Somente 6 dos 17 cursos de Direito do Ceará são certificados pela OAB


Somente 6 dos 17 cursos de Direito do Ceará são certificados pela OAB

O diretor-executivo da Escola de Advocacia da OAB, Marcell Feitosa, critica o crescimento desenfreado do número de faculdades de Direito

Por Roberta Tavares em Educação

29 de janeiro de 2016 às 06:00

Há 3 anos
Curso de Direito da UFC recebeu selo de qualidade da OAB (FOTO: Divulgação)

Curso de Direito da UFC recebeu selo de qualidade da OAB (FOTO: Divulgação)

O ensino jurídico do Ceará merece atenção. Apenas seis cursos de Direito do estado foram certificados com selo de qualidade da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

O selo “OAB Recomenda” é entregue a cada três anos pela OAB Nacional e leva em conta a aprovação de alunos no Exame de Ordem e o desempenho no Enade (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes).

No Ceará, receberam o selo somente a Universidade Regional do Cariri (Urca), o Centro Universitário Christus, a Faculdade Farias Brito, a Faculdade Sete de Setembro (FA7), a Universidade Federal do Ceará (UFC) e a Universidade Estadual do Vale do Acaraú (UVA).

Os critérios para concessão do selo de qualidade são objetivos: ter ao menos 20 alunos participantes de três edições do Exame de Ordem Unificado, com peso 4 na avaliação, e também do Enade, com peso 1. As faculdades com nota acima de 7, em escala de 0 a 10, recebem o selo.

Para o diretor-executivo da Escola Superior de Advocacia do Estado do Ceará da OAB, Marcell Feitosa, o problema é nacional. “No Brasil, temos 1.200 entidades de ensino jurídico. É um número bastante elevado se compararmos aos outros países. Os Estados Unidos, por exemplo, têm 232 faculdades. O Brasil sozinho tem mais cursos de Direito que todo o resto do mundo junto. Já o Ceará possui, pelo menos, 17 instituições de ensino jurídico”, indica.

O crescimento desenfreado do número de cursos de Direito acaba prejudicando a qualidade do ensino no estado. “A gente precisa ter cuidado com essa proliferação. Temos um número elevado de estudantes, mas é preciso ter qualidade, preocupação com a grade curricular e remuneração para os professores, isso afeta diretamente no ensino”.

Carência

Segundo o diretor-executivo, a maior carência percebida no mercado de trabalho é de profissionais com prática jurídica. “Muitos estudantes não reconhecem a necessidade de fazer um estágio, ter uma experiência maior, e entram no mercado de trabalho muito ‘crus”.

Na tentativa de minimizar os problemas encontrados nos advogados recém-formados, a OAB disponibiliza cursos na Escola Superior de Advocacia do Estado do Ceará (ESA) desde 1988. “É algo eminentemente prático. A gente foge um pouco da teoria e foca na prática”.

São ofertados mais de 300 cursos por ano, presenciais e à distância, de inglês, informática, oratória, pós-graduação e até discussões de casos. Há aulas de curta e longa duração, todas com foco na atualização juridical. “É um braço educacional da OAB. Eles são ofertados para estudantes, advogados e público em geral. Para participar, não é necessário nenhum pagamento de anuidade, mas há cursos gratuitos e outros pagos”, explica.

Brasil

A OAB Nacional entregou o selo de qualidade em janeiro a 139 faculdades e cursos de direito de todo o Brasil. O presidente nacional da OAB, Marcus Vinicius Furtado, afirmou que o selo não vai contra as faculdades que não o recebem, sendo um estímulo para que todas um dia possam recebê-lo.

“Não agrada à OAB ter apenas 139 cursos merecedores. Queremos que mais cursos possam chegar a esse padrão”, disse, relembrando o pacto firmado entre a instituição e o Ministério da Educação para o congelamento da criação de cursos e novas vagas em direito de faculdades que não possuem qualidade, assim como a criação de um novo marco regulatório para a área, que deve ser aprovado em breve.

“O Brasil sozinho tem mais cursos de Direito que todo o resto do mundo. Já o Ceará possui, pelo menos, 17 instituições de ensino jurídico” (Marcell Feitosa)

Ricardo Lewandowski, presidente do STF, abordou em seu discurso a importância de boas faculdades formarem bacharéis em Direito com formação ampla e multicultural, focada em diversas áreas do conhecimento. Esta formação, segundo o magistrado, permitirá um avanço em políticas que serão essenciais no futuro do país: diminuir a litigiosidade, com métodos alternativos de resolução de conflitos, como mediação, conciliação e arbitragem, e as audiências de custódia, que têm diminuído o número de presos provisórios no Brasil.

