Professor encontra sítio arqueológico escondido na zona rural de Boa Viagem
ARTE HISTÓRICA

Professor encontra sítio arqueológico escondido na zona rural de Boa Viagem

As pinturas, bem conservadas, foram encontradas entre formações rochosas

Por Jangadeiro FM em Ceará

2 de abril de 2017 às 07:00

Há 6 meses

Pinturas em pedras chamam a atenção (FOTO: Reprodução/TV Boa Viagem)

Pesquisadores de Boa Viagem encontraram um possível sítio arqueológico na zona rural da cidade. Diversas pinturas rupestres, possivelmente dos primeiros habitantes do local, enfeitam rochas. A reportagem é da Rede Jangadeiro FM.

O professor Delsilan Carvalho é geografo e gosta de pesquisar, por conta própria, elementos históricos e formações rochosas. Em um desses passeios pela zona rural de Boa Viagem, encontrou formações rochosas com pinturas rupestres bem conservadas, diferentes de outras já conhecidas na cidade.

“Serra da Borracha, o nome do local. Em uma pedra enorme tem várias pinturas rupestres e elas estão preservadas”, explica o professor.

Delsilan defende que o poder público se interesse pelo local, para incentivar tanto pesquisas, como um roteiro turístico, que sirva como ponto histórico também. Até agora, nem prefeitura e nem Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) demonstraram disposição em trabalhar o espaço.

O Iphan é o órgão responsável, no Brasil, pela catalogação dos achados históricos. Entre suas principais atividades estão a autorização de tombamento como patrimônio arqueológico, e a permissão de realização de pesquisas na região onde estão instalados os sítios.

Saiba mais na reportagem de Iury Costa para a Rede Jangadeiro FM:

Publicidade

Dê sua opinião

ARTE HISTÓRICA

Professor encontra sítio arqueológico escondido na zona rural de Boa Viagem

As pinturas, bem conservadas, foram encontradas entre formações rochosas

Por Jangadeiro FM em Ceará

2 de abril de 2017 às 07:00

Há 6 meses

Pinturas em pedras chamam a atenção (FOTO: Reprodução/TV Boa Viagem)

Pesquisadores de Boa Viagem encontraram um possível sítio arqueológico na zona rural da cidade. Diversas pinturas rupestres, possivelmente dos primeiros habitantes do local, enfeitam rochas. A reportagem é da Rede Jangadeiro FM.

O professor Delsilan Carvalho é geografo e gosta de pesquisar, por conta própria, elementos históricos e formações rochosas. Em um desses passeios pela zona rural de Boa Viagem, encontrou formações rochosas com pinturas rupestres bem conservadas, diferentes de outras já conhecidas na cidade.

“Serra da Borracha, o nome do local. Em uma pedra enorme tem várias pinturas rupestres e elas estão preservadas”, explica o professor.

Delsilan defende que o poder público se interesse pelo local, para incentivar tanto pesquisas, como um roteiro turístico, que sirva como ponto histórico também. Até agora, nem prefeitura e nem Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) demonstraram disposição em trabalhar o espaço.

O Iphan é o órgão responsável, no Brasil, pela catalogação dos achados históricos. Entre suas principais atividades estão a autorização de tombamento como patrimônio arqueológico, e a permissão de realização de pesquisas na região onde estão instalados os sítios.

Saiba mais na reportagem de Iury Costa para a Rede Jangadeiro FM: