Evitar freadas bruscas e janelas muito abertas pode ajudar a economizar combustível

OLHO NO BOLSO!

Evitar freadas bruscas e janelas muito abertas pode ajudar a economizar combustível

Algumas dicas podem ser fundamentais para evitar o consumo excessivo de combustível e economizar alguns trocados no fim do mês

Por Tribuna do Ceará em Cotidiano

11 de julho de 2018 às 07:00

Há 1 semana
A plataforma ajuda os motoristas (FOTO: Freepik)

A plataforma ajuda os motoristas (FOTO: Freepik)

Com o aumento do preço dos combustíveis, está difícil para muitos brasileiros manter a rotina de um automóvel. Foi pensando nisso que a plataforma Menu do Carro, que conecta motoristas a negócios locais, separou algumas dicas para economizar no combustível.

Dirigir sem aceleração ou freadas bruscas, evitar janelas muito abertas e calibrar os pneus podem ser bons aliados na economia.

1. Faça a manutenção periodicamente: além da manutenção que você mesmo pode realizar, não esqueça de levar o automóvel para as revisões preventivas, que são aquelas que o mecânico avalia se está na hora ou não de trocar alguma peça. O profissional deve verificar também o alinhamento e balanceamento do veículo, que – caso esteja fora – acaba gastando mais combustível.

2. Tente diminuir no peso: quando o carro fica pesado, consequentemente, fica mais perto do solo e isso amplia no atrito e requer mais energia para a movimentação. Sendo assim, evite carregar muitos objetos em seu porta malas ou dentro do carro mesmo, e – principalmente – nunca deve carregar mais do que o recomendado no manual do seu veículo.

3. Dirija com mais cuidado: digamos que mais como um profissional, não dando freadas e nem aceleradas bruscas, pois isso gera muito consumo de combustível. Sendo assim se antecipe no trânsito, sempre que estiver rodando na cidade ou na estrada, mantenha uma boa distância do veículo a sua frente, pois permitirá frear e parar com mais suavidade. Lembre-se também de que existe o momento certo de trocar a marcha – tente respeitar esse momento.

4. Calibre os pneus adequadamente: tanto para estrada quando para cidade, saiba a média certa do seu veículo. O ajuste inadequado ou pneus murchos podem ampliar a aderência do carro ao solo, desprendendo mais energia para gerar movimento, o que resulta no aumento do consumo de combustível.

5. Preste atenção nas janelas: só um pouquinho da janela aberta pode comprometer a aerodinâmica do seu veículo, o que – por sua vez – gera mais consumo de combustível. Você não sabia? É isso mesmo! E existe uma explicação lógica. O vidro aberto faz com que, o ar externo, entre em seu carro e isso acaba gerando mais atrito. Como falamos lá em cima, quanto maior o atrito, maior será a energia necessária para manter o veículo em movimento, e – consequentemente – precisará de mais combustível.

6. Modere no ar condicionado: é, sabemos que já comentamos que não é indicado abrir a janela por gerar mais atrito, mas – se quer economizar no combustível – modere no ar também. O que acontece é que quando o ar-condicionado está ligado gera um aumento de 20% no consumo de combustível no automóvel. Não estamos dizendo aqui para não usar o ar do seu automóvel, é só para tentar moderar.

E por último, mas não menos importante, utilize o combustível adequado para seu veículo. Tenha sempre um posto de confiança, pois existem muitos administradores de postos de gasolina que, para terem um lucro maior, misturam o componente principal com água, querosene, etanol, entre outros produtos relativamente mais baratos. Mas essa mistura gera um combustível de péssima qualidade, que acaba sendo pouquíssimo econômico e gera inúmeros problemas ao seu veículo.

Publicidade

Dê sua opinião

OLHO NO BOLSO!

Evitar freadas bruscas e janelas muito abertas pode ajudar a economizar combustível

Algumas dicas podem ser fundamentais para evitar o consumo excessivo de combustível e economizar alguns trocados no fim do mês

Por Tribuna do Ceará em Cotidiano

11 de julho de 2018 às 07:00

Há 1 semana
A plataforma ajuda os motoristas (FOTO: Freepik)

A plataforma ajuda os motoristas (FOTO: Freepik)

Com o aumento do preço dos combustíveis, está difícil para muitos brasileiros manter a rotina de um automóvel. Foi pensando nisso que a plataforma Menu do Carro, que conecta motoristas a negócios locais, separou algumas dicas para economizar no combustível.

Dirigir sem aceleração ou freadas bruscas, evitar janelas muito abertas e calibrar os pneus podem ser bons aliados na economia.

1. Faça a manutenção periodicamente: além da manutenção que você mesmo pode realizar, não esqueça de levar o automóvel para as revisões preventivas, que são aquelas que o mecânico avalia se está na hora ou não de trocar alguma peça. O profissional deve verificar também o alinhamento e balanceamento do veículo, que – caso esteja fora – acaba gastando mais combustível.

2. Tente diminuir no peso: quando o carro fica pesado, consequentemente, fica mais perto do solo e isso amplia no atrito e requer mais energia para a movimentação. Sendo assim, evite carregar muitos objetos em seu porta malas ou dentro do carro mesmo, e – principalmente – nunca deve carregar mais do que o recomendado no manual do seu veículo.

3. Dirija com mais cuidado: digamos que mais como um profissional, não dando freadas e nem aceleradas bruscas, pois isso gera muito consumo de combustível. Sendo assim se antecipe no trânsito, sempre que estiver rodando na cidade ou na estrada, mantenha uma boa distância do veículo a sua frente, pois permitirá frear e parar com mais suavidade. Lembre-se também de que existe o momento certo de trocar a marcha – tente respeitar esse momento.

4. Calibre os pneus adequadamente: tanto para estrada quando para cidade, saiba a média certa do seu veículo. O ajuste inadequado ou pneus murchos podem ampliar a aderência do carro ao solo, desprendendo mais energia para gerar movimento, o que resulta no aumento do consumo de combustível.

5. Preste atenção nas janelas: só um pouquinho da janela aberta pode comprometer a aerodinâmica do seu veículo, o que – por sua vez – gera mais consumo de combustível. Você não sabia? É isso mesmo! E existe uma explicação lógica. O vidro aberto faz com que, o ar externo, entre em seu carro e isso acaba gerando mais atrito. Como falamos lá em cima, quanto maior o atrito, maior será a energia necessária para manter o veículo em movimento, e – consequentemente – precisará de mais combustível.

6. Modere no ar condicionado: é, sabemos que já comentamos que não é indicado abrir a janela por gerar mais atrito, mas – se quer economizar no combustível – modere no ar também. O que acontece é que quando o ar-condicionado está ligado gera um aumento de 20% no consumo de combustível no automóvel. Não estamos dizendo aqui para não usar o ar do seu automóvel, é só para tentar moderar.

E por último, mas não menos importante, utilize o combustível adequado para seu veículo. Tenha sempre um posto de confiança, pois existem muitos administradores de postos de gasolina que, para terem um lucro maior, misturam o componente principal com água, querosene, etanol, entre outros produtos relativamente mais baratos. Mas essa mistura gera um combustível de péssima qualidade, que acaba sendo pouquíssimo econômico e gera inúmeros problemas ao seu veículo.