“É preciso, neste momento histórico, que nós, operadores do direito, tenhamos uma visão crítica e alternativa de nossa prática. Estas 139 faculdades de direito certamente têm visão plural do fenômeno jurídico e estão preparadas para se utilizar dos métodos alternativos, contribuindo para a pacificação do país e a preservação do Estado de Direito, patrimônio inalienável de todos os cidadãos”, concluiu.

Veja abaixo a lista das 139 faculdades e cursos de direito agraciados com o selo de qualidade OAB Recomenda:

ACRE

RIO BRANCO – UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE – UFAC

ALAGOAS

MACEIÓ – UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS – UFAL

AMAPÁ

MACAPÁ – UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ – UNIFAP

AMAZONAS

MANAUS – UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS – UEA

MANAUS – UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS – UFAM

BAHIA

CAMAÇARI – UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA – UNEB

FEIRA DE SANTANA – FACULDADE NOBRE DE FEIRA DE SANTANA – FAN

FEIRA DE SANTANA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA – UEFS

ILHÉUS – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ – UESC

JUAZEIRO – UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA – UNEB

SALVADOR – FACULDADE BAIANA DE DIREITO E GESTÃO

SALVADOR – UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA – UNEB

SALVADOR – UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA – UFBA

SALVADOR – UNIVERSIDADE SALVADOR – UNIFACS – CAMPUS IGUATEMI

VALENÇA – UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA – UNEB

VITÓRIA DA CONQUISTA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA – UESB

CEARÁ

CRATO – UNIVERSIDADE REGIONAL DO CARIRI – URCA

FORTALEZA – CENTRO UNIVERSITÁRIO CHRISTUS

FORTALEZA – FACULDADE FARIAS BRITO – FFB

FORTALEZA – FACULDADE SETE DE SETEMBRO – FA7

FORTALEZA – UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ – UFC

SOBRAL – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO VALE DO ACARAÚ – UVA

DISTRITO FEDERAL

BRASÍLIA – CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BRASÍLIA – UNICEUB

BRASÍLIA – CENTRO UNIVERSITÁRIO DO DISTRITO FEDERAL – UDF

BRASÍLIA – FACULDADE PROCESSUS – PFD – CAMPUS I

BRASÍLIA – UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA – UNB

ESPÍRITO SANTO

VILA VELHA – UNIVERSIDADE VILA VELHA – UVV

VITÓRIA – FACULDADES INTEGRADAS DE VITÓRIA – FDV

VITÓRIA – FACULDADES INTEGRADAS ESPÍRITO SANTENSES – FAESA I

VITÓRIA – UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO – UFES

GOIÁS

GOIÂNIA – UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS – UFG

GOIÁS – UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS – UFG

MARANHÃO

IMPERATRIZ – UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO – UFMA

SÃO LUÍS – UNIDADE DE ENSINO SUPERIOR DOM BOSCO – UNDB

SÃO LUÍS – UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO – UFMA

MATO GROSSO

CÁCERES – UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO – UNEMAT

CUIABÁ – UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO – UFMT

MATO GROSSO DO SUL

CAMPO GRANDE – UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO DO SUL – UFMS

DOURADOS – FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS – UFGD – FADIR

DOURADOS – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL – UEMS

NAVIRAÍ – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL – UEMS

MINAS GERAIS

BELO HORIZONTE – CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA – NEWTON PAIVA

BELO HORIZONTE – ESCOLA SUPERIOR DOM HELDER CÂMARA – ESDHC

BELO HORIZONTE – PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS – PUC- MINAS – UNIDADE PRAÇA DA LIBERDADE

BELO HORIZONTE – PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS – PUC MINAS – CAMPUS CORAÇÃO EUCARÍSTICO

BELO HORIZONTE – UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS – UFMG – CAMPUS DIREITO

BELO HORIZONTE – UNIVERSIDADE FUMEC – FUMEC

FRUTAL – UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS – UEMG

JUIZ DE FORA – FACULDADE METODISTA GRANBERY – FMG

JUIZ DE FORA – FACULDADES INTEGRADAS VIANNA JÚNIOR – FIVJ

JUIZ DE FORA – UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA – UFJF

LAVRAS – CENTRO UNIVERSITÁRIO DE LAVRAS – UNILAVRAS

MONTES CLAROS – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MONTES CLAROS – UNIMONTES

