Com fissuras nas 7 varandas de prédio, Crea considerou "imprudente" a falta de manutenção


Com fissuras nas 7 varandas de prédio, Crea considerou “imprudente” a falta de manutenção

Vistoria realizada no dia seguinte ao desabamento de varanda que resultou na morte de um operário apontou oxidação da armadura das varandas do prédio, por infiltração

Por Hayanne Narlla em Cotidiano

3 de março de 2015 às 18:31

Há 4 anos
Engenheiro contou que, na véspera, síndico havia sido avisado de risco de desabamento (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Engenheiro contou que, na véspera, síndico havia sido avisado de risco de desabamento (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

“É uma imprudência colocar os funcionários aqui embaixo”. A declaração é do engenheiro do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Ceará (Crea-CE), Gerardo Santos Filho, que ficou impressionado com a quantidade de fissuras apresentadas no prédio em que a varanda desabou e deixou um morto e dois feridos na última segunda-feira (2), no Meireles, em Fortaleza.

Segundo ele, na véspera do desabamento, um engenheiro já havia informado ao síndico do condomínio que havia risco de acidentes envolvendo as varandas. Um dia depois, o morador teria contratado os funcionários para realizar obras a fim de evitar problemas. Porém, a varanda cedeu no período em que os trabalhadores iniciaram as obras.

Após realizar uma vistoria nos sete andares, Gerardo Filho apontou as fissuras nas varandas, ressaltando que todos os apartamentos, sendo um por andar, estão com o cômodo comprometido. “O problema não é o tempo do prédio [de aproximadamente 30 anos], mas a falta de manutenção que ocorria. Não teve manutenção, nem restauração. A armadura está oxidada por infiltração e veio a ruína”, explicou.

Para o engenheiro, é necessária a demolição da varanda que desabou, seguida de um estudo para escolher a melhor forma de escoramento e, finalmente, uma reforma. O Crea-Ce emitirá um laudo sobre o ocorrido até o fim deste mês.

O Tribuna do Ceará tentou entrar em contato com o síndico, mas nenhum morador quis se pronunciar, além de não ter porteiro no prédio. O Corpo de Bombeiros também tentou contato com o síndico, mas segundo sargento  Nilliano, também não houve sucesso.

Fissuras em varandas podem ser vistas da rua (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Fissuras em varandas podem ser vistas da rua (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Defesa Civil

O engenheiro da Defesa Civil Elias Estanislau, que também esteve no local, salientou que os moradores não devem retornar ao prédio, até que a parte comprometida seja reformada. “Em todos os andares tem problema, principalmente do lado direito. A estrutura em si do prédio não tem problema. O que houve foi infiltração que causou o rompimento do material”.

No momento que o Tribuna do Ceará conversava com o engenheiro, um funcionário do prédio da frente atravessou a rua para tirar uma dúvida. Segundo ele, que não falou o nome, o síndico de seu condomínio queria interditar a piscina com medo do edifício vizinho desabar.

Estanislau enfatizou que seria muito difícil isso acontecer, porém, caso haja novo desabamento de varanda, pedaços podem atingir carros ou transeuntes.

Vítimas

O acidente tirou a vida do operário Valdízio Moreira Nunes, que foi atingido pelo desabamento e morreu na hora. Ele estava no térreo do prédio, junto com os irmãos Raimundo José do Nascimento, de 52 anos, e Gilvanir José do Nascimento, de 44 anos. Os dois ficaram feridos, foram socorridos e levados ao Instituto Doutor José Frota (IJF), no Centro de Fortaleza.

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará
1/22

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará
2/22

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Prédio notificado
3/22

Prédio notificado

Técnico da Prefeitura de Fortaleza, João Batista Magalhães já notificou o prédio (FOTO: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará)

Desabamento de prédio no Meireles
4/22

Desabamento de prédio no Meireles

Momento em que vítima foi retirada do imóvel. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Desabamento de prédio no Meireles
5/22

Desabamento de prédio no Meireles

Momento em que vítima foi retirada do imóvel. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Desabamento de prédio no Meireles
6/22

Desabamento de prédio no Meireles

Acidente teve um morto e dois feridos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Desabamento de prédio no Meireles
7/22

Desabamento de prédio no Meireles

Acidente teve um morto e dois feridos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Desabamento de prédio no Meireles
8/22

Desabamento de prédio no Meireles

Acidente teve um morto e dois feridos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Desabamento de prédio no Meireles
9/22

Desabamento de prédio no Meireles

Acidente teve um morto e dois feridos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Desabamento de prédio no Meireles
10/22

Desabamento de prédio no Meireles

Curiosos foram até o local conferir a situação do imóvel. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Foto: Whatsapp Tribuna
11/22

Foto: Whatsapp Tribuna

Foto: Whatsapp Tribuna

Desabamento de laje
12/22

Desabamento de laje

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Desabamento de laje
13/22

Desabamento de laje

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Desabamento de laje
14/22

Desabamento de laje

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Desabamento de laje
15/22

Desabamento de laje

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Desabamento de laje
16/22

Desabamento de laje

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Desabamento de laje no Meireles
17/22

Desabamento de laje no Meireles

Prédio foi evacuado após o desabamento da varanda (FOTO: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará)

Desabamento de laje no Meireles
18/22

Desabamento de laje no Meireles

Prédio foi evacuado após o desabamento da varanda (FOTO: Whatsapp/Tribuna)

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (2) (FOTO: Reprodução Whatsapp)
19/22

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (2) (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Desabamento de laje
20/22

Desabamento de laje

Laje de prédio desabou e deixou um operário morto e dois feridos (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará
21/22

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará
22/22

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Nota da construtora Mendonça Aguiar

A construtora lamenta o acidente e se solidariza com​ os operários e seus familiares e condôminos, esclarecendo que o Habite-se da obra data de 1986, estando o prédio sob a administração do condomínio há 29 anos. Importante destacar que a construtora só foi procurada pelo condomínio no dia do acidente, e que a reforma da varanda em questão estava sendo realizada por outra empresa, motivo pelo qual a construtora aguarda o término das investigações para poder​ se posicionar sobre o caso. Por fim, confirma o compromisso com a qualidade e segurança de suas obras, reforçando a necessidade do proprietário ou responsável legal da edificação realizar as manutenções previstas na Lei 9.913, de 26 de julho de 2012, que estabelece, inclusive, a realização de vistorias técnicas​ preventivas a cada três anos,​ para edificações entre 21 e 30 anos de construção.

Acompanhe o caso:

2 de março – Varanda de apartamento de área nobre de Fortaleza desaba e causa uma morte

3 de março – Prédio cuja varanda desabou não tinha registro válido para realizar reforma

3 de março – Moradores já haviam alertado construtora de que prédio apresentava rachaduras

3 de março – Prédio do Meireles corre risco de novos desabamentos em outras varandas

Publicidade

Dê sua opinião

Com fissuras nas 7 varandas de prédio, Crea considerou “imprudente” a falta de manutenção

Vistoria realizada no dia seguinte ao desabamento de varanda que resultou na morte de um operário apontou oxidação da armadura das varandas do prédio, por infiltração

Por Hayanne Narlla em Cotidiano

3 de março de 2015 às 18:31

Há 4 anos
Engenheiro contou que, na véspera, síndico havia sido avisado de risco de desabamento (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Engenheiro contou que, na véspera, síndico havia sido avisado de risco de desabamento (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

“É uma imprudência colocar os funcionários aqui embaixo”. A declaração é do engenheiro do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Ceará (Crea-CE), Gerardo Santos Filho, que ficou impressionado com a quantidade de fissuras apresentadas no prédio em que a varanda desabou e deixou um morto e dois feridos na última segunda-feira (2), no Meireles, em Fortaleza.

Segundo ele, na véspera do desabamento, um engenheiro já havia informado ao síndico do condomínio que havia risco de acidentes envolvendo as varandas. Um dia depois, o morador teria contratado os funcionários para realizar obras a fim de evitar problemas. Porém, a varanda cedeu no período em que os trabalhadores iniciaram as obras.

Após realizar uma vistoria nos sete andares, Gerardo Filho apontou as fissuras nas varandas, ressaltando que todos os apartamentos, sendo um por andar, estão com o cômodo comprometido. “O problema não é o tempo do prédio [de aproximadamente 30 anos], mas a falta de manutenção que ocorria. Não teve manutenção, nem restauração. A armadura está oxidada por infiltração e veio a ruína”, explicou.

Para o engenheiro, é necessária a demolição da varanda que desabou, seguida de um estudo para escolher a melhor forma de escoramento e, finalmente, uma reforma. O Crea-Ce emitirá um laudo sobre o ocorrido até o fim deste mês.

O Tribuna do Ceará tentou entrar em contato com o síndico, mas nenhum morador quis se pronunciar, além de não ter porteiro no prédio. O Corpo de Bombeiros também tentou contato com o síndico, mas segundo sargento  Nilliano, também não houve sucesso.

Fissuras em varandas podem ser vistas da rua (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Fissuras em varandas podem ser vistas da rua (FOTO: Hayanne Narlla/ Tribuna do Ceará)

Defesa Civil

O engenheiro da Defesa Civil Elias Estanislau, que também esteve no local, salientou que os moradores não devem retornar ao prédio, até que a parte comprometida seja reformada. “Em todos os andares tem problema, principalmente do lado direito. A estrutura em si do prédio não tem problema. O que houve foi infiltração que causou o rompimento do material”.

No momento que o Tribuna do Ceará conversava com o engenheiro, um funcionário do prédio da frente atravessou a rua para tirar uma dúvida. Segundo ele, que não falou o nome, o síndico de seu condomínio queria interditar a piscina com medo do edifício vizinho desabar.

Estanislau enfatizou que seria muito difícil isso acontecer, porém, caso haja novo desabamento de varanda, pedaços podem atingir carros ou transeuntes.

Vítimas

O acidente tirou a vida do operário Valdízio Moreira Nunes, que foi atingido pelo desabamento e morreu na hora. Ele estava no térreo do prédio, junto com os irmãos Raimundo José do Nascimento, de 52 anos, e Gilvanir José do Nascimento, de 44 anos. Os dois ficaram feridos, foram socorridos e levados ao Instituto Doutor José Frota (IJF), no Centro de Fortaleza.

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará
1/22

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará
2/22

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Prédio notificado
3/22

Prédio notificado

Técnico da Prefeitura de Fortaleza, João Batista Magalhães já notificou o prédio (FOTO: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará)

Desabamento de prédio no Meireles
4/22

Desabamento de prédio no Meireles

Momento em que vítima foi retirada do imóvel. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Desabamento de prédio no Meireles
5/22

Desabamento de prédio no Meireles

Momento em que vítima foi retirada do imóvel. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Desabamento de prédio no Meireles
6/22

Desabamento de prédio no Meireles

Acidente teve um morto e dois feridos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Desabamento de prédio no Meireles
7/22

Desabamento de prédio no Meireles

Acidente teve um morto e dois feridos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Desabamento de prédio no Meireles
8/22

Desabamento de prédio no Meireles

Acidente teve um morto e dois feridos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Desabamento de prédio no Meireles
9/22

Desabamento de prédio no Meireles

Acidente teve um morto e dois feridos. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Desabamento de prédio no Meireles
10/22

Desabamento de prédio no Meireles

Curiosos foram até o local conferir a situação do imóvel. (FOTO: Tribuna do Ceará/ Rosana Romão)

Foto: Whatsapp Tribuna
11/22

Foto: Whatsapp Tribuna

Foto: Whatsapp Tribuna

Desabamento de laje
12/22

Desabamento de laje

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Desabamento de laje
13/22

Desabamento de laje

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Desabamento de laje
14/22

Desabamento de laje

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Desabamento de laje
15/22

Desabamento de laje

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Desabamento de laje
16/22

Desabamento de laje

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Desabamento de laje no Meireles
17/22

Desabamento de laje no Meireles

Prédio foi evacuado após o desabamento da varanda (FOTO: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará)

Desabamento de laje no Meireles
18/22

Desabamento de laje no Meireles

Prédio foi evacuado após o desabamento da varanda (FOTO: Whatsapp/Tribuna)

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (2) (FOTO: Reprodução Whatsapp)
19/22

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (2) (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (FOTO: Reprodução Whatsapp)

Desabamento de laje
20/22

Desabamento de laje

Laje de prédio desabou e deixou um operário morto e dois feridos (FOTO: Reprodução/Whatsapp)

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará
21/22

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará
22/22

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Foto: Roberta Tavares/Tribuna do Ceará

Nota da construtora Mendonça Aguiar

A construtora lamenta o acidente e se solidariza com​ os operários e seus familiares e condôminos, esclarecendo que o Habite-se da obra data de 1986, estando o prédio sob a administração do condomínio há 29 anos. Importante destacar que a construtora só foi procurada pelo condomínio no dia do acidente, e que a reforma da varanda em questão estava sendo realizada por outra empresa, motivo pelo qual a construtora aguarda o término das investigações para poder​ se posicionar sobre o caso. Por fim, confirma o compromisso com a qualidade e segurança de suas obras, reforçando a necessidade do proprietário ou responsável legal da edificação realizar as manutenções previstas na Lei 9.913, de 26 de julho de 2012, que estabelece, inclusive, a realização de vistorias técnicas​ preventivas a cada três anos,​ para edificações entre 21 e 30 anos de construção.

Acompanhe o caso:

2 de março – Varanda de apartamento de área nobre de Fortaleza desaba e causa uma morte

3 de março – Prédio cuja varanda desabou não tinha registro válido para realizar reforma

3 de março – Moradores já haviam alertado construtora de que prédio apresentava rachaduras

3 de março – Prédio do Meireles corre risco de novos desabamentos em outras varandas