Em meio a onda de terror, Fortaleza receberá grande quantidade de turistas no feriado
PREOCUPAÇÃO

Em meio a onda de terror, Fortaleza receberá grande quantidade de turistas no feriado

A estimativa da rede hoteleira para o período é de 54% de ocupação das vagas de Fortaleza

Por Tribuna do Ceará em Cotidiano

21 de abril de 2017 às 07:00

Há 5 meses
fortaleza-turismo

Turismo em Fortaleza deve ser intensificado no feridão (FOTO: Divulgação/A. Duarte)

A expectativa durante o feriado de Tiradentes é de muitos turistas na capital. O problema é que Fortaleza vive uma onda de ataques a ônibus, delegacias e bancos. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Ceará (ABIH-CE), a estimativa da taxa de ocupação para o período é de 54%, o mesmo percentual registrado no feriado da Semana Santa.

O secretário municipal de Turismo, Alexandre Pereira, ressalta que os indicativos da rede hoteleira são positivos, já que diante do cenário econômico do país, Fortaleza está conseguindo manter os números.

De acordo com a pesquisa do Ministério do Turismo, divulgada na última quarta-feira (19), a intenção de viagem dos brasileiros apresentou crescimento pelo terceiro mês consecutivo e o Nordeste continua na liderança da preferência do turista nacional, com 41,5% do total de viajantes, seguido pelo Sudeste, com 29,6%.

Ainda segundo o levantamento, 21,3% das pessoas entrevistadas afirmaram que pretendem viajar até o mês de setembro. O número representa um aumento de quatro pontos percentuais em relação ao mesmo período do ano passado, quando apenas 17% demonstravam intenção.

“A pesquisa do Mtur só vem reafirmar que os brasileiros não estão deixando de viajar e o que o Nordeste continua sendo a preferência nacional. Fortaleza está na liderança da região. Os feriadões movimentam o turismo e geram uma renda extra para o comércio e todo o trade”, afirma Alexandre Pereira.

Ataques a ônibus viraram rotina nos últimos dias (FOTO: Reprodução)

Ataques

Os ataques começaram no início da tarde de quarta-feira, quando vários ônibus foram incendiados em Fortaleza e região metropolitana. As empresas de ônibus resolveram recolher os veículos e paralisar o serviço devido à insegurança. Os ataques continuaram na manhã desta quinta-feira (20).

Um motorista foi atingido pelas chamas. O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Ceará (Sintro) informou que o motorista foi atingido no braço, nas costas e no cabelo. Ele foi encaminhado ao Instituto Dr. José Frota (IJF), no Centro de Fortaleza, e não corre risco de morte.

Além disso, houve ataques durante a madrugada contra três delegacias e dois bancos da Região Metropolitana de Fortaleza.

Acompanhe a cobertura dos ataques:

21/4 – Facções estão em guerra pelo controle do tráfico de drogas, revela Conselho Penitenciário

20/4 – 16 pessoas são presas e 23 ônibus incendiados em ataques no Ceará, confirma SSPDS

20/4 – Capitão Wagner chama Camilo Santana de “frouxo”; Governador rebate com “moleque”

20/4 – Ônibus passam a circular em comboios e com escolta da polícia em Fortaleza

20/4 – Bandidos ameaçam taxistas para suspender de vez o transporte em Fortaleza

20/4 – Hilux é metralhada na Praia do Futuro; Vítima seria líder de facção criminosa

20/4 – Sindiônibus calcula prejuízo de mais de R$ 1,5 milhão só no 1º dia de ataques

20/4 – É BOATO! Nota que seria assinada por Moroni é falsa, alerta a Prefeitura

20/4 – Uber justifica que subida de preços no caos em Fortaleza atendeu “aumento da demanda”

20/04 – Cobrador deficiente não consegue sair de ônibus em chamas e tem corpo queimado

20/04 – Oscilações de energia não têm relação com ataques em Fortaleza, tranquiliza Enel

20/04 – Polícia investiga se depósitos clandestinos venderam combustíveis usados em ataques

20/04 – Policiais de funções burocráticas vão às ruas para tentar conter caos na segurança

20/04 – Motorista atingido por chamas em ataque ficou preso ao cinto de segurança

20/04 – Fortaleza tem novos ataques a ônibus nesta quinta; Já são 19 em menos de 24h

