Afinal, quem foi o homem que deu nome à Rua José Avelino?
FEIRA POLÊMICA

Afinal, quem foi o homem que deu nome à Rua José Avelino?

José Avelino, natural de Aracati, foi um intelectual, doutor em Direito, político e escritor em jornais cearenses

Por Lucas Barbosa em Cotidiano

19 de maio de 2017 às 07:00

Há 3 meses

Rua ainda teve pelo menos três nomes antes de homenagear o intelectual aracatiense (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

A disputa entre a Prefeitura de Fortaleza e os comerciantes fez o nome cair na boca dos fortalezenses nos últimos dias, mas você sabe quem de fato foi José Avelino?

Para ajudar a responder, o Tribuna do Ceará recorreu ao Dicionário das Ruas, iniciativa que compila curiosidades dos logradouros da Capital, apresentada pelo próprio portal em abril último.

Segundo o verbete no dicionário, baseado no livro 1.001 Cearenses Notáveis, de Francisco Silva Nobre, José Avelino foi um intelectual, doutor em Direito e escritor em jornais cearenses como “O Progressista” e “Jornal do Ceará” e cariocas como “O Globo” e “Correio Fluminense”. Ainda representou o Estado no Congresso Federal, entre 1867 e 1868.

José Avelino Gurgel do Amaral nasceu em 10 de novembro de 1843, em Aracati. Em 1864, bacharelou-se em Direito pela Faculdade de Direito do Recife.

Entre os seus trabalhos mais influentes, Francisco Silva Nobre destaca “Questão Social do Rio da Prata” (1869), “Uma Tese Constitucional” (1876), “Questão Social-Conversão dos Bens dos Conventos”(1884), “Perfil Político e Parlamentar do Conselheiro Junqueira” (1886) e “História Contemporânea”.

Este livro versava sobre as bodas de prata do Conde d’Eu e da Princesa Isabel e foi destruído pelo próprio autor após a Proclamação da República, não tendo sido publicado.

Mas, antes de homenagear José Avelino, a rua teve outros nomes. Foi Rua do Chafariz até 1888, quando passou a se chamar Rua do Singlehurst — o que durou dois anos, quando a rua ficou conhecida como Travessa nº 19. Em 1933, a rua foi batizada como General Mesquita.

Publicidade

Dê sua opinião

FEIRA POLÊMICA

Afinal, quem foi o homem que deu nome à Rua José Avelino?

José Avelino, natural de Aracati, foi um intelectual, doutor em Direito, político e escritor em jornais cearenses

Por Lucas Barbosa em Cotidiano

19 de maio de 2017 às 07:00

Há 3 meses

Rua ainda teve pelo menos três nomes antes de homenagear o intelectual aracatiense (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

A disputa entre a Prefeitura de Fortaleza e os comerciantes fez o nome cair na boca dos fortalezenses nos últimos dias, mas você sabe quem de fato foi José Avelino?

Para ajudar a responder, o Tribuna do Ceará recorreu ao Dicionário das Ruas, iniciativa que compila curiosidades dos logradouros da Capital, apresentada pelo próprio portal em abril último.

Segundo o verbete no dicionário, baseado no livro 1.001 Cearenses Notáveis, de Francisco Silva Nobre, José Avelino foi um intelectual, doutor em Direito e escritor em jornais cearenses como “O Progressista” e “Jornal do Ceará” e cariocas como “O Globo” e “Correio Fluminense”. Ainda representou o Estado no Congresso Federal, entre 1867 e 1868.

José Avelino Gurgel do Amaral nasceu em 10 de novembro de 1843, em Aracati. Em 1864, bacharelou-se em Direito pela Faculdade de Direito do Recife.

Entre os seus trabalhos mais influentes, Francisco Silva Nobre destaca “Questão Social do Rio da Prata” (1869), “Uma Tese Constitucional” (1876), “Questão Social-Conversão dos Bens dos Conventos”(1884), “Perfil Político e Parlamentar do Conselheiro Junqueira” (1886) e “História Contemporânea”.

Este livro versava sobre as bodas de prata do Conde d’Eu e da Princesa Isabel e foi destruído pelo próprio autor após a Proclamação da República, não tendo sido publicado.

Mas, antes de homenagear José Avelino, a rua teve outros nomes. Foi Rua do Chafariz até 1888, quando passou a se chamar Rua do Singlehurst — o que durou dois anos, quando a rua ficou conhecida como Travessa nº 19. Em 1933, a rua foi batizada como General Mesquita.