Livro reúne histórias dos 140 anos do transporte público no Ceará


Livro reúne histórias dos 140 anos do transporte público no Ceará

A Federação das Empresas de Transportes Rodoviários do Ceará (Cepimar) reuniu os 140 anos de ônibus percorrendo as estradas da cidade do Ceará em um livro

Por Rosana Romão em Mobilidade Urbana

22 de dezembro de 2014 às 11:00

Há 4 anos
Livro demorou 8 meses para ser produzido, com a colaboração de historiadores e sociólogos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro demorou 8 meses para ser produzido, com a colaboração de historiadores e sociólogos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Ao longo dos anos o transporte coletivo passou por diversas modificações. Seja a decoração externa, o vale-transporte e até mesmo o valor da passagem, os ônibus guardam lembranças e marcam gerações. Ao pesquisar sobre a história dos coletivos do Ceará, muito pode-se conhecer sobre Fortaleza, cidades do interior e personagens que compõem essa história. Para arquivar todo esse memorial, a Federação das Empresas de Transportes Rodoviários do Ceará (Cepimar) reuniu os 140 anos de ônibus percorrendo as estradas da cidade do Ceará em um livro.

A instituição iniciou a pesquisa sobre o transporte público em 1999, através de levantamento de arquivos públicos, notícias em jornais e depoimentos. As investigações, além de estarem à disposição do público na sede do Sest Senat em Fortaleza, também são utilizadas em exposições para trabalhadores, empresários e para o público em geral. “A gente reuniu todo esse material, cerca de 50 mil documentos, e tivemos a ideia de transformar em um livro para que as pessoas pudessem ter acesso a toda essa história”, explica a socióloga Josenira Unias.

O livro é dividido em seis capítulos, abordando a criação das estradas no interior do Ceará, o extinto caminhão misto, que transportava pessoas e mercadorias, o pau-de-arara com meio de transporte, São Cristóvão, o padroeiro dos motoristas, o transporte público em Fortaleza e a mudança arquitetônica da cidade, além de narrar a história da Federação das Empresas de Transportes Rodoviários do Ceará. A obra, que contém 230 páginas, demorou oito meses para ser produzida e finalizada.

Além de Josenira Unias, a obra contou com a colaboração de Manoel Paulino Neto na pesquisa, textos e coordenação de pesquisa de Patrícia Menezes e revisão de Aida Eskinazi e Gilmar de Carvalho. Já a capa e projeto gráfico foram compostos por Gustavo Pinheiro Ribeiro e Rafael Frota Oliveira. O prefácio foi feito pelo pesquisador e escritor Gilmar de Carvalho. “Ao trabalhar nesse projeto, refleti sobre a importância do transporte e pude perceber ele no sentido coletivo mesmo. Como usuário, a gente só vê um lado, mas vendo o lado da federação pude entender melhor como as coisas funcionam, desde a questão política até a legislação”, relata Josenira.

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
1/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
2/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
3/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
4/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
5/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
6/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
7/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
8/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
9/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
10/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
11/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
12/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

A transição do vale-transporte de papel para o eletrônico também foi registrada no livro. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
13/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
14/20

Salão do Trabalhador

Sest-Senat reúne diversas exposições sobre a história do transporte público no Ceará. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
15/20

Salão do Trabalhador

Sest-Senat reúne diversas exposições sobre a história do transporte público no Ceará. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
16/20

Salão do Trabalhador

Cordel escrito por um motorista de ônibus sobre histórias que aconteceram no coletivo. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
17/20

Salão do Trabalhador

Cordel escrito por um motorista de ônibus sobre histórias que aconteceram no coletivo. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
18/20

Salão do Trabalhador

Sest-Senat reúne diversas exposições sobre a história do transporte público no Ceará. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
19/20

Salão do Trabalhador

Réplica do ônibus que transportou o Papa João Paulo II no dia 10 de julho de 1980, em Fortaleza. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
20/20

Salão do Trabalhador

Cadeira do ônibus onde o Papa João Paulo II sentou, no dia 10 de julho de 1980, em Fortaleza. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Uma das histórias curiosas que compõem o livro é o cordel produzido por um motorista de ônibus narrando “A briga do cobrador bate-asas com a nega do Pirambu”. A história também está disponível no Salão do Trabalhador, localizado na sede do Sest Senat. Durante a pesquisa do livro, o motorista foi entrevistado e, de início, negou a autoria do cordel. “Isso não existe, foi um amigo que queria brincar comigo e acabou falando isso”, brinca relembrando. Mas, após a insistência dos pesquisadores ressaltando a importância da documentação da histórica, ele acabou aceitando e assumindo a autoria.

