Fotógrafo faz fotos com mini estátua de Padre Cícero em vários cantos do mundo
HOMENAGEM À AVÓ

Fotógrafo faz fotos com mini estátua de Padre Cícero em vários cantos do mundo

O professor de Comunicação Jari Vieira carrega uma miniatura do Padre Cícero nas viagens para homenagear a avó

Por Daniel Rocha em Perfil

7 de agosto de 2017 às 06:45

Há 2 meses

Jari carrega a estátua do Padre Cícero para todas as cidades que conhece (FOTO: Jari Vieira)

Por todas as cidades que conhece, o professor de Comunicação e fotógrafo Jari Vieira carrega uma miniatura do Padre Cícero. O símbolo do sacerdote já foi fotografado no Museu do Louvre e no Palácio de Versalhes, na França, e no Coricancha, no Peru.

Mas o que muitos não sabem é o que está por trás da hashtag #padimpelomundo, criada pelo fotógrafo. Em entrevista ao Tribuna do Ceará, ele conta que não se trata apenas de uma homenagem à região do Cariri. O sentido vai mais além.

“Minha vó faleceu no fim do ano passado e, como eu a amo muito, criei o projeto chamado de ‘Padim pelo Mundo’. As fotos da estátua são uma forma de homenageá-la”, relatou.

Maria do Carmo, mais conhecida como Manhota, morreu aos 92 anos, no mês de novembro.

Ela foi a responsável por ensinar a Jari toda a cultura do Cariri e devoção ao Padre Cícero desde a sua infância, quando morou em Juazeiro do Norte, até a sua fase adulta.

Maria do Carmo, conhecida como Manhota, morreu aos 92 anos de velhice (FOTO: Jari Vieira)

Durante o enterro de sua vó, o fotógrafo ficou responsável por fazer a despedida de Manhota e, nos discursos, estava com a estátua em seu bolso. A princípio, o exemplar era para ser enterrado junto com o corpo, mas devido ao sentimento de luto não se atentou em colocá-lo junto ao caixão.

Quando percebeu, o coveiro já havia fechado a cova. “O meu irmão disse para mim que a estátua não foi enterrado porque ela (Manhota) queria que a estátua ficasse comigo”, detalha.

A partir daí, iniciou o projeto de levar o exemplar para todo os cantos que fosse. E foi em terras parisienses que Manhota e a cultura do Cariri foram homenageadas pela primeira vez. “Ali, senti-me homenageando a minha vó e a cultura do Padre Cícero. Agora, para onde eu vou, levo a estátua”, conclui.

Confira a galeria de imagens da miniatura de Padre Cícero pelo mundo.

#padimpelomundo
1/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero em Miraflores, no Peru (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
2/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero em Coricancha, no Peru (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
3/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero na Praça Capistrano de Abreu, em Maranguape (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
4/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero em Paris, na França (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
5/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero no Museu do Louvre, em Paris (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
6/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero ao lado do Arco do Triunfo, em Paris (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
7/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero no Museu do Gonzagão, em Exu (PE) (FOTO; Jari Vieira)

#padimpelomundo
8/9

#padimpelomundo

Jari Vieira abraçado com a sua avó, Maria do Carmo (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
9/9

#padimpelomundo

Maria do Carmo, conhecida como Manhota, morreu aos 92 anos de velhice (FOTO: Jari Vieira)

Publicidade

Dê sua opinião

HOMENAGEM À AVÓ

Fotógrafo faz fotos com mini estátua de Padre Cícero em vários cantos do mundo

O professor de Comunicação Jari Vieira carrega uma miniatura do Padre Cícero nas viagens para homenagear a avó

Por Daniel Rocha em Perfil

7 de agosto de 2017 às 06:45

Há 2 meses

Jari carrega a estátua do Padre Cícero para todas as cidades que conhece (FOTO: Jari Vieira)

Por todas as cidades que conhece, o professor de Comunicação e fotógrafo Jari Vieira carrega uma miniatura do Padre Cícero. O símbolo do sacerdote já foi fotografado no Museu do Louvre e no Palácio de Versalhes, na França, e no Coricancha, no Peru.

Mas o que muitos não sabem é o que está por trás da hashtag #padimpelomundo, criada pelo fotógrafo. Em entrevista ao Tribuna do Ceará, ele conta que não se trata apenas de uma homenagem à região do Cariri. O sentido vai mais além.

“Minha vó faleceu no fim do ano passado e, como eu a amo muito, criei o projeto chamado de ‘Padim pelo Mundo’. As fotos da estátua são uma forma de homenageá-la”, relatou.

Maria do Carmo, mais conhecida como Manhota, morreu aos 92 anos, no mês de novembro.

Ela foi a responsável por ensinar a Jari toda a cultura do Cariri e devoção ao Padre Cícero desde a sua infância, quando morou em Juazeiro do Norte, até a sua fase adulta.

Maria do Carmo, conhecida como Manhota, morreu aos 92 anos de velhice (FOTO: Jari Vieira)

Durante o enterro de sua vó, o fotógrafo ficou responsável por fazer a despedida de Manhota e, nos discursos, estava com a estátua em seu bolso. A princípio, o exemplar era para ser enterrado junto com o corpo, mas devido ao sentimento de luto não se atentou em colocá-lo junto ao caixão.

Quando percebeu, o coveiro já havia fechado a cova. “O meu irmão disse para mim que a estátua não foi enterrado porque ela (Manhota) queria que a estátua ficasse comigo”, detalha.

A partir daí, iniciou o projeto de levar o exemplar para todo os cantos que fosse. E foi em terras parisienses que Manhota e a cultura do Cariri foram homenageadas pela primeira vez. “Ali, senti-me homenageando a minha vó e a cultura do Padre Cícero. Agora, para onde eu vou, levo a estátua”, conclui.

Confira a galeria de imagens da miniatura de Padre Cícero pelo mundo.

#padimpelomundo
1/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero em Miraflores, no Peru (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
2/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero em Coricancha, no Peru (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
3/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero na Praça Capistrano de Abreu, em Maranguape (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
4/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero em Paris, na França (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
5/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero no Museu do Louvre, em Paris (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
6/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero ao lado do Arco do Triunfo, em Paris (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
7/9

#padimpelomundo

Estátua do Padre Cícero no Museu do Gonzagão, em Exu (PE) (FOTO; Jari Vieira)

#padimpelomundo
8/9

#padimpelomundo

Jari Vieira abraçado com a sua avó, Maria do Carmo (FOTO: Jari Vieira)

#padimpelomundo
9/9

#padimpelomundo

Maria do Carmo, conhecida como Manhota, morreu aos 92 anos de velhice (FOTO: Jari Vieira)