NOVA LIMA – FACULDADE DE DIREITO MILTON CAMPOS – FDMC

OURO PRETO – UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO – UFOP

PATOS DE MINAS – CENTRO UNIVERSITÁRIO DE PATOS DE MINAS – UNIPAM

PADRE LEOPOLDO – FACULDADE DE DIREITO DE PEDRO LEOPOLDO – FADIPEL

PONTE NOVA – FACULDADE DINÂMICA DO VALE DO PIRANGA – FADIP

UBERLÂNDIA – ESCOLA SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO, MARKETING E COMUNICAÇÃO DE UBERLÂNDIA – ESAMC DE UBERLÂNDIA

UBERLÂNDIA – UNIVERSIDADE DE UBERABA – UNIUBE – CAMPUS DIREITO/ADMINISTRAÇÃO

UBERLÂNDIA – UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA – UFU

VIÇOSA – FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA – UFV

PARÁ

BELÉM – CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ – CESUPA

BELÉM – UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ – UFPA

MARABÁ – UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ – UFPA

SANTARÉM – UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ – UFOPA

PARAÍBA

CAMPINA GRANDE – UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA – UEPB

JOÃO PESSOA – UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA – UFPB

JOÃO PESSOA – UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA – UFPB – CAMPUS I – JOÃO PESSOA

SOUSA – UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE – UFCG

PARANÁ

ARAPONGAS – UNIVERSIDADE NORTE DO PARANÁ – UNOPAR

CASCAVEL – FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DE CASCAVEL – UNIVEL

CURITIBA – CENTRO UNIVERSITÁRIO CURITIBA – UNICURITIBA

CURITIBA – CENTRO UNIVERSITÁRIO FRANCISCANO DO PARANÁ – FAE

CURITIBA – PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO PARANÁ – PUCPR

CURITIBA – UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ – UFPR

CURITIBA – UNIVERSIDADE POSITIVO – UP

JACAREZINHO – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO NORTE DO PARANÁ – UENP

LONDRINA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA – UEL

MARECHAL CÂNDIDO RONDON – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ – UNIOESTE

MARINGÁ – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ – UEM

PONTA GROSSA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA – UEPG

PERNAMBUCO

RECIFE – FACULDADE DAMAS DA INSTRUÇÃO CRISTÃ – FADIC

RECIFE – UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PERNAMBUCO – UNICAP

RECIFE – UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO – UFPE

PIAUÍ

TERESINA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ – UESPI

TERESINA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ – UESPI – CAMPUS CLÓVIS MOURA

TERESINA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ – UESPI – CAMPUS POETA TORQUATO NETO

TERESINA – UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ – UFPI

TERESINA – INSTITUTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS PROFESSOR CAMILLO FILHO

RIO DE JANEIRO

MACAÉ – UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE – UFF

NITERÓI – UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE – UFF

RIO DE JANEIRO – ESCOLA DE DIREITO DO RIO DE JANEIRO – FGV

RIO DE JANEIRO – FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS IBMEC – IBMEC – RIO DE JANEIRO

RIO DE JANEIRO – PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO – PUC-RIO

RIO DE JANEIRO – UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO – UERJ

RIO DE JANEIRO – UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO – UNIRIO

