#Conjunturas: Parlamentares cearenses batem boca durante debate sobre rejeição da denúncia de Temer
DEBATE

#Conjunturas: Parlamentares cearenses batem boca durante debate sobre rejeição da denúncia de Temer

A votação que rejeitou, nesta quinta-feira (13), a denúncia contra o presidente Michel Temer foi o tema do debate do Conjunturas

Por Tribuna do Ceará em Política

14 de julho de 2017 às 13:54

Há 2 meses
votacao

Rejeição aconteceu na quinta-feira (FOTO: Cleia Viana / Câmara dos Deputados)

A votação que rejeitou, nesta quinta-feira (13), a denúncia contra o presidente Michel Temer foi o tema do debate do Conjunturas, desta sexta-feira (14). O quadro vai ao ar segunda, quarta e sexta, pela manhã, no Tribuna BandNews 1ª edição.

O relatório do deputado Sergio Zveiter (PMDB-RJ) recomendava o prosseguimento da denúncia apresentada pela Procuradoria Geral da República na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara. O deputado federal Cabo Sabino (PR), o estadual Carlos Matos (PSDB) e o vereador de Fortaleza Guilherme Sampaio (PT) comentaram o assunto. Após apresentarem seus pontos de vista, Guilherme e Carlos bateram boca.

Sabino foi o primeiro a falar sobre o assunto, já que viu de perto o processo. Ele acredita que o resultado já era esperado e que o governo trabalhou pra isso. “A sociedade precisa entender como funciona a Câmara. Os deputados não mandam em nada, tudo são os partidos. Quando fala que tem que aumenta o poder dos partidos chega dói no meu coração”.

Já Guilherme apontou uma situação de desmoralização do Congresso Nacional. Ainda citou que deputados que falavam em nome de Deus e da família durante o impeachment de Dilma Rousseff, tiveram uma prova contra Temer e tiveram “a coragem de absolver na Comissão de Justiça”.

Carlos Matos falou que a atitude já era prevista. Mas, durante seu discurso, fez uma crítica direta ao PT, dizendo que os parlamentares petistas haviam ocupado a cadeira de presidente do Senado, o que inviabilizava também a democracia. A partir daí, começou a discussão.

Confira o debate completo sobre o tema entre o vereador Guilherme Sampaio, o deputado estadual Carlos Matos e o deputado federal Cabo Sabino:

Publicidade

Dê sua opinião

DEBATE

#Conjunturas: Parlamentares cearenses batem boca durante debate sobre rejeição da denúncia de Temer

A votação que rejeitou, nesta quinta-feira (13), a denúncia contra o presidente Michel Temer foi o tema do debate do Conjunturas

Por Tribuna do Ceará em Política

14 de julho de 2017 às 13:54

Há 2 meses
votacao

Rejeição aconteceu na quinta-feira (FOTO: Cleia Viana / Câmara dos Deputados)

A votação que rejeitou, nesta quinta-feira (13), a denúncia contra o presidente Michel Temer foi o tema do debate do Conjunturas, desta sexta-feira (14). O quadro vai ao ar segunda, quarta e sexta, pela manhã, no Tribuna BandNews 1ª edição.

O relatório do deputado Sergio Zveiter (PMDB-RJ) recomendava o prosseguimento da denúncia apresentada pela Procuradoria Geral da República na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara. O deputado federal Cabo Sabino (PR), o estadual Carlos Matos (PSDB) e o vereador de Fortaleza Guilherme Sampaio (PT) comentaram o assunto. Após apresentarem seus pontos de vista, Guilherme e Carlos bateram boca.

Sabino foi o primeiro a falar sobre o assunto, já que viu de perto o processo. Ele acredita que o resultado já era esperado e que o governo trabalhou pra isso. “A sociedade precisa entender como funciona a Câmara. Os deputados não mandam em nada, tudo são os partidos. Quando fala que tem que aumenta o poder dos partidos chega dói no meu coração”.

Já Guilherme apontou uma situação de desmoralização do Congresso Nacional. Ainda citou que deputados que falavam em nome de Deus e da família durante o impeachment de Dilma Rousseff, tiveram uma prova contra Temer e tiveram “a coragem de absolver na Comissão de Justiça”.

Carlos Matos falou que a atitude já era prevista. Mas, durante seu discurso, fez uma crítica direta ao PT, dizendo que os parlamentares petistas haviam ocupado a cadeira de presidente do Senado, o que inviabilizava também a democracia. A partir daí, começou a discussão.

Confira o debate completo sobre o tema entre o vereador Guilherme Sampaio, o deputado estadual Carlos Matos e o deputado federal Cabo Sabino: