Motorista da Uber denuncia agressão de taxistas em momento de lazer com a namorada
PRAIA DE IRACEMA

Motorista da Uber denuncia agressão de taxistas em momento de lazer com a namorada

O caso envolveu um motorista da Uber e cerca de 10 taxistas. O motorista conta ao Tribuna do Ceará que a confusão teve início há 15 dias

Por Ana Clara Jovino em Mobilidade Urbana

24 de janeiro de 2017 às 16:30

Há 8 meses
motorista-uber-agredido

A agressão ao motorista resultou em machucados no rosto dele e seis pontos na boca (FOTO: Reprodução)

Um motorista da Uber denuncia ter sido agredido fisicamente por taxistas. O caso foi registrado por volta das 3h15 da madrugada desta terça-feira (24), na Rua dos Tabajaras, Praia de Iracema, em Fortaleza.

O motorista estava em um momento de lazer, no Bar do Pirata, com sua namorada. Ele conta que, quando estava saindo do estabelecimento, cerca de 10 motoristas o abordaram.

Em entrevista ao Tribuna do Ceará, o motorista, que trabalha há seis meses na empresa Uber, explica que a confusão teve início há aproximadamente 15 dias, quando foi ao mesmo local, desta vez exercendo a função de motorista, com um passageiro no carro.

“Eu tinha ido deixar uma pessoa lá. Eles perceberam que eu era Uber, me agrediram verbalmente e arranharam meu carro. Para evitar uma confusão maior, sai de lá”, esclarece o motorista, que preferiu não ser identificado.

Depois do ocorrido, voltou ao local nesta segunda-feira (23) para se divertir com sua namorada e acabou sendo agredido novamente, desta vez fisicamente, conforme o relato. A agressão resultou em machucados no rosto e seis pontos na boca. “Eu estava saindo do bar, eles me reconheceram, e só pelo fato de eu ser Uber, me agrediram. Uns 8 a 10 motoristas fardados me baterem”.

O Tribuna do Ceará tentou contato com o SindiTáxi; mas, até a publicação da matéria, não atendeu as ligações.

Assista ao vídeo da confusão:

Publicidade

Dê sua opinião

PRAIA DE IRACEMA

Motorista da Uber denuncia agressão de taxistas em momento de lazer com a namorada

O caso envolveu um motorista da Uber e cerca de 10 taxistas. O motorista conta ao Tribuna do Ceará que a confusão teve início há 15 dias

Por Ana Clara Jovino em Mobilidade Urbana

24 de janeiro de 2017 às 16:30

Há 8 meses
motorista-uber-agredido

A agressão ao motorista resultou em machucados no rosto dele e seis pontos na boca (FOTO: Reprodução)

Um motorista da Uber denuncia ter sido agredido fisicamente por taxistas. O caso foi registrado por volta das 3h15 da madrugada desta terça-feira (24), na Rua dos Tabajaras, Praia de Iracema, em Fortaleza.

O motorista estava em um momento de lazer, no Bar do Pirata, com sua namorada. Ele conta que, quando estava saindo do estabelecimento, cerca de 10 motoristas o abordaram.

Em entrevista ao Tribuna do Ceará, o motorista, que trabalha há seis meses na empresa Uber, explica que a confusão teve início há aproximadamente 15 dias, quando foi ao mesmo local, desta vez exercendo a função de motorista, com um passageiro no carro.

“Eu tinha ido deixar uma pessoa lá. Eles perceberam que eu era Uber, me agrediram verbalmente e arranharam meu carro. Para evitar uma confusão maior, sai de lá”, esclarece o motorista, que preferiu não ser identificado.

Depois do ocorrido, voltou ao local nesta segunda-feira (23) para se divertir com sua namorada e acabou sendo agredido novamente, desta vez fisicamente, conforme o relato. A agressão resultou em machucados no rosto e seis pontos na boca. “Eu estava saindo do bar, eles me reconheceram, e só pelo fato de eu ser Uber, me agrediram. Uns 8 a 10 motoristas fardados me baterem”.

O Tribuna do Ceará tentou contato com o SindiTáxi; mas, até a publicação da matéria, não atendeu as ligações.

Assista ao vídeo da confusão: