Prefeitura vai retirar pessoas em situação de rua da Praça do Ferreira antes Natal

REALOCAÇÃO

Prefeitura vai retirar pessoas em situação de rua da Praça do Ferreira antes do Natal

A Praça do Ferreira, local onde é realizado o evento Natal de Luz, será lavada ainda nesta semana, e o retorno das pessoas em situação de rua será proibido

Por TV Jangadeiro em Cotidiano

19 de novembro de 2018 às 13:45

Há 3 semanas
moradores de rua

Moradores de rua devem ser retirados do local pela Prefeitura de Fortaleza. (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

As pessoas em situação de rua que vivem pela Praça do Ferreira, no Centro de Fortaleza, vão ser retiradas nos próximos dias pela Prefeitura. Uma lavagem no local deve ser realizada ainda nesta semana, e o retorno não será permitido. A decisão foi tomada após meses de reuniões entre lojistas e a administração do município. De acordo com estudo iniciado em 2017, 247 pessoas vivem no espaço.

“Como todo ano, eles estão carentes. Vai chegando mais, a tendência é aumentar. Tem que pensar onde vão colocar eles, o que vão comer, que são seres humanos como a gente”, comentou o vendedor David Ferreira, em entrevista à TV Jangadeiro/SBT.

Os bancos do local são ocupados por pessoas que passaram a noite ao relento. Dessa forma, a prefeitura vai iniciar a transferência das pessoas em situação de rua que estão na Praça do Ferreira, onde tradicionalmente é realizado o evento Natal de Luz. Para evitar que haja uma reocupação do espaço, uma delegacia móvel vai ser instalada no local.

“A Prefeitura tem que cuidar disso. Esse povo não tem como ficar aqui. É uma vergonha para o turismo brasileiro do jeito que a Praça do Ferreira está. Amanhece com odor de urina, fezes… Para quem vem de fora, é muito feio. Tem que definir um local e colocar essas pessoas”, disse o vigilante Marcos Queiroz.

O primeiro censo e pesquisa municipal sobre população de rua, realizado entre 2014 e 2015, indicou 1.718 pessoas morando nas ruas em Fortaleza. A maior concentração é no Centro e na avenida Beira-Mar. Um novo estudo foi iniciado em 2017. O levantamento inicial aponta 247 homens e mulheres em situação de rua apenas Praça do Ferreira.

Francisco é um deles e está apreensivo. “Fico preocupado porque não tenho canto para ir. Se a Prefeitura tirar, onde é que nós vamos ficar? A gente fica preocupado. Tem que pensar numa alternativa, arrumar pelo menos um lugar pra colocar essas pessoas. É muita gente que não tem casa pra morar. Se a gente tivesse um lugar para ficar, a gente não estaria aqui. A gente fica no sol, na chuva, tem dia que nem come porque não aparece comida”, disse Francisco Alves, de 49 anos.

Para a produção do Jornal Jangadeiro, a assessoria de imprensa da Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Prefeitura de Fortaleza confirmou que parte dos moradores já estão com aluguel social e pousada social.

Publicidade

Dê sua opinião

REALOCAÇÃO

Prefeitura vai retirar pessoas em situação de rua da Praça do Ferreira antes do Natal

A Praça do Ferreira, local onde é realizado o evento Natal de Luz, será lavada ainda nesta semana, e o retorno das pessoas em situação de rua será proibido

Por TV Jangadeiro em Cotidiano

19 de novembro de 2018 às 13:45

Há 3 semanas
moradores de rua

Moradores de rua devem ser retirados do local pela Prefeitura de Fortaleza. (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

As pessoas em situação de rua que vivem pela Praça do Ferreira, no Centro de Fortaleza, vão ser retiradas nos próximos dias pela Prefeitura. Uma lavagem no local deve ser realizada ainda nesta semana, e o retorno não será permitido. A decisão foi tomada após meses de reuniões entre lojistas e a administração do município. De acordo com estudo iniciado em 2017, 247 pessoas vivem no espaço.

“Como todo ano, eles estão carentes. Vai chegando mais, a tendência é aumentar. Tem que pensar onde vão colocar eles, o que vão comer, que são seres humanos como a gente”, comentou o vendedor David Ferreira, em entrevista à TV Jangadeiro/SBT.

Os bancos do local são ocupados por pessoas que passaram a noite ao relento. Dessa forma, a prefeitura vai iniciar a transferência das pessoas em situação de rua que estão na Praça do Ferreira, onde tradicionalmente é realizado o evento Natal de Luz. Para evitar que haja uma reocupação do espaço, uma delegacia móvel vai ser instalada no local.

“A Prefeitura tem que cuidar disso. Esse povo não tem como ficar aqui. É uma vergonha para o turismo brasileiro do jeito que a Praça do Ferreira está. Amanhece com odor de urina, fezes… Para quem vem de fora, é muito feio. Tem que definir um local e colocar essas pessoas”, disse o vigilante Marcos Queiroz.

O primeiro censo e pesquisa municipal sobre população de rua, realizado entre 2014 e 2015, indicou 1.718 pessoas morando nas ruas em Fortaleza. A maior concentração é no Centro e na avenida Beira-Mar. Um novo estudo foi iniciado em 2017. O levantamento inicial aponta 247 homens e mulheres em situação de rua apenas Praça do Ferreira.

Francisco é um deles e está apreensivo. “Fico preocupado porque não tenho canto para ir. Se a Prefeitura tirar, onde é que nós vamos ficar? A gente fica preocupado. Tem que pensar numa alternativa, arrumar pelo menos um lugar pra colocar essas pessoas. É muita gente que não tem casa pra morar. Se a gente tivesse um lugar para ficar, a gente não estaria aqui. A gente fica no sol, na chuva, tem dia que nem come porque não aparece comida”, disse Francisco Alves, de 49 anos.

Para a produção do Jornal Jangadeiro, a assessoria de imprensa da Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Prefeitura de Fortaleza confirmou que parte dos moradores já estão com aluguel social e pousada social.