Forte chuva provoca quatro quedas d'água em Ipu e correnteza nas ruas da cidade
INTENSIDADE

Forte chuva provoca quatro quedas d’água em Ipu e correnteza nas ruas da cidade

As chuvas intensas aconteceram desde o fim de semana. A Bica do Ipu ficou com força diante do volume d’água

Por Lyvia Rocha em Ceará

28 de março de 2017 às 10:47

Há 2 meses
O bico do Ipu jorrou (FOTO: Reprodução)

A Bica do Ipu jorrou forte após as chuvas. (FOTO: Reprodução)

Após as intensas chuvas do interior do Ceará nos últimos dias, várias cidades sofreram com transtornos, e uma delas foi Ipu, a 290 quilômetros de Fortaleza. Em imagens que foram enviadas ao Whatsapp do Sistema Jangadeiro, é possível ver que a bica do Ipu está jorrando com força, acompanhada de mais três quedas d’água.

As situações mais críticas aconteceram no Bairro Reino de França, onde as águas das chuvas formaram correntezas e invadiram casas.

De acordo com informações da assessoria de imprensa da Associação dos Prefeitos do Ceará (Aprece), a bica do Ipu não foi responsável pelo alagamento das residências, mas sim a tempestade que a cidade sofreu.

De acordo com dados da Fundação Cearense de Meteorologia (Funceme), a chuva relativa ao período das 7h do último sábado (26) às 7h do domingo (27), no município de Ipu, foi de 32 milímetros.

Publicidade

Dê sua opinião

INTENSIDADE

Forte chuva provoca quatro quedas d’água em Ipu e correnteza nas ruas da cidade

As chuvas intensas aconteceram desde o fim de semana. A Bica do Ipu ficou com força diante do volume d’água

Por Lyvia Rocha em Ceará

28 de março de 2017 às 10:47

Há 2 meses
O bico do Ipu jorrou (FOTO: Reprodução)

A Bica do Ipu jorrou forte após as chuvas. (FOTO: Reprodução)

Após as intensas chuvas do interior do Ceará nos últimos dias, várias cidades sofreram com transtornos, e uma delas foi Ipu, a 290 quilômetros de Fortaleza. Em imagens que foram enviadas ao Whatsapp do Sistema Jangadeiro, é possível ver que a bica do Ipu está jorrando com força, acompanhada de mais três quedas d’água.

As situações mais críticas aconteceram no Bairro Reino de França, onde as águas das chuvas formaram correntezas e invadiram casas.

De acordo com informações da assessoria de imprensa da Associação dos Prefeitos do Ceará (Aprece), a bica do Ipu não foi responsável pelo alagamento das residências, mas sim a tempestade que a cidade sofreu.

De acordo com dados da Fundação Cearense de Meteorologia (Funceme), a chuva relativa ao período das 7h do último sábado (26) às 7h do domingo (27), no município de Ipu, foi de 32 milímetros.