Artistas "sequestram" Salão de Abril e realizam mostra após ausência de posicionamento da Prefeitura
PRODUÇÃO INDEPENDENTE

Artistas “sequestram” Salão de Abril, realizam mostra e criticam ausência de recursos da Prefeitura

O evento teve início no dia 28 de setembro e vai até o dia 21 de outubro. A Secultfor informou que o Salão de Abril vai ser realizado neste mês de dezembro

Por Daniel Rocha em Cotidiano

6 de outubro de 2017 às 06:21

Há 2 semanas

O evento teve início no último dia 28 e se estende até o dia 21 de outubro (FOTO: Thaís Mesquita)

Os artistas decidiram “sequestrar” o Salão de Abril para uma mostra artística. Eles justificam a atitude devido a uma falta de posicionamento da Prefeitura de Fortaleza.

De acordo com um dos organizadores, Junior Pimenta, a 68ª edição do evento era para ter acontecido em abril de 2017. A dúvida se vai ou não ter o evento estimulou os artistas e curadores a aceitar o desafio de realizar o evento por conta própria, sem recursos públicos.

“A nossa iniciativa aconteceu pela ausência da Prefeitura, porque a mostra é importante para a cidade e, em nenhum momento, queremos assumir a responsabilidade do órgão municipal. Uma cidade como Fortaleza não ter um edital para o evento e não ter uma edição do Salão de Abril é complicado. A Prefeitura tem que levar a sério”, ressaltou Junior.

O Salão de Abril Sequestrado teve início no dia 28 de setembro e vai até o dia 21 de outubro. Junior explica que os curadores conseguiram parcerias que cederam espaços para realizar a mostra.  Ao todo, 189 artistas se inscreveram, mas apenas 160 foram selecionados por estarem dentro dos requisitos que são: morar em Fortaleza ou ter obras relacionadas à cidade.

A mostra contou com o apoio de parcerias e cada artista ficou responsável pela montagem de sua exposição (FOTO: Thaís Mesquita)

Em relação aos custos, Junior explica que o evento está contando com doações e parcerias para a liberação de espaço. Os artistas ficaram responsáveis pelos gastos para montar a sua exposição. As outras despesas, como a divulgação, ficaram por conta das vendas de três gravuras que foram doadas pelos artistas Rian Fontenele e Weaver Lim e pelo Grupo Acidum. “Cada gravura custa R$ 68 e fizemos 68 tiragens, fazendo referência ao número da edição”, explicou.

As imagens estão sendo vendidas pela internet e nos pontos de venda da exposição. “O valor é de R$ 68 mais frete, que pode ser pago por cartão de crédito. A entrega é por conta dos Correios para quem mora fora de Fortaleza”, explicou. Junior acrescenta também que o comprador das gravuras vai está contribuindo para o ato de realização de resistência em favor de eventos artísticos em Fortaleza.

Diante da repercussão da edição do Salão de Abril deste ano, a Secretaria da Cultura de Fortaleza (Secultfor) informou, por meio de nota ao Tribuna do Ceará, que vai ser realizado uma edição do evento com uma mostra de retrospectiva de sua história, com acervo das obras vencedoras do Salão no mês de dezembro. Entretanto não informou data nem o local do evento. Além disso, ainda este ano será anunciado o Salão de Abril Especial 75 anos que está previsto para ocorrer no próximo ano. Confira a nota na íntegra.

“A Secretaria da Cultura de Fortaleza (Secultfor) informa que realizará, no mês de dezembro deste ano, uma mostra retrospectiva de sua história, com acervo de parte das obras vencedoras de várias edições do evento. A Secultfor também esclarece que irá anunciar, ainda este ano, o Salão de Abril Especial 75 anos, previsto para ocorrer em 2018, retomando o calendário no mês de Abril, quando fará uma homenagem ao Centenário de Zenon Barreto, um dos ícones da principal mostra de artes plásticas do Ceará”, informou a pasta. 

Confira a programação

4 de outubro
10h – Minimuseu Firmeza, na Rua Waldir Diogo – Mondubim
19h – Casa Muvuca, na Rua Joaquim Nabuco, 190 – Meireles
20h – Electric Circus, na rua João Brígido, 316 – Joaquim Távora

6 de outubro
17h – Vila Vicentina, na rua Dom Expedito Lopes, 2044 – Dionísio Torres

7 de outubro
9h às 18h – Poço da Draga, na rua Viaduto Moreira da Rocha – Centro
10h – Studio Carlos Macêdo, na rua Barão de Aracati – Meireles
10h – Árvores do entorno do anfiteatro do parque do cocó, na av. Padre Antônio Tomás, 2964-3020 – Cocó

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-08
1/16

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-08

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-01
2/16

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-01

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-08
3/16

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-08

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-07
4/16

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-07

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-04
5/16

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-04

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-03
6/16

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-03

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-04
7/16

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-04

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-01
8/16

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-01

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-03
9/16

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-03

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-05
10/16

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-05

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-06
11/16

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-06

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-02
12/16

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-02

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-03
13/16

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-03

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-06
14/16

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-06

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-07
15/16

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-07

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-06
16/16

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-06

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

Publicidade

Dê sua opinião

PRODUÇÃO INDEPENDENTE

Artistas “sequestram” Salão de Abril, realizam mostra e criticam ausência de recursos da Prefeitura

O evento teve início no dia 28 de setembro e vai até o dia 21 de outubro. A Secultfor informou que o Salão de Abril vai ser realizado neste mês de dezembro

Por Daniel Rocha em Cotidiano

6 de outubro de 2017 às 06:21

Há 2 semanas

O evento teve início no último dia 28 e se estende até o dia 21 de outubro (FOTO: Thaís Mesquita)

Os artistas decidiram “sequestrar” o Salão de Abril para uma mostra artística. Eles justificam a atitude devido a uma falta de posicionamento da Prefeitura de Fortaleza.

