Fotógrafa cearense é a 1ª mulher do Brasil a virar mochileira do Google Street View

FOTOS EM 360 GRAUS

Fotógrafa cearense é a 1ª mulher do Brasil a virar mochileira do Google Street View

Fernanda Sayuri, ex-Tribuna do Ceará, carrega a mochila que fará fotos em locais aonde o carro do Google não chega

Por Deborah Tavares em Perfil

30 de Março de 2017 às 07:00

Há 9 meses

A fotógrafa é a 2ª mulher da América Latina a fazer fotos em 360º para o Google. (FOTO: Jessica Welma/ Tribuna do Ceará)

A primeira mulher do Brasil a registrar imagens para o Google com o Street View Trekker é cearense. Fernanda Sayuri, de 25 anos, é fotógrafa, formada em Áudio Visual e Novas Mídias, teve passagem pelo Tribuna do Ceará e foi assistente de direção no longa Cine Holliúdy 2. Agora, ela embarca em mais uma aventura.

A fotógrafa foi a segunda mulher da América Latina escolhida para fazer fotos em 360º do Google Street View. Agora, em uma equipe de três “mochileiros”, vai viajar pelo Norte e Nordeste registrando as mais belas paisagens da região, quase inacessíveis. “Para mim, é uma realização pessoal incrível. Todo mundo sonha em trabalhar em uma empresa assim”, afirma.

Mesmo que sua paixão maior seja os vídeos, a fotografia ocupa um lugar especial em sua vida. “Eu gosto de fazer filme. Como a fotografia apareceu na minha vida é curioso. O primeiro emprego que eu arranjei foi em uma empresa produtora de conteúdo áudio visual. Depois eu resolvi estudar. Meu primeiro contato com a fotografia foi no Cuca da Barra do Ceará, onde eu fiz o meu primeiro curso”, conta Fernanda.

A profissional passou pelo Tribuna do Ceará entre 2015 e 2016, como fotógrafa e videomaker, e já recebeu 10 prêmios de jornalismo, pelo portal e também pelo site Verminosos por Futebol. O novo desafio, para ela, é uma forma de representar a voz feminina.

“O mais impactante pra mim foi estar representando as mulheres em um espaço que geralmente é dos homens. No cinema você vê a porcentagem de mulheres é sempre menor, não existem projetos que sejam feitos genuinamente por mulheres. Então é uma honra representar todas as mulheres e meninas que trabalham com fotografia. É um incentivo para as mulheres no audiovisual”.

Fernanda será diretora de fotografia do Desbravadores Google Street View<strong>. </strong>(FOTO: Jessica Welma / Tribuna do Ceará)

Fernanda também participará do Desbravadores Google Street View, como diretora de fotografia, projeto que documentará a passagem do Street View Trekker pelo Norte e Nordeste. A ideia é criar uma plataforma de informação turística e permitir que as pessoas desbravem os lugares por meio de experiências vividas por profissionais do ramo da gastronomia, da arte e do esportes. O documentário, autorizado pelo Google, estará disponível por meio do Maps.

Mapeamento

O Street View Trekker é um equipamento do Google, feito para registrar lugares aonde o carro não pode ir, como montanhas, rios, praias e serras. As imagens são feitas para o Google Maps.

No Brasil, uma empresa cearense de trade turístico, a Mapatur Street View, foi a única a receber a missão de fazer registros nas regiões Norte e Nordeste do país. Em 90 dias, a mochila rodará todo o Ceará e depois irá a outras localidades. Para começar a experiência, as primeiras paradas foram o Parque do Cocó e a Praia do Futuro.

Publicidade

Dê sua opinião

FOTOS EM 360 GRAUS

Fotógrafa cearense é a 1ª mulher do Brasil a virar mochileira do Google Street View

Fernanda Sayuri, ex-Tribuna do Ceará, carrega a mochila que fará fotos em locais aonde o carro do Google não chega

Por Deborah Tavares em Perfil

30 de Março de 2017 às 07:00

Há 9 meses

A fotógrafa é a 2ª mulher da América Latina a fazer fotos em 360º para o Google. (FOTO: Jessica Welma/ Tribuna do Ceará)

A primeira mulher do Brasil a registrar imagens para o Google com o Street View Trekker é cearense. Fernanda Sayuri, de 25 anos, é fotógrafa, formada em Áudio Visual e Novas Mídias, teve passagem pelo Tribuna do Ceará e foi assistente de direção no longa Cine Holliúdy 2. Agora, ela embarca em mais uma aventura.

A fotógrafa foi a segunda mulher da América Latina escolhida para fazer fotos em 360º do Google Street View. Agora, em uma equipe de três “mochileiros”, vai viajar pelo Norte e Nordeste registrando as mais belas paisagens da região, quase inacessíveis. “Para mim, é uma realização pessoal incrível. Todo mundo sonha em trabalhar em uma empresa assim”, afirma.

Mesmo que sua paixão maior seja os vídeos, a fotografia ocupa um lugar especial em sua vida. “Eu gosto de fazer filme. Como a fotografia apareceu na minha vida é curioso. O primeiro emprego que eu arranjei foi em uma empresa produtora de conteúdo áudio visual. Depois eu resolvi estudar. Meu primeiro contato com a fotografia foi no Cuca da Barra do Ceará, onde eu fiz o meu primeiro curso”, conta Fernanda.

A profissional passou pelo Tribuna do Ceará entre 2015 e 2016, como fotógrafa e videomaker, e já recebeu 10 prêmios de jornalismo, pelo portal e também pelo site Verminosos por Futebol. O novo desafio, para ela, é uma forma de representar a voz feminina.

“O mais impactante pra mim foi estar representando as mulheres em um espaço que geralmente é dos homens. No cinema você vê a porcentagem de mulheres é sempre menor, não existem projetos que sejam feitos genuinamente por mulheres. Então é uma honra representar todas as mulheres e meninas que trabalham com fotografia. É um incentivo para as mulheres no audiovisual”.

Fernanda será diretora de fotografia do Desbravadores Google Street View<strong>. </strong>(FOTO: Jessica Welma / Tribuna do Ceará)

Fernanda também participará do Desbravadores Google Street View, como diretora de fotografia, projeto que documentará a passagem do Street View Trekker pelo Norte e Nordeste. A ideia é criar uma plataforma de informação turística e permitir que as pessoas desbravem os lugares por meio de experiências vividas por profissionais do ramo da gastronomia, da arte e do esportes. O documentário, autorizado pelo Google, estará disponível por meio do Maps.

Mapeamento

O Street View Trekker é um equipamento do Google, feito para registrar lugares aonde o carro não pode ir, como montanhas, rios, praias e serras. As imagens são feitas para o Google Maps.

No Brasil, uma empresa cearense de trade turístico, a Mapatur Street View, foi a única a receber a missão de fazer registros nas regiões Norte e Nordeste do país. Em 90 dias, a mochila rodará todo o Ceará e depois irá a outras localidades. Para começar a experiência, as primeiras paradas foram o Parque do Cocó e a Praia do Futuro.