Governador desrespeita CTB em foto publicada em rede social


Cid Gomes publica foto no Facebook onde estaria descumprindo normas de trânsito

Cid Gomes coloca em perfil foto na qual aparece dirigindo sem cinto de segurança e ainda segurando uma criança

Por Aline Lima em Ceará

27 de agosto de 2013 às 11:47

Há 6 anos

O governador Cid Gomes postou uma foto em sua página pessoal no Facebook dirigindo sem cinto e ainda com uma criança no colo. A atitude do governador na imagem desrespeita duas leis do Código de Transito Brasileiro (CTB), segundo o qual o uso de cinto de segurança e de cadeirinhas apropriadas para menores de 10 anos é obrigatório.

A imagem foi postada na manhã desta terça, mas excluída horas depois (FOTO: Reprodução)

A imagem foi postada na manhã desta terça, mas excluída horas depois (FOTO: Reprodução)

O Portal Tribuna do Ceará entrou em contato com a assessoria do governador, a qual respondeu apenas que a página é de uso pessoal. Assim, não iria se manifestar. A foto foi excluída da rede social logo após a reportagem entrar em contato.

Nova página

Cid Gomes criou o perfil na rede social no dia 22 de agosto com o objetivo de se aproximar mais da população. Na postagem inicial, o governador declarou:

“Eu tinha uma conta no facebook que foi desativada. Tentei reativar mas foi em vão… Estou iniciando hoje uma fanpage. Sejam bem-vindos!!! Este será mais um espaço de cidadania…”.

Código de Trânsito Brasileiro

O CTB estabelece no artigo 65 que o uso de cinto de segurança é obrigatório em todo o território nacional. O Código – Lei n° 9.503, de 23 de setembro de 1997 – determina no seu art. 65: “É obrigatório o uso do cinto de segurança para condutor e passageiros em todas as vias do território nacional”

O transporte de crianças menores de 10 anos é regulado pela resolução n° 277, instituída em maio de 2008. A resolução estabelece que as crianças devem ser transportadas nos bancos traseiros usando cinto de segurança ou sistema de retenção equivalente, ou seja, cadeirinhas apropriadas ou berço portátil. A infração é considerada gravíssima, sob pena de multa e retenção do veículo.

Publicidade

Dê sua opinião

Cid Gomes publica foto no Facebook onde estaria descumprindo normas de trânsito

Cid Gomes coloca em perfil foto na qual aparece dirigindo sem cinto de segurança e ainda segurando uma criança

Por Aline Lima em Ceará

27 de agosto de 2013 às 11:47

Há 6 anos

O governador Cid Gomes postou uma foto em sua página pessoal no Facebook dirigindo sem cinto e ainda com uma criança no colo. A atitude do governador na imagem desrespeita duas leis do Código de Transito Brasileiro (CTB), segundo o qual o uso de cinto de segurança e de cadeirinhas apropriadas para menores de 10 anos é obrigatório.

A imagem foi postada na manhã desta terça, mas excluída horas depois (FOTO: Reprodução)

A imagem foi postada na manhã desta terça, mas excluída horas depois (FOTO: Reprodução)

O Portal Tribuna do Ceará entrou em contato com a assessoria do governador, a qual respondeu apenas que a página é de uso pessoal. Assim, não iria se manifestar. A foto foi excluída da rede social logo após a reportagem entrar em contato.

Nova página

Cid Gomes criou o perfil na rede social no dia 22 de agosto com o objetivo de se aproximar mais da população. Na postagem inicial, o governador declarou:

“Eu tinha uma conta no facebook que foi desativada. Tentei reativar mas foi em vão… Estou iniciando hoje uma fanpage. Sejam bem-vindos!!! Este será mais um espaço de cidadania…”.

Código de Trânsito Brasileiro

O CTB estabelece no artigo 65 que o uso de cinto de segurança é obrigatório em todo o território nacional. O Código – Lei n° 9.503, de 23 de setembro de 1997 – determina no seu art. 65: “É obrigatório o uso do cinto de segurança para condutor e passageiros em todas as vias do território nacional”

O transporte de crianças menores de 10 anos é regulado pela resolução n° 277, instituída em maio de 2008. A resolução estabelece que as crianças devem ser transportadas nos bancos traseiros usando cinto de segurança ou sistema de retenção equivalente, ou seja, cadeirinhas apropriadas ou berço portátil. A infração é considerada gravíssima, sob pena de multa e retenção do veículo.