De acordo com um dos organizadores, Junior Pimenta, a 68ª edição do evento era para ter acontecido em abril de 2017. A dúvida se vai ou não ter o evento estimulou os artistas e curadores a aceitar o desafio de realizar o evento por conta própria, sem recursos públicos.

“A nossa iniciativa aconteceu pela ausência da Prefeitura, porque a mostra é importante para a cidade e, em nenhum momento, queremos assumir a responsabilidade do órgão municipal. Uma cidade como Fortaleza não ter um edital para o evento e não ter uma edição do Salão de Abril é complicado. A Prefeitura tem que levar a sério”, ressaltou Junior.

O Salão de Abril Sequestrado teve início no dia 28 de setembro e vai até o dia 21 de outubro. Junior explica que os curadores conseguiram parcerias que cederam espaços para realizar a mostra.  Ao todo, 189 artistas se inscreveram, mas apenas 160 foram selecionados por estarem dentro dos requisitos que são: morar em Fortaleza ou ter obras relacionadas à cidade.

A mostra contou com o apoio de parcerias e cada artista ficou responsável pela montagem de sua exposição (FOTO: Thaís Mesquita)

Em relação aos custos, Junior explica que o evento está contando com doações e parcerias para a liberação de espaço. Os artistas ficaram responsáveis pelos gastos para montar a sua exposição. As outras despesas, como a divulgação, ficaram por conta das vendas de três gravuras que foram doadas pelos artistas Rian Fontenele e Weaver Lim e pelo Grupo Acidum. “Cada gravura custa R$ 68 e fizemos 68 tiragens, fazendo referência ao número da edição”, explicou.

As imagens estão sendo vendidas pela internet e nos pontos de venda da exposição. “O valor é de R$ 68 mais frete, que pode ser pago por cartão de crédito. A entrega é por conta dos Correios para quem mora fora de Fortaleza”, explicou. Junior acrescenta também que o comprador das gravuras vai está contribuindo para o ato de realização de resistência em favor de eventos artísticos em Fortaleza.

Diante da repercussão da edição do Salão de Abril deste ano, a Secretaria da Cultura de Fortaleza (Secultfor) informou, por meio de nota ao Tribuna do Ceará, que vai ser realizado uma edição do evento com uma mostra de retrospectiva de sua história, com acervo das obras vencedoras do Salão no mês de dezembro. Entretanto não informou data nem o local do evento. Além disso, ainda este ano será anunciado o Salão de Abril Especial 75 anos que está previsto para ocorrer no próximo ano. Confira a nota na íntegra.

“A Secretaria da Cultura de Fortaleza (Secultfor) informa que realizará, no mês de dezembro deste ano, uma mostra retrospectiva de sua história, com acervo de parte das obras vencedoras de várias edições do evento. A Secultfor também esclarece que irá anunciar, ainda este ano, o Salão de Abril Especial 75 anos, previsto para ocorrer em 2018, retomando o calendário no mês de Abril, quando fará uma homenagem ao Centenário de Zenon Barreto, um dos ícones da principal mostra de artes plásticas do Ceará”, informou a pasta. 

Confira a programação

4 de outubro
10h – Minimuseu Firmeza, na Rua Waldir Diogo – Mondubim
19h – Casa Muvuca, na Rua Joaquim Nabuco, 190 – Meireles
20h – Electric Circus, na rua João Brígido, 316 – Joaquim Távora

6 de outubro
17h – Vila Vicentina, na rua Dom Expedito Lopes, 2044 – Dionísio Torres

7 de outubro
9h às 18h – Poço da Draga, na rua Viaduto Moreira da Rocha – Centro
10h – Studio Carlos Macêdo, na rua Barão de Aracati – Meireles
10h – Árvores do entorno do anfiteatro do parque do cocó, na av. Padre Antônio Tomás, 2964-3020 – Cocó

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-08
1/16

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-08

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-01
2/16

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-01

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-08
3/16

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-08

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-07
4/16

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-07

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-04
5/16

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-04

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-03
6/16

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-03

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-04
7/16

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-04

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-01
8/16

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-01

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-03
9/16

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-03

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-05
10/16

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-05

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-06
11/16

foto-thais-mesquita-abertura-imagem-brasil-galeria-06

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-02
12/16

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-02

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-03
13/16

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-03

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-06
14/16

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-06

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-07
15/16

foto-thais-mesquita-abertura-salao-das-ilusoes-07

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-06
16/16

foto-thais-mesquita-abertura-multiarte-06

Salão de Abril Sequestrado (FOTO: Thaís Mesquita)