Moradores do Bairro de Fátima usam areia de construção para aterrar buracos
ACABOU A PACIÊNCIA

Moradores do Bairro de Fátima usam areia de construção para aterrar buracos

Pedreiros que trabalham numa residência da Rua Solon Pinheiro cansaram de esperar pelo conserto de buracos, e resolveram eles mesmos

Por Tribuna do Ceará em Mobilidade Urbana

20 de junho de 2017 às 06:45

Há 2 meses
Buracos na rua Sólon Pinheiro, no bairro de Fátima

Os buracos têm causado transtornos para moradores e motoristas (FOTO: Adriana Paiva/Tribuna do Ceará)

Por Daniel Rocha

Moradores da Rua Sólon Pinheiro, no Bairro de Fátima, em Fortaleza, decidiram tapar buracos na via com os restos de materiais de uma construção, na manhã desta segunda-feira (19). A medida foi para minimizar os transtorno dos moradores, e para melhorar o fluxo de veículos na via, que passavam rente à calçada para escapar da buraqueira.

A iniciativa partiu do pedreiro Francisco Edival, que estava fazendo uma reforma em uma residência da rua. Ele utilizou restos de areia do reboco do domicílio para aterrar os buracos no quarteirão.

“Tinha uns entulhos para colocar fora, aí decidi colocar nos buracos. As topiques (da linha 03) passam aqui pertinho. A medida foi só para amenizar o problema aqui”, disse o pedreiro, ao Tribuna do Ceará.

Segundo a moradora da residência, que não quis se identificar, os carros iam em direção à calçada, colocando  em risco a segurança dos pedreiros que trabalhavam na casa. A proprietária disse que os buracos surgiram há dois meses, e vêm crescendo a cada dia.

O aposentado Carlos Alberto informou que os buracos aumentaram com as chuvas do início deste ano. “Se você percorrer a rua até o Centro, é possível encontrar outros. E no bairro tem muitas ruas esburacadas”, criticou o morador do bairro.

Para desviar dos buracos, os motoristas avançam o acostamento colocando em risco a segurança dos pedreiros (FOTO: Adriano Alves)

O Tribuna do Ceará entrou em contato com a Secretaria de Conservação de Serviços Públicos (SCSP), responsável pelas vias de Fortaleza, que informou que a Rua Sólon Pinheiro já estava na programação de atividades e receberá os serviços de recuperação de vias até o final desta semana.

“O trabalho de recuperação de vias tem como prioridade a conservação e melhoria das avenidas com corredores exclusivos de ônibus, as ruas secundárias que apresentem necessidade deste serviço, além das vias que tenham binários, ciclovias e ciclofaixas, já implantados ou a serem implantados, a fim de proporcionar mais segurança ao tráfego do transporte público, pedestres, ciclistas e veículos”, afirmou, em nota, a secretaria. ”

“Também são realizadas reformas e melhorias da pavimentação no entorno dos postos de saúde, escolas, creches; recuperação de galerias de drenagem e implantação de calhas e sarjetas; e também a execução de serviços de reparos ou melhorias de drenagem em calhas de concreto, galerias, sarjetas e bocas de lobo”.

Esses buracos são citados por internautas no Mapa dos Buracos, uma ferramenta colaborativa lançada em maio pelo Tribuna do Ceará, com o intuito de reunir relatos de buracos para a Prefeitura inclui-los na Operação Tapa Buracos.

“Mesmo com o aumento das chuvas, de janeiro a maio, já foi recuperada neste ano uma área total de 89.026,56 m2 em 204 vias distribuídas em 77 bairros em todas as sete Regionais da cidade”, afirma a SCSP.