A transformação da arquitetura de Fortaleza e  a mudança de tecnologia também permeiam entre as histórias contadas no livro. “A gente veio de um momento que não existia nem catraca, até elas existirem, teve a chegada dos terminais, as diferentes pinturas de ônibus, os ônibus sanfonados, além de conhecer como era a época dos bondes, ônibus elétricos e suas histórias engraçadas. Foi uma pesquisa muito rica”, assume Josenira. Um motorista entrevistado apontou o ônibus elétrico como inviável, pois ele não conseguia fazer a curva convencional, além de acontecer casos de choque e de faltar energia e o ônibus parar no meio da rua. Devido a essa inviabilidade, os coletivos elétricos duraram menos de 5 anos em Fortaleza e foram vendidos para Recife.

A obra conta com pesquisas do século 19 até os dias atuais, além de mostrar a lei mais antiga que regulamenta o transporte no Ceará: a solicitação de empresários do transporte para abrir uma estrada em Maranguape para passar o que na época chamavam de “omnibus”, de 1867. O livro “De Ônibus” está disponível na Biblioteca Pública Dolor Barreira, no Dragão do Mar, no próprio acervo da Federação dos Transportes Rodoviários (Cepimar), além das escolas que visitaram a fundação através do programa “Pela Janela do Ônibus”. No acervo atual da Cepimar há mais de 60 mil registros, incluindo fotos e legislação, disponíveis para visitação e pesquisa.

Publicidade

Dê sua opinião

Livro reúne histórias dos 140 anos do transporte público no Ceará

A Federação das Empresas de Transportes Rodoviários do Ceará (Cepimar) reuniu os 140 anos de ônibus percorrendo as estradas da cidade do Ceará em um livro

Por Rosana Romão em Mobilidade Urbana

22 de dezembro de 2014 às 11:00

Há 4 anos
Livro demorou 8 meses para ser produzido, com a colaboração de historiadores e sociólogos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro demorou 8 meses para ser produzido, com a colaboração de historiadores e sociólogos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Ao longo dos anos o transporte coletivo passou por diversas modificações. Seja a decoração externa, o vale-transporte e até mesmo o valor da passagem, os ônibus guardam lembranças e marcam gerações. Ao pesquisar sobre a história dos coletivos do Ceará, muito pode-se conhecer sobre Fortaleza, cidades do interior e personagens que compõem essa história. Para arquivar todo esse memorial, a Federação das Empresas de Transportes Rodoviários do Ceará (Cepimar) reuniu os 140 anos de ônibus percorrendo as estradas da cidade do Ceará em um livro.

A instituição iniciou a pesquisa sobre o transporte público em 1999, através de levantamento de arquivos públicos, notícias em jornais e depoimentos. As investigações, além de estarem à disposição do público na sede do Sest Senat em Fortaleza, também são utilizadas em exposições para trabalhadores, empresários e para o público em geral. “A gente reuniu todo esse material, cerca de 50 mil documentos, e tivemos a ideia de transformar em um livro para que as pessoas pudessem ter acesso a toda essa história”, explica a socióloga Josenira Unias.

O livro é dividido em seis capítulos, abordando a criação das estradas no interior do Ceará, o extinto caminhão misto, que transportava pessoas e mercadorias, o pau-de-arara com meio de transporte, São Cristóvão, o padroeiro dos motoristas, o transporte público em Fortaleza e a mudança arquitetônica da cidade, além de narrar a história da Federação das Empresas de Transportes Rodoviários do Ceará. A obra, que contém 230 páginas, demorou oito meses para ser produzida e finalizada.

Além de Josenira Unias, a obra contou com a colaboração de Manoel Paulino Neto na pesquisa, textos e coordenação de pesquisa de Patrícia Menezes e revisão de Aida Eskinazi e Gilmar de Carvalho. Já a capa e projeto gráfico foram compostos por Gustavo Pinheiro Ribeiro e Rafael Frota Oliveira. O prefácio foi feito pelo pesquisador e escritor Gilmar de Carvalho. “Ao trabalhar nesse projeto, refleti sobre a importância do transporte e pude perceber ele no sentido coletivo mesmo. Como usuário, a gente só vê um lado, mas vendo o lado da federação pude entender melhor como as coisas funcionam, desde a questão política até a legislação”, relata Josenira.

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
1/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
2/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
3/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
4/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
5/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
6/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
7/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
8/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
9/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
10/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
11/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
12/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

A transição do vale-transporte de papel para o eletrônico também foi registrada no livro. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado
13/20

Livro sobre os 140 anos das estradas cearenses reúne histórias do transporte público no estado

Publicação tem 130 páginas com histórias do interior, metrópole, personagens e história da federação de transporte. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
14/20

Salão do Trabalhador

Sest-Senat reúne diversas exposições sobre a história do transporte público no Ceará. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
15/20

Salão do Trabalhador

Sest-Senat reúne diversas exposições sobre a história do transporte público no Ceará. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
16/20

Salão do Trabalhador

Cordel escrito por um motorista de ônibus sobre histórias que aconteceram no coletivo. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
17/20

Salão do Trabalhador

Cordel escrito por um motorista de ônibus sobre histórias que aconteceram no coletivo. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
18/20

Salão do Trabalhador

Sest-Senat reúne diversas exposições sobre a história do transporte público no Ceará. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
19/20

Salão do Trabalhador

Réplica do ônibus que transportou o Papa João Paulo II no dia 10 de julho de 1980, em Fortaleza. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Salão do Trabalhador
20/20

Salão do Trabalhador

Cadeira do ônibus onde o Papa João Paulo II sentou, no dia 10 de julho de 1980, em Fortaleza. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Uma das histórias curiosas que compõem o livro é o cordel produzido por um motorista de ônibus narrando “A briga do cobrador bate-asas com a nega do Pirambu”. A história também está disponível no Salão do Trabalhador, localizado na sede do Sest Senat. Durante a pesquisa do livro, o motorista foi entrevistado e, de início, negou a autoria do cordel. “Isso não existe, foi um amigo que queria brincar comigo e acabou falando isso”, brinca relembrando. Mas, após a insistência dos pesquisadores ressaltando a importância da documentação da histórica, ele acabou aceitando e assumindo a autoria.

A transformação da arquitetura de Fortaleza e  a mudança de tecnologia também permeiam entre as histórias contadas no livro. “A gente veio de um momento que não existia nem catraca, até elas existirem, teve a chegada dos terminais, as diferentes pinturas de ônibus, os ônibus sanfonados, além de conhecer como era a época dos bondes, ônibus elétricos e suas histórias engraçadas. Foi uma pesquisa muito rica”, assume Josenira. Um motorista entrevistado apontou o ônibus elétrico como inviável, pois ele não conseguia fazer a curva convencional, além de acontecer casos de choque e de faltar energia e o ônibus parar no meio da rua. Devido a essa inviabilidade, os coletivos elétricos duraram menos de 5 anos em Fortaleza e foram vendidos para Recife.

A obra conta com pesquisas do século 19 até os dias atuais, além de mostrar a lei mais antiga que regulamenta o transporte no Ceará: a solicitação de empresários do transporte para abrir uma estrada em Maranguape para passar o que na época chamavam de “omnibus”, de 1867. O livro “De Ônibus” está disponível na Biblioteca Pública Dolor Barreira, no Dragão do Mar, no próprio acervo da Federação dos Transportes Rodoviários (Cepimar), além das escolas que visitaram a fundação através do programa “Pela Janela do Ônibus”. No acervo atual da Cepimar há mais de 60 mil registros, incluindo fotos e legislação, disponíveis para visitação e pesquisa.