RIO DE JANEIRO – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO – UFRJ

RIO GRANDE DO NORTE

CAICÓ – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE – UFRN

MOSSORÓ – UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE – UERN

NATAL – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE – UFRN

RIO GRANDE DO SUL

BAGÉ – UNIVERSIDADE DA REGIÃO DA CAMPANHA – URCAMP

PASSO FUNDO – UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO – UPF

PELOTAS – UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS – UFPEL

PORTO ALEGRE – ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO – ESMP/FMP

PORTO ALEGRE – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL – UFRGS

RIO GRANDE – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE – FURG

SANTA CRUZ DO SUL – FACULDADE DOM ALBERTO – FDA

SANTA MARIA – UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA – UFSM

RONDÔNIA

CACOAL – FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA – UNIR

PORTO VELHO – FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA – UNIR

SANTA CATARINA

BLUMENAU – UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU – FURB

FLORIANÓPOLIS – COMPLEXO DE ENSINO SUPERIOR DO ESTADO DE SANTA CATARINA – CESUSC

FLORIANÓPOLIS – UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA – UFSC

JOINVILLE – UNIVERSIDADE DA REGIÃO DE JOINVILLE – UNIVILLE

ORLEANS – CENTRO UNIVERSITÁRIO BARRIGA VERDE – UNIBAVE

TUBARÃO – UNIVERSIDADE DO SUL DE SANTA CATARINA – UNISUL

XANXERÊ – UNIVERSIDADE DO OESTE DE SANTA CATARINA – UNOESC

SÃO PAULO

CAMPINAS – FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS – FACAMP

CAMPINAS – PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE CAMPINAS – PUC-CAMPINAS

CAMPINAS – UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE – MACKENZIE

FRANCA – FACULDADE DE DIREITO DE FRANCA – FDF

FRANCA – UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO – UNESP

PRESIDENTE PRUDENTE – CENTRO UNIVERSITÁRIO ANTÔNIO EUFRÁSIO DE TOLEDO DE PRESIDENTE PRUDENTE – FIAETPP

RIBEIRÃO PRETO – CENTRO UNIVERSITÁRIO UNISEB

RIBEIRÃO PRETO – UNIVERSIDADE DE RIBEIRÃO PRETO – UNAERP

RIBEIRÃO PRETO – UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO – USP

SANTOS – ESCOLA SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO, MARKETING E COMUNICAÇÃO DE SANTOS – ESAMC S

SANTOS – UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS – UNISANTOS

SÃO BERNARDO DO CAMPO – FACULDADE DE DIREITO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO – FDSBC

SÃO PAULO – ESCOLA DE DIREITO DE SÃO PAULO – DIREITO GV

SÃO PAULO – FACULDADE DE DIREITO PROFESSOR DAMÁSIO DE JESUS – FDDJ

SÃO PAULO – PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA – PUC

SÃO PAULO – UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO – USP

SÃO PAULO – UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE – MACKENZIE

SÃO PAULO – UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU – USJT – UNIDADE BUTANTÃ

SÃO PAULO – UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU – USJT – UNIDADE MOOCA

SERGIPE

SÃO CRISTÓVÃO – UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE – UFS

TOCANTINS

PALMAS – FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS – UF

Publicidade

Dê sua opinião

Somente 6 dos 17 cursos de Direito do Ceará são certificados pela OAB

O diretor-executivo da Escola de Advocacia da OAB, Marcell Feitosa, critica o crescimento desenfreado do número de faculdades de Direito

Por Roberta Tavares em Educação

29 de janeiro de 2016 às 06:00

Há 3 anos
Curso de Direito da UFC recebeu selo de qualidade da OAB (FOTO: Divulgação)

Curso de Direito da UFC recebeu selo de qualidade da OAB (FOTO: Divulgação)

O ensino jurídico do Ceará merece atenção. Apenas seis cursos de Direito do estado foram certificados com selo de qualidade da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

O selo “OAB Recomenda” é entregue a cada três anos pela OAB Nacional e leva em conta a aprovação de alunos no Exame de Ordem e o desempenho no Enade (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes).

No Ceará, receberam o selo somente a Universidade Regional do Cariri (Urca), o Centro Universitário Christus, a Faculdade Farias Brito, a Faculdade Sete de Setembro (FA7), a Universidade Federal do Ceará (UFC) e a Universidade Estadual do Vale do Acaraú (UVA).

Os critérios para concessão do selo de qualidade são objetivos: ter ao menos 20 alunos participantes de três edições do Exame de Ordem Unificado, com peso 4 na avaliação, e também do Enade, com peso 1. As faculdades com nota acima de 7, em escala de 0 a 10, recebem o selo.

Para o diretor-executivo da Escola Superior de Advocacia do Estado do Ceará da OAB, Marcell Feitosa, o problema é nacional. “No Brasil, temos 1.200 entidades de ensino jurídico. É um número bastante elevado se compararmos aos outros países. Os Estados Unidos, por exemplo, têm 232 faculdades. O Brasil sozinho tem mais cursos de Direito que todo o resto do mundo junto. Já o Ceará possui, pelo menos, 17 instituições de ensino jurídico”, indica.

O crescimento desenfreado do número de cursos de Direito acaba prejudicando a qualidade do ensino no estado. “A gente precisa ter cuidado com essa proliferação. Temos um número elevado de estudantes, mas é preciso ter qualidade, preocupação com a grade curricular e remuneração para os professores, isso afeta diretamente no ensino”.

