"Um ato irresponsável tirou a vida dela", lamenta tio de universitária que morreu em acidente
CAPOTAMENTO EM RIO

“Um ato irresponsável tirou a vida dela”, lamenta tio de universitária que morreu em acidente

Segundo delegada que investiga o caso, o motorista havia ingerido álcool e apresentava direção perigosa

Por Daniel Rocha em Ceará

5 de julho de 2017 às 07:00

Há 4 meses

A estudante não conseguiu sair do carro e morreu afogada (FOTO: Reprodução/Barra Pesada)

O velório da jovem de 27 anos, morta em um acidente na praia de Cascavel, ocorreu nesta segunda-feira (3), no Bairro Vila União, em Fortaleza

O tio de Mikaele Rodrigues, Messias, estava no município quando recebeu a notícia da morte de sua sobrinha. Ele foi o responsável por informar a mãe sobre o ocorrido.

“Eu não acreditei na hora. Eu comuniquei o fato para a mãe. Era uma menina com vários planos para ajudar a mãe, e não dá para entender como um ato irresponsável tirou a vida dela”, critica a conduta do motorista, em entrevista ao programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT. O motorista foi preso na tarde de terça-feira (4).

A delegada Márcia Janine, da Delegacia Metropolitana de Cascavel, informou que o homem tinha ingerido álcool e apresentava uma direção perigosa.

O familiar disse que a mãe da estudante vai ser ouvida no processo que já está aberto. Nesta segunda-feira (3), Messias tentou fazer um Boletim de Ocorrência no município do Eusébio, mas não conseguiu porque não portava todos os documentos.

Messias informou que Mikaele ficou com um dos pés preso entre os bancos e, por isso, não conseguiu sair do carro. Populares tentaram reanimar a vítima, mas ela já havia falecido. Outro familiar informou que o carro estava próximo à margem, caindo no rio. “Eles estavam se divertindo desde cedo na região”, disse Anderson.

Veja matéria do programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT:

Publicidade

Dê sua opinião

CAPOTAMENTO EM RIO

“Um ato irresponsável tirou a vida dela”, lamenta tio de universitária que morreu em acidente

Segundo delegada que investiga o caso, o motorista havia ingerido álcool e apresentava direção perigosa

Por Daniel Rocha em Ceará

5 de julho de 2017 às 07:00

Há 4 meses

A estudante não conseguiu sair do carro e morreu afogada (FOTO: Reprodução/Barra Pesada)

O velório da jovem de 27 anos, morta em um acidente na praia de Cascavel, ocorreu nesta segunda-feira (3), no Bairro Vila União, em Fortaleza

O tio de Mikaele Rodrigues, Messias, estava no município quando recebeu a notícia da morte de sua sobrinha. Ele foi o responsável por informar a mãe sobre o ocorrido.

“Eu não acreditei na hora. Eu comuniquei o fato para a mãe. Era uma menina com vários planos para ajudar a mãe, e não dá para entender como um ato irresponsável tirou a vida dela”, critica a conduta do motorista, em entrevista ao programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT. O motorista foi preso na tarde de terça-feira (4).

A delegada Márcia Janine, da Delegacia Metropolitana de Cascavel, informou que o homem tinha ingerido álcool e apresentava uma direção perigosa.

O familiar disse que a mãe da estudante vai ser ouvida no processo que já está aberto. Nesta segunda-feira (3), Messias tentou fazer um Boletim de Ocorrência no município do Eusébio, mas não conseguiu porque não portava todos os documentos.

Messias informou que Mikaele ficou com um dos pés preso entre os bancos e, por isso, não conseguiu sair do carro. Populares tentaram reanimar a vítima, mas ela já havia falecido. Outro familiar informou que o carro estava próximo à margem, caindo no rio. “Eles estavam se divertindo desde cedo na região”, disse Anderson.

Veja matéria do programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT: