Nova espécie de planta é descoberta no Campus do Pici e recebe nome de professor

ESPÉCIE SAZONAL

Nova espécie de planta é descoberta no Campus do Pici e recebe nome de professor

A espécie, que é sazonal e desaparece nas secas, pertence à família das solanáceas, a mesma da batata e do tomate, e pode chegar a 30 centímetros de altura

Por Tribuna do Ceará em Educação

3 de outubro de 2017 às 06:45

Há 2 meses
A nova espécie de planta recebeu o nome de Solanum fernandesii, em homenagem ao botânico cearense Afrânio Fernandes (FOTO: Jr. Panela/UFC)

A nova espécie de planta recebeu o nome de Solanum fernandesii (FOTO: Jr. Panela/UFC)

Quem caminha pelo campus do Pici Professor Brisco Bezerra, da Universidade Federal do Ceará (UFC), sabe: além da vasta extensão, a área também abriga uma flora de grande variedade.

Foi justamente lá onde pesquisadores encontraram uma nova espécie de planta: a Solanum fernandesii. O achado aconteceu por acaso. O pesquisador Ricardo Moura, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, estava passeando pelo campus, quando percebeu um exemplar diferente da família solanáceas. Coletou e levou para a análise.

O nome da nova espécie “Solanum fernandesii” é uma homenagem ao botânico cearense Afrânio Fernandes, também professor da UFC. 

A espécie, que é sazonal e desaparece nas secas, pertence à família das solanáceas, a mesma da batata e do tomate, e pode chegar a 30 centímetros de altura. Após ser estudada no Ceará, a planta também foi encontrada nos estados de Alagoas e Bahia.

“A tendência, com esses estudos, é que a gente venha ampliar os conhecimentos sobre a flora e sobre a distribuição dessas espécies”, conclui a professora do Centro de Ciências da UFC, Iracema Loiola.

Com informações da Agência UFC

Publicidade

Dê sua opinião

ESPÉCIE SAZONAL

Nova espécie de planta é descoberta no Campus do Pici e recebe nome de professor

A espécie, que é sazonal e desaparece nas secas, pertence à família das solanáceas, a mesma da batata e do tomate, e pode chegar a 30 centímetros de altura

Por Tribuna do Ceará em Educação

3 de outubro de 2017 às 06:45

Há 2 meses
A nova espécie de planta recebeu o nome de Solanum fernandesii, em homenagem ao botânico cearense Afrânio Fernandes (FOTO: Jr. Panela/UFC)

A nova espécie de planta recebeu o nome de Solanum fernandesii (FOTO: Jr. Panela/UFC)

Quem caminha pelo campus do Pici Professor Brisco Bezerra, da Universidade Federal do Ceará (UFC), sabe: além da vasta extensão, a área também abriga uma flora de grande variedade.

Foi justamente lá onde pesquisadores encontraram uma nova espécie de planta: a Solanum fernandesii. O achado aconteceu por acaso. O pesquisador Ricardo Moura, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, estava passeando pelo campus, quando percebeu um exemplar diferente da família solanáceas. Coletou e levou para a análise.

O nome da nova espécie “Solanum fernandesii” é uma homenagem ao botânico cearense Afrânio Fernandes, também professor da UFC. 

A espécie, que é sazonal e desaparece nas secas, pertence à família das solanáceas, a mesma da batata e do tomate, e pode chegar a 30 centímetros de altura. Após ser estudada no Ceará, a planta também foi encontrada nos estados de Alagoas e Bahia.

“A tendência, com esses estudos, é que a gente venha ampliar os conhecimentos sobre a flora e sobre a distribuição dessas espécies”, conclui a professora do Centro de Ciências da UFC, Iracema Loiola.

Com informações da Agência UFC