Camilo está entre os candidatos com maior dívida de campanha nas eleições de 2018

SALDO DA CAMPANHA

Camilo está entre os candidatos com maior dívida de campanha nas eleições de 2018

Apesar de ter arrecadado mais de R$ 4 milhões, o candidato teve despesas que ultrapassaram a casa dos R$ 8 milhões

Por Tribuna Bandnews FM em Eleições 2018

19 de novembro de 2018 às 14:33

Há 4 semanas

Camilo Santana atingiu mais de 90% dos votos em 110 dos 184 municípios cearenses (FOTO: Reprodução)

Dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apontam que mais de mil candidatos ficaram com dívida de campanha nas Eleições 2018. Conforme os números, o saldo devedor dos que participaram apenas do 1º turno e já tiveram a prestação de contas encerrada é de R$ 77 milhões.

O governador reeleito do Ceará, Camilo Santana, do PT, aparece entre os candidatos com maior dívida. Ele contabilizou uma pendência de mais de R$ 3 milhões. Apesar de ter arrecadado mais de R$ 4 milhões, o candidato teve despesas que ultrapassaram a casa dos R$ 8 milhões ao longo da campanha.

Dos mais de 18 mil candidatos que enviaram as prestações de contas para o TSE, 1.245 estão com saldo devedor. Desses, 129 foram eleitos. Mais de 30% dos candidatos e partidos que disputaram o 1ºo turno, no entanto, não prestaram contas.

Camilo Santana foi reeleito ainda no primeiro turno. O petista atingiu mais de 90% dos votos em 110 dos 184 municípios cearenses.

Publicidade

Dê sua opinião

SALDO DA CAMPANHA

Camilo está entre os candidatos com maior dívida de campanha nas eleições de 2018

Apesar de ter arrecadado mais de R$ 4 milhões, o candidato teve despesas que ultrapassaram a casa dos R$ 8 milhões

Por Tribuna Bandnews FM em Eleições 2018

19 de novembro de 2018 às 14:33

Há 4 semanas

Camilo Santana atingiu mais de 90% dos votos em 110 dos 184 municípios cearenses (FOTO: Reprodução)

Dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apontam que mais de mil candidatos ficaram com dívida de campanha nas Eleições 2018. Conforme os números, o saldo devedor dos que participaram apenas do 1º turno e já tiveram a prestação de contas encerrada é de R$ 77 milhões.

O governador reeleito do Ceará, Camilo Santana, do PT, aparece entre os candidatos com maior dívida. Ele contabilizou uma pendência de mais de R$ 3 milhões. Apesar de ter arrecadado mais de R$ 4 milhões, o candidato teve despesas que ultrapassaram a casa dos R$ 8 milhões ao longo da campanha.

Dos mais de 18 mil candidatos que enviaram as prestações de contas para o TSE, 1.245 estão com saldo devedor. Desses, 129 foram eleitos. Mais de 30% dos candidatos e partidos que disputaram o 1ºo turno, no entanto, não prestaram contas.

Camilo Santana foi reeleito ainda no primeiro turno. O petista atingiu mais de 90% dos votos em 110 dos 184 municípios cearenses.