Carência

Segundo o diretor-executivo, a maior carência percebida no mercado de trabalho é de profissionais com prática jurídica. “Muitos estudantes não reconhecem a necessidade de fazer um estágio, ter uma experiência maior, e entram no mercado de trabalho muito ‘crus”.

Na tentativa de minimizar os problemas encontrados nos advogados recém-formados, a OAB disponibiliza cursos na Escola Superior de Advocacia do Estado do Ceará (ESA) desde 1988. “É algo eminentemente prático. A gente foge um pouco da teoria e foca na prática”.

São ofertados mais de 300 cursos por ano, presenciais e à distância, de inglês, informática, oratória, pós-graduação e até discussões de casos. Há aulas de curta e longa duração, todas com foco na atualização juridical. “É um braço educacional da OAB. Eles são ofertados para estudantes, advogados e público em geral. Para participar, não é necessário nenhum pagamento de anuidade, mas há cursos gratuitos e outros pagos”, explica.

Brasil

A OAB Nacional entregou o selo de qualidade em janeiro a 139 faculdades e cursos de direito de todo o Brasil. O presidente nacional da OAB, Marcus Vinicius Furtado, afirmou que o selo não vai contra as faculdades que não o recebem, sendo um estímulo para que todas um dia possam recebê-lo.

“Não agrada à OAB ter apenas 139 cursos merecedores. Queremos que mais cursos possam chegar a esse padrão”, disse, relembrando o pacto firmado entre a instituição e o Ministério da Educação para o congelamento da criação de cursos e novas vagas em direito de faculdades que não possuem qualidade, assim como a criação de um novo marco regulatório para a área, que deve ser aprovado em breve.

“O Brasil sozinho tem mais cursos de Direito que todo o resto do mundo. Já o Ceará possui, pelo menos, 17 instituições de ensino jurídico” (Marcell Feitosa)

Ricardo Lewandowski, presidente do STF, abordou em seu discurso a importância de boas faculdades formarem bacharéis em Direito com formação ampla e multicultural, focada em diversas áreas do conhecimento. Esta formação, segundo o magistrado, permitirá um avanço em políticas que serão essenciais no futuro do país: diminuir a litigiosidade, com métodos alternativos de resolução de conflitos, como mediação, conciliação e arbitragem, e as audiências de custódia, que têm diminuído o número de presos provisórios no Brasil.

“É preciso, neste momento histórico, que nós, operadores do direito, tenhamos uma visão crítica e alternativa de nossa prática. Estas 139 faculdades de direito certamente têm visão plural do fenômeno jurídico e estão preparadas para se utilizar dos métodos alternativos, contribuindo para a pacificação do país e a preservação do Estado de Direito, patrimônio inalienável de todos os cidadãos”, concluiu.

Veja abaixo a lista das 139 faculdades e cursos de direito agraciados com o selo de qualidade OAB Recomenda:

ACRE

RIO BRANCO – UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE – UFAC

ALAGOAS

MACEIÓ – UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS – UFAL

AMAPÁ

MACAPÁ – UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ – UNIFAP

AMAZONAS

MANAUS – UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS – UEA

MANAUS – UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS – UFAM

BAHIA

CAMAÇARI – UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA – UNEB

FEIRA DE SANTANA – FACULDADE NOBRE DE FEIRA DE SANTANA – FAN

FEIRA DE SANTANA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA – UEFS

ILHÉUS – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ – UESC

JUAZEIRO – UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA – UNEB

SALVADOR – FACULDADE BAIANA DE DIREITO E GESTÃO

SALVADOR – UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA – UNEB

SALVADOR – UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA – UFBA

SALVADOR – UNIVERSIDADE SALVADOR – UNIFACS – CAMPUS IGUATEMI

VALENÇA – UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA – UNEB

VITÓRIA DA CONQUISTA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA – UESB

CEARÁ

CRATO – UNIVERSIDADE REGIONAL DO CARIRI – URCA

FORTALEZA – CENTRO UNIVERSITÁRIO CHRISTUS

FORTALEZA – FACULDADE FARIAS BRITO – FFB

FORTALEZA – FACULDADE SETE DE SETEMBRO – FA7

FORTALEZA – UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ – UFC

SOBRAL – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO VALE DO ACARAÚ – UVA

