiros (PMDB-AL), o Senado escolheu nesta quarta-feira (1º) quem irá presidir a Casa até fevereiro de 2019.

O senador cearense Eunício Oliveira (PMDB-CE) foi o escolhido com apoio de 61 votos dos 81 senadores votantes. O concorrente de Eunício, José Medeiros (PSD-MT) conseguiu 10 votos. Outros 10 votos foram em branco.

Eunício Oliveira é empresário e nasceu em Lavras da Mangabeira, que fica a 445 quilômetros da capital cearense. Ele foi deputado federal por três mandatos, entre 1998 e 2010, quando elegeu-se senador. Nas eleições de 2014, se candidatou a governador do estado e foi derrotado.

Ele chegou a ocupar a liderança do PMDB no Senado durante o governo Dilma Roussef e foi um dos últimos parlamentares a declarar apoio ao impeachment. Além de ser tesoureiro nacional do PMDB há 12 anos. No governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), foi ministro das Comunicações.

“Quero oferecer a essa Casa e ao Senado toda minha capacidade gerencial e política. Conheço bastante todos os desafios apresentados”, declarou Eunício em seu discurso após a votação no Senado.

O novo presidente do Senado, mesmo sem responder a processos no Supremo Tribunal Federal (STF), já foi citado por dois delatores da Operação Lava Jato.

Publicidade

Dê sua opinião

COM 61 VOTOS

Eunício Oliveira é eleito o novo presidente do Senado Federal

O político cearense foi eleito com 61 votos dos 81 senadores votantes

Por Ana Clara Jovino em Política

1 de Fevereiro de 2017 às 19:40

Há 10 meses

Eunício Oliveira (PMDB-CE) foi o escolhido com apoio de 61 votos dos 81 senadores votantes (FOTO: José Cruz/Agência Brasil)

Após quatro anos sob o comando de Renan Calheiros (PMDB-AL), o Senado escolheu nesta quarta-feira (1º) quem irá presidir a Casa até fevereiro de 2019.

O senador cearense Eunício Oliveira (PMDB-CE) foi o escolhido com apoio de 61 votos dos 81 senadores votantes. O concorrente de Eunício, José Medeiros (PSD-MT) conseguiu 10 votos. Outros 10 votos foram em branco.

Eunício Oliveira é empresário e nasceu em Lavras da Mangabeira, que fica a 445 quilômetros da capital cearense. Ele foi deputado federal por três mandatos, entre 1998 e 2010, quando elegeu-se senador. Nas eleições de 2014, se candidatou a governador do estado e foi derrotado.

Ele chegou a ocupar a liderança do PMDB no Senado durante o governo Dilma Roussef e foi um dos últimos parlamentares a declarar apoio ao impeachment. Além de ser tesoureiro nacional do PMDB há 12 anos. No governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), foi ministro das Comunicações.

“Quero oferecer a essa Casa e ao Senado toda minha capacidade gerencial e política. Conheço bastante todos os desafios apresentados”, declarou Eunício em seu discurso após a votação no Senado.

O novo presidente do Senado, mesmo sem responder a processos no Supremo Tribunal Federal (STF), já foi citado por dois delatores da Operação Lava Jato.