Aplicativo permite que eleitores notifiquem irregularidades durante as eleições

INFRAÇÕES ELEITORAIS

Aplicativo permite que eleitores notifiquem irregularidades durante as eleições

Nas denúncias deverão constar, obrigatoriamente, o nome e o CPF do cidadão que as encaminhou, além de elementos que indiquem a existência do fato

Por Tribuna do Ceará em Eleições 2018

5 de outubro de 2018 às 06:45

Há 8 meses
Crimes eleitorais podem ser denunciados pelo App (FOTO: Lya Cardoso)

Crimes eleitorais, como compra de votos, podem ser denunciados pelo App (FOTO: Lya Cardoso)

Um aplicativo desenvolvido pela Justiça Eleitoral possibilita aos eleitores notificarem irregularidades nas campanhas durante o fim de semana.

A ferramenta Pardal é gratuita e está disponível para download nas lojas virtuais Apple Store e Google Play.

Ao identificar algum problema, o eleitor poderá tirar uma foto e, por meio do app, enviar as evidências para a Justiça Eleitoral do seu estado ou município. O órgão fará a análise do caso.

O aplicativo pode ser utilizado para noticiar diversas infrações eleitorais, como compra de votos, uso da máquina pública, crimes eleitorais, doações e gastos eleitorais, além de irregularidades relativas à propaganda política.

Nas denúncias deverão constar, obrigatoriamente, o nome e o CPF do cidadão que as encaminhou, além de elementos que indiquem a existência do fato: fotos, vídeos ou áudios.

Publicidade

Dê sua opinião

INFRAÇÕES ELEITORAIS

Aplicativo permite que eleitores notifiquem irregularidades durante as eleições

Nas denúncias deverão constar, obrigatoriamente, o nome e o CPF do cidadão que as encaminhou, além de elementos que indiquem a existência do fato

Por Tribuna do Ceará em Eleições 2018

5 de outubro de 2018 às 06:45

Há 8 meses
Crimes eleitorais podem ser denunciados pelo App (FOTO: Lya Cardoso)

Crimes eleitorais, como compra de votos, podem ser denunciados pelo App (FOTO: Lya Cardoso)

Um aplicativo desenvolvido pela Justiça Eleitoral possibilita aos eleitores notificarem irregularidades nas campanhas durante o fim de semana.

A ferramenta Pardal é gratuita e está disponível para download nas lojas virtuais Apple Store e Google Play.

Ao identificar algum problema, o eleitor poderá tirar uma foto e, por meio do app, enviar as evidências para a Justiça Eleitoral do seu estado ou município. O órgão fará a análise do caso.

O aplicativo pode ser utilizado para noticiar diversas infrações eleitorais, como compra de votos, uso da máquina pública, crimes eleitorais, doações e gastos eleitorais, além de irregularidades relativas à propaganda política.

Nas denúncias deverão constar, obrigatoriamente, o nome e o CPF do cidadão que as encaminhou, além de elementos que indiquem a existência do fato: fotos, vídeos ou áudios.