Agricultores fazem figa mais uma vez: se chover neste domingo, é sinal de um bom 2017
PADROEIRO

Agricultores fazem figa mais uma vez: se chover neste domingo, é sinal de um bom 2017

A tradição para os católicos é que, se chover no dia 19 de março, será um ano de boas chuvas para os agricultores

Por Lyvia Rocha em Ceará

19 de março de 2017 às 06:30

Há 1 mês
O açude do Cedro está começando a acumular água

O açude do Cedro já está começando a acumular água, após secar totalmente (FOTO: Reprodução)

A agricultora Arlete da Silva espera que este ano tenha uma boa safra. E ela deposita as esperanças em São José, padroeiro do Ceará, cuja data é comemorada neste domingo (19). E que, segundo a tradição sertaneja traz chuvas para o Nordeste.

Assim como fez seu pai, Arlete confia que chova no dia 19, pois é a garantia de que vai ter um bom inverno, como afirma na matéria da Rede Jangadeiro FM.

“A experiência do meu pai e do meu avô que dia 19 de março era o dia da chuva e se chovesse no dia iria ter bom inverno. Com certeza chove, pois a esperança é a última que morre”.

Além da esperança da chuva, um ano de prosperidade também é confiado a São José. Outra tradição comum aqui no Estado é a do saquinho da moeda.

Para que o dinheiro não falte durante o ano todo, uma mensagem de São José é enrolada em uma moeda, e essa moeda é costurada em uma sacolinha de pano. Todo o dinheiro que receber, a pessoa deve colocar dentro da sacola, antes de usar, para garantir que a simpatia dê certo.

Francisca Maria é devota fervorosa de São José, e há mais de 10 anos confecciona sacolinhas para ela e para os mais próximos. E ela garante que o dinheiro nunca faltou em sua casa.

“Antigamente o menino Deus, quando o pai trabalhava como carpinteiro, ele recolhia o dinheiro do trabalho do pai e com isso virou tradição”, explica.

Para além das tradições e crendices populares, Padre Clauberto diz que os cristãos devem ser preocupar, especialmente, em seguir o exemplo de vida de São José, que acima de tudo, obedeceu a Deus, e aceitou o chamado de criar, junto com a Maria, o Salvador de Jesus Cristo, durante sua passagem na terra.

E para comemorar a data, Diocese de Iguatu preparou, na cidade que também tem São José como padroeiro, uma extensa programação, com missas, quermesses e procissões que seguem durante todo o mês de março.

Ouça mais na matéria de Iury Costa, da Rede Jangadeiro FM:

Publicidade

Dê sua opinião

PADROEIRO

Agricultores fazem figa mais uma vez: se chover neste domingo, é sinal de um bom 2017

A tradição para os católicos é que, se chover no dia 19 de março, será um ano de boas chuvas para os agricultores

Por Lyvia Rocha em Ceará

19 de março de 2017 às 06:30

Há 1 mês
O açude do Cedro está começando a acumular água

O açude do Cedro já está começando a acumular água, após secar totalmente (FOTO: Reprodução)

A agricultora Arlete da Silva espera que este ano tenha uma boa safra. E ela deposita as esperanças em São José, padroeiro do Ceará, cuja data é comemorada neste domingo (19). E que, segundo a tradição sertaneja traz chuvas para o Nordeste.

Assim como fez seu pai, Arlete confia que chova no dia 19, pois é a garantia de que vai ter um bom inverno, como afirma na matéria da Rede Jangadeiro FM.

“A experiência do meu pai e do meu avô que dia 19 de março era o dia da chuva e se chovesse no dia iria ter bom inverno. Com certeza chove, pois a esperança é a última que morre”.

Além da esperança da chuva, um ano de prosperidade também é confiado a São José. Outra tradição comum aqui no Estado é a do saquinho da moeda.

Para que o dinheiro não falte durante o ano todo, uma mensagem de São José é enrolada em uma moeda, e essa moeda é costurada em uma sacolinha de pano. Todo o dinheiro que receber, a pessoa deve colocar dentro da sacola, antes de usar, para garantir que a simpatia dê certo.

Francisca Maria é devota fervorosa de São José, e há mais de 10 anos confecciona sacolinhas para ela e para os mais próximos. E ela garante que o dinheiro nunca faltou em sua casa.

“Antigamente o menino Deus, quando o pai trabalhava como carpinteiro, ele recolhia o dinheiro do trabalho do pai e com isso virou tradição”, explica.

Para além das tradições e crendices populares, Padre Clauberto diz que os cristãos devem ser preocupar, especialmente, em seguir o exemplo de vida de São José, que acima de tudo, obedeceu a Deus, e aceitou o chamado de criar, junto com a Maria, o Salvador de Jesus Cristo, durante sua passagem na terra.

E para comemorar a data, Diocese de Iguatu preparou, na cidade que também tem São José como padroeiro, uma extensa programação, com missas, quermesses e procissões que seguem durante todo o mês de março.

Ouça mais na matéria de Iury Costa, da Rede Jangadeiro FM: