#Conjunturas: Vereador afirma que reforma da Previdência prejudicará população pobre

DEBATE

#Conjunturas: Vereador afirma que reforma da Previdência prejudicará população pobre

Ao defender a reforma proposta, o presidente Michel Temer citou o envelhecimento da população brasileira, que poderia chegar a viver até os 140 anos

Por Tribuna do Ceará em Política

29 de novembro de 2017 às 14:20

Há 2 semanas
conjunturas-tribuna-bandnews

(FOTO: Tribuna do Ceará)

A reforma da Previdência foi tema do Conjunturas desta quarta-feira (29). O quadro vai ao ar segunda, quarta e sexta, pela manhã, no Tribuna BandNews 1ª edição.

Ao defender a reforma proposta, o presidente Michel Temer citou o envelhecimento da população brasileira, que poderia chegar a viver até os 140 anos. O deputado federal Cabo Sabino (PR), o estadual Carlos Matos (PSDB) e o vereador de Fortaleza Guilherme Sampaio (PT) comentaram o assunto.

Cabo Sabino citou que essa seria a sétima reforma da Previdência em 24 anos. “Inclusive teve em 2015, pela Dilma Rousseff. As pessoas acabam esquecendo muito rápido”. Além disso, ressaltou que o trabalhador é atacado mais uma vez pelo governo. 

Guilherme refletiu sobre a situação de sertanejos que, segundo ele, têm expectativa de vida de 70 anos. “Como ele escuta uma declaração dessa?”. Ele ainda diz que é uma falta de responsabilidade com o povo pobre do país.

Carlos Matos diz que, caso não houvesse necessidade da reforma, “o governo do PT do Ceará não teria aumentado a contribuição previdenciária de um servidor que há 17 anos não tinha aumento”.

Confira o debate completo sobre o tema entre o vereador Guilherme Sampaio, o deputado estadual Carlos Matos e o deputado federal Cabo Sabino:

Publicidade

Dê sua opinião

DEBATE

#Conjunturas: Vereador afirma que reforma da Previdência prejudicará população pobre

Ao defender a reforma proposta, o presidente Michel Temer citou o envelhecimento da população brasileira, que poderia chegar a viver até os 140 anos

Por Tribuna do Ceará em Política

29 de novembro de 2017 às 14:20

Há 2 semanas
conjunturas-tribuna-bandnews

(FOTO: Tribuna do Ceará)

A reforma da Previdência foi tema do Conjunturas desta quarta-feira (29). O quadro vai ao ar segunda, quarta e sexta, pela manhã, no Tribuna BandNews 1ª edição.

Ao defender a reforma proposta, o presidente Michel Temer citou o envelhecimento da população brasileira, que poderia chegar a viver até os 140 anos. O deputado federal Cabo Sabino (PR), o estadual Carlos Matos (PSDB) e o vereador de Fortaleza Guilherme Sampaio (PT) comentaram o assunto.

Cabo Sabino citou que essa seria a sétima reforma da Previdência em 24 anos. “Inclusive teve em 2015, pela Dilma Rousseff. As pessoas acabam esquecendo muito rápido”. Além disso, ressaltou que o trabalhador é atacado mais uma vez pelo governo. 

Guilherme refletiu sobre a situação de sertanejos que, segundo ele, têm expectativa de vida de 70 anos. “Como ele escuta uma declaração dessa?”. Ele ainda diz que é uma falta de responsabilidade com o povo pobre do país.

Carlos Matos diz que, caso não houvesse necessidade da reforma, “o governo do PT do Ceará não teria aumentado a contribuição previdenciária de um servidor que há 17 anos não tinha aumento”.

Confira o debate completo sobre o tema entre o vereador Guilherme Sampaio, o deputado estadual Carlos Matos e o deputado federal Cabo Sabino: