7 carros mais baratos à venda em Fortaleza

Na feira da Parangaba há carros à venda – acredite! – por até R$ 800. O Tribuna do Ceará lista 7 opções de R$ 1.000 a R$ 2.000. E aí, vai encarar?

Carros-mais-baratos (2)

Márcio Pires de Moura, o “Rei da Sucata”, vende carros a partir de R$ 800 (Foto: Rafael Luis Azevedo)

Quer comprar um carro e está sem grana? Na feira da Parangaba, a mais popular de Fortaleza, é possível encontrar veículos custando até R$ 800 – menos do que um videogame. Eles são todos de terceira mão, quarta, quinta. Estão mais pra sucata, mas com algum trocado a mais investido dá pra, quem sabe, quebrar um galho. Ou quebrar a cabeça…

Após um passeio pela feira, o Tribuna do Ceará listou sete veículos vendidos de R$ 1.000 a R$ 2.000. “Se você tivesse vindo um dia antes, teria encontrado um Voyage por R$ 800″, conta Márcio Pires de Moura, conhecido como “Rei da Sucata”. Na feira da Parangaba, carro velho é com ele mesmo. “Nunca tive capital pra negociar carro mais caro”.

O comerciante foca num mercado de veículos muito velhos, rejeitados por outros vendedores em razão do baixo lucro. Seu público é formado por pessoas que nunca puderam comprar um carro ou que sempre desejaram um modelo que saiu de linha há muito tempo, como Escort, Del Rey, Monza ou Chevette. “Eu sempre aviso que, se não fizer reforma, vai ser problema na certa”, garante.

Alguns carros são tão velhos que não dá pra vender nem pelo piso de R$ 800. “Já repassei um Voyage por R$ 500. É exceção, ele tava só o bagaço”, admite Márcio. Em outra ocasião, desfez um negócio por pena do comprador. “O rapaz escolheu um carro caindo aos pedaços, mas quando me disse que iria levar a família numa viagem, mandei ele voltar pra casa com o dinheiro”.

Por mês são vendidos cerca de 1.000 carros na feira da Parangaba. As negociações são supervisionadas pela Associação dos Feirantes de Veículos Usados, que funciona desde 1992 e possui 800 filiados. Na entidade é possível conferir o estado legal do carro – se houver multa a pagar, o valor é descontado no ato da compra.

Voyage

Carros muito deteriorados, como esse Voyage 1986 vendido por R$ 1.000, foram deixados de fora da lista do Tribuna do Ceará (Foto: Rafael Luis Azevedo)

Mas nem só velharias estão disponíveis na praça. Com sorte, é possível encontrar veículos mais recentes, até de 2011. “Geralmente os carros mais caros são vendidos por R$ 20 mil”, aponta o vice-presidente, Raimundo Nonato. Com esse dinheiro aí dá pra zerar o estoque do Rei da Sucata.

Feira de carros da Parangaba
Associação dos Feirantes de Veículos Usados – 8617.8803 (Raimundo Nonato, vice-presidente), Seg a Sab, 8h às 17h

7 pechinchas à venda em Fortaleza: (clique na imagem para ampliar)

* Com multas sub-júdice

Dê sua Opinião