DISTRITO FEDERAL

BRASÍLIA – CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BRASÍLIA – UNICEUB

BRASÍLIA – CENTRO UNIVERSITÁRIO DO DISTRITO FEDERAL – UDF

BRASÍLIA – FACULDADE PROCESSUS – PFD – CAMPUS I

BRASÍLIA – UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA – UNB

ESPÍRITO SANTO

VILA VELHA – UNIVERSIDADE VILA VELHA – UVV

VITÓRIA – FACULDADES INTEGRADAS DE VITÓRIA – FDV

VITÓRIA – FACULDADES INTEGRADAS ESPÍRITO SANTENSES – FAESA I

VITÓRIA – UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO – UFES

GOIÁS

GOIÂNIA – UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS – UFG

GOIÁS – UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS – UFG

MARANHÃO

IMPERATRIZ – UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO – UFMA

SÃO LUÍS – UNIDADE DE ENSINO SUPERIOR DOM BOSCO – UNDB

SÃO LUÍS – UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO – UFMA

MATO GROSSO

CÁCERES – UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO – UNEMAT

CUIABÁ – UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO – UFMT

MATO GROSSO DO SUL

CAMPO GRANDE – UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO DO SUL – UFMS

DOURADOS – FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS – UFGD – FADIR

DOURADOS – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL – UEMS

NAVIRAÍ – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL – UEMS

MINAS GERAIS

BELO HORIZONTE – CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA – NEWTON PAIVA

BELO HORIZONTE – ESCOLA SUPERIOR DOM HELDER CÂMARA – ESDHC

BELO HORIZONTE – PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS – PUC- MINAS – UNIDADE PRAÇA DA LIBERDADE

BELO HORIZONTE – PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS – PUC MINAS – CAMPUS CORAÇÃO EUCARÍSTICO

BELO HORIZONTE – UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS – UFMG – CAMPUS DIREITO

BELO HORIZONTE – UNIVERSIDADE FUMEC – FUMEC

FRUTAL – UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS – UEMG

JUIZ DE FORA – FACULDADE METODISTA GRANBERY – FMG

JUIZ DE FORA – FACULDADES INTEGRADAS VIANNA JÚNIOR – FIVJ

JUIZ DE FORA – UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA – UFJF

LAVRAS – CENTRO UNIVERSITÁRIO DE LAVRAS – UNILAVRAS

MONTES CLAROS – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MONTES CLAROS – UNIMONTES

NOVA LIMA – FACULDADE DE DIREITO MILTON CAMPOS – FDMC

OURO PRETO – UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO – UFOP

PATOS DE MINAS – CENTRO UNIVERSITÁRIO DE PATOS DE MINAS – UNIPAM

PADRE LEOPOLDO – FACULDADE DE DIREITO DE PEDRO LEOPOLDO – FADIPEL

PONTE NOVA – FACULDADE DINÂMICA DO VALE DO PIRANGA – FADIP

UBERLÂNDIA – ESCOLA SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO, MARKETING E COMUNICAÇÃO DE UBERLÂNDIA – ESAMC DE UBERLÂNDIA

UBERLÂNDIA – UNIVERSIDADE DE UBERABA – UNIUBE – CAMPUS DIREITO/ADMINISTRAÇÃO

UBERLÂNDIA – UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA – UFU

VIÇOSA – FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA – UFV

PARÁ

BELÉM – CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ – CESUPA

BELÉM – UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ – UFPA

MARABÁ – UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ – UFPA

SANTARÉM – UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ – UFOPA

PARAÍBA

CAMPINA GRANDE – UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA – UEPB

JOÃO PESSOA – UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA – UFPB

JOÃO PESSOA – UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA – UFPB – CAMPUS I – JOÃO PESSOA

SOUSA – UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE – UFCG

PARANÁ

ARAPONGAS – UNIVERSIDADE NORTE DO PARANÁ – UNOPAR

CASCAVEL – FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DE CASCAVEL – UNIVEL

CURITIBA – CENTRO UNIVERSITÁRIO CURITIBA – UNICURITIBA

CURITIBA – CENTRO UNIVERSITÁRIO FRANCISCANO DO PARANÁ – FAE

CURITIBA – PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO PARANÁ – PUCPR

CURITIBA – UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ – UFPR

CURITIBA – UNIVERSIDADE POSITIVO – UP

JACAREZINHO – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO NORTE DO PARANÁ – UENP