Publicidade

Dê sua opinião

PREOCUPAÇÃO

Em meio a onda de terror, Fortaleza receberá grande quantidade de turistas no feriado

A estimativa da rede hoteleira para o período é de 54% de ocupação das vagas de Fortaleza

Por Tribuna do Ceará em Cotidiano

21 de abril de 2017 às 07:00

Há 5 meses
fortaleza-turismo

Turismo em Fortaleza deve ser intensificado no feridão (FOTO: Divulgação/A. Duarte)

A expectativa durante o feriado de Tiradentes é de muitos turistas na capital. O problema é que Fortaleza vive uma onda de ataques a ônibus, delegacias e bancos. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Ceará (ABIH-CE), a estimativa da taxa de ocupação para o período é de 54%, o mesmo percentual registrado no feriado da Semana Santa.

O secretário municipal de Turismo, Alexandre Pereira, ressalta que os indicativos da rede hoteleira são positivos, já que diante do cenário econômico do país, Fortaleza está conseguindo manter os números.

De acordo com a pesquisa do Ministério do Turismo, divulgada na última quarta-feira (19), a intenção de viagem dos brasileiros apresentou crescimento pelo terceiro mês consecutivo e o Nordeste continua na liderança da preferência do turista nacional, com 41,5% do total de viajantes, seguido pelo Sudeste, com 29,6%.

Ainda segundo o levantamento, 21,3% das pessoas entrevistadas afirmaram que pretendem viajar até o mês de setembro. O número representa um aumento de quatro pontos percentuais em relação ao mesmo período do ano passado, quando apenas 17% demonstravam intenção.

“A pesquisa do Mtur só vem reafirmar que os brasileiros não estão deixando de viajar e o que o Nordeste continua sendo a preferência nacional. Fortaleza está na liderança da região. Os feriadões movimentam o turismo e geram uma renda extra para o comércio e todo o trade”, afirma Alexandre Pereira.

Ataques a ônibus viraram rotina nos últimos dias (FOTO: Reprodução)

Ataques

Os ataques começaram no início da tarde de quarta-feira, quando vários ônibus foram incendiados em Fortaleza e região metropolitana. As empresas de ônibus resolveram recolher os veículos e paralisar o serviço devido à insegurança. Os ataques continuaram na manhã desta quinta-feira (20).

Um motorista foi atingido pelas chamas. O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Ceará (Sintro) informou que o motorista foi atingido no braço, nas costas e no cabelo. Ele foi encaminhado ao Instituto Dr. José Frota (IJF), no Centro de Fortaleza, e não corre risco de morte.

Além disso, houve ataques durante a madrugada contra três delegacias e dois bancos da Região Metropolitana de Fortaleza.

Acompanhe a cobertura dos ataques:

21/4 – Facções estão em guerra pelo controle do tráfico de drogas, revela Conselho Penitenciário

20/4 – 16 pessoas são presas e 23 ônibus incendiados em ataques no Ceará, confirma SSPDS

20/4 – Capitão Wagner chama Camilo Santana de “frouxo”; Governador rebate com “moleque”

20/4 – Ônibus passam a circular em comboios e com escolta da polícia em Fortaleza

20/4 – Bandidos ameaçam taxistas para suspender de vez o transporte em Fortaleza

20/4 – Hilux é metralhada na Praia do Futuro; Vítima seria líder de facção criminosa

20/4 – Sindiônibus calcula prejuízo de mais de R$ 1,5 milhão só no 1º dia de ataques

20/4 – É BOATO! Nota que seria assinada por Moroni é falsa, alerta a Prefeitura

20/4 – Uber justifica que subida de preços no caos em Fortaleza atendeu “aumento da demanda”

20/04 – Cobrador deficiente não consegue sair de ônibus em chamas e tem corpo queimado

20/04 – Oscilações de energia não têm relação com ataques em Fortaleza, tranquiliza Enel

20/04 – Polícia investiga se depósitos clandestinos venderam combustíveis usados em ataques

20/04 – Policiais de funções burocráticas vão às ruas para tentar conter caos na segurança

20/04 – Motorista atingido por chamas em ataque ficou preso ao cinto de segurança

20/04 – Fortaleza tem novos ataques a ônibus nesta quinta; Já são 19 em menos de 24h