Serviço

A SCSP orienta que solicitações de reparos em vias das cidade sejam feitam diretamente às Regionais de cada bairro, “que irão avaliar cada situação e direcionar para o órgão municipal responsável pela sua resolução”. Os telefones de contato são:

Regional Centro: 3226-5059

Regional 1: 3433-6875

Regional 2: 3241-4802

Regional 3: 3433-2519

Regional 4: 3433-2862

Regional 5: 3433-2929

Regional 6: 3488-3124

Publicidade

Dê sua opinião

ACABOU A PACIÊNCIA

Moradores do Bairro de Fátima usam areia de construção para aterrar buracos

Pedreiros que trabalham numa residência da Rua Solon Pinheiro cansaram de esperar pelo conserto de buracos, e resolveram eles mesmos

Por Tribuna do Ceará em Mobilidade Urbana

20 de junho de 2017 às 06:45

Há 2 meses
Buracos na rua Sólon Pinheiro, no bairro de Fátima

Os buracos têm causado transtornos para moradores e motoristas (FOTO: Adriana Paiva/Tribuna do Ceará)

Por Daniel Rocha

Moradores da Rua Sólon Pinheiro, no Bairro de Fátima, em Fortaleza, decidiram tapar buracos na via com os restos de materiais de uma construção, na manhã desta segunda-feira (19). A medida foi para minimizar os transtorno dos moradores, e para melhorar o fluxo de veículos na via, que passavam rente à calçada para escapar da buraqueira.

A iniciativa partiu do pedreiro Francisco Edival, que estava fazendo uma reforma em uma residência da rua. Ele utilizou restos de areia do reboco do domicílio para aterrar os buracos no quarteirão.

“Tinha uns entulhos para colocar fora, aí decidi colocar nos buracos. As topiques (da linha 03) passam aqui pertinho. A medida foi só para amenizar o problema aqui”, disse o pedreiro, ao Tribuna do Ceará.

Segundo a moradora da residência, que não quis se identificar, os carros iam em direção à calçada, colocando  em risco a segurança dos pedreiros que trabalhavam na casa. A proprietária disse que os buracos surgiram há dois meses, e vêm crescendo a cada dia.

O aposentado Carlos Alberto informou que os buracos aumentaram com as chuvas do início deste ano. “Se você percorrer a rua até o Centro, é possível encontrar outros. E no bairro tem muitas ruas esburacadas”, criticou o morador do bairro.

Para desviar dos buracos, os motoristas avançam o acostamento colocando em risco a segurança dos pedreiros (FOTO: Adriano Alves)

O Tribuna do Ceará entrou em contato com a Secretaria de Conservação de Serviços Públicos (SCSP), responsável pelas vias de Fortaleza, que informou que a Rua Sólon Pinheiro já estava na programação de atividades e receberá os serviços de recuperação de vias até o final desta semana.

“O trabalho de recuperação de vias tem como prioridade a conservação e melhoria das avenidas com corredores exclusivos de ônibus, as ruas secundárias que apresentem necessidade deste serviço, além das vias que tenham binários, ciclovias e ciclofaixas, já implantados ou a serem implantados, a fim de proporcionar mais segurança ao tráfego do transporte público, pedestres, ciclistas e veículos”, afirmou, em nota, a secretaria. ”

“Também são realizadas reformas e melhorias da pavimentação no entorno dos postos de saúde, escolas, creches; recuperação de galerias de drenagem e implantação de calhas e sarjetas; e também a execução de serviços de reparos ou melhorias de drenagem em calhas de concreto, galerias, sarjetas e bocas de lobo”.

Esses buracos são citados por internautas no Mapa dos Buracos, uma ferramenta colaborativa lançada em maio pelo Tribuna do Ceará, com o intuito de reunir relatos de buracos para a Prefeitura inclui-los na Operação Tapa Buracos.

“Mesmo com o aumento das chuvas, de janeiro a maio, já foi recuperada neste ano uma área total de 89.026,56 m2 em 204 vias distribuídas em 77 bairros em todas as sete Regionais da cidade”, afirma a SCSP.

Serviço

A SCSP orienta que solicitações de reparos em vias das cidade sejam feitam diretamente às Regionais de cada bairro, “que irão avaliar cada situação e direcionar para o órgão municipal responsável pela sua resolução”. Os telefones de contato são:

Regional Centro: 3226-5059

Regional 1: 3433-6875

Regional 2: 3241-4802

Regional 3: 3433-2519

Regional 4: 3433-2862

Regional 5: 3433-2929

Regional 6: 3488-3124