LONDRINA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA – UEL

MARECHAL CÂNDIDO RONDON – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ – UNIOESTE

MARINGÁ – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ – UEM

PONTA GROSSA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA – UEPG

PERNAMBUCO

RECIFE – FACULDADE DAMAS DA INSTRUÇÃO CRISTÃ – FADIC

RECIFE – UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PERNAMBUCO – UNICAP

RECIFE – UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO – UFPE

PIAUÍ

TERESINA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ – UESPI

TERESINA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ – UESPI – CAMPUS CLÓVIS MOURA

TERESINA – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ – UESPI – CAMPUS POETA TORQUATO NETO

TERESINA – UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ – UFPI

TERESINA – INSTITUTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS PROFESSOR CAMILLO FILHO

RIO DE JANEIRO

MACAÉ – UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE – UFF

NITERÓI – UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE – UFF

RIO DE JANEIRO – ESCOLA DE DIREITO DO RIO DE JANEIRO – FGV

RIO DE JANEIRO – FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS IBMEC – IBMEC – RIO DE JANEIRO

RIO DE JANEIRO – PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO – PUC-RIO

RIO DE JANEIRO – UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO – UERJ

RIO DE JANEIRO – UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO – UNIRIO

RIO DE JANEIRO – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO – UFRJ

RIO GRANDE DO NORTE

CAICÓ – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE – UFRN

MOSSORÓ – UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE – UERN

NATAL – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE – UFRN

RIO GRANDE DO SUL

BAGÉ – UNIVERSIDADE DA REGIÃO DA CAMPANHA – URCAMP

PASSO FUNDO – UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO – UPF

PELOTAS – UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS – UFPEL

PORTO ALEGRE – ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO – ESMP/FMP

PORTO ALEGRE – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL – UFRGS

RIO GRANDE – UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE – FURG

SANTA CRUZ DO SUL – FACULDADE DOM ALBERTO – FDA

SANTA MARIA – UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA – UFSM

RONDÔNIA

CACOAL – FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA – UNIR

PORTO VELHO – FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA – UNIR

SANTA CATARINA

BLUMENAU – UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU – FURB

FLORIANÓPOLIS – COMPLEXO DE ENSINO SUPERIOR DO ESTADO DE SANTA CATARINA – CESUSC

FLORIANÓPOLIS – UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA – UFSC

JOINVILLE – UNIVERSIDADE DA REGIÃO DE JOINVILLE – UNIVILLE

ORLEANS – CENTRO UNIVERSITÁRIO BARRIGA VERDE – UNIBAVE

TUBARÃO – UNIVERSIDADE DO SUL DE SANTA CATARINA – UNISUL

XANXERÊ – UNIVERSIDADE DO OESTE DE SANTA CATARINA – UNOESC

SÃO PAULO

CAMPINAS – FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS – FACAMP

CAMPINAS – PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE CAMPINAS – PUC-CAMPINAS

CAMPINAS – UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE – MACKENZIE

FRANCA – FACULDADE DE DIREITO DE FRANCA – FDF

FRANCA – UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO – UNESP

PRESIDENTE PRUDENTE – CENTRO UNIVERSITÁRIO ANTÔNIO EUFRÁSIO DE TOLEDO DE PRESIDENTE PRUDENTE – FIAETPP

RIBEIRÃO PRETO – CENTRO UNIVERSITÁRIO UNISEB

RIBEIRÃO PRETO – UNIVERSIDADE DE RIBEIRÃO PRETO – UNAERP

RIBEIRÃO PRETO – UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO – USP

SANTOS – ESCOLA SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO, MARKETING E COMUNICAÇÃO DE SANTOS – ESAMC S

SANTOS – UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS – UNISANTOS

SÃO BERNARDO DO CAMPO – FACULDADE DE DIREITO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO – FDSBC

SÃO PAULO – ESCOLA DE DIREITO DE SÃO PAULO – DIREITO GV

SÃO PAULO – FACULDADE DE DIREITO PROFESSOR DAMÁSIO DE JESUS – FDDJ

SÃO PAULO – PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA – PUC

SÃO PAULO – UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO – USP

SÃO PAULO – UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE – MACKENZIE

SÃO PAULO – UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU – USJT – UNIDADE BUTANTÃ

SÃO PAULO – UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU – USJT – UNIDADE MOOCA

SERGIPE

SÃO CRISTÓVÃO – UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE – UFS

TOCANTINS

PALMAS – FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS – UF