Ferroviário

Ferroviário conquista Taça Fares Lopes e garante vaga na Copa do Brasil

(FOTO: Xandy Rodrigues) Edson Cariús comemora o segundo gol coral

Caucaia e Ferroviário fizeram o jogo de volta da final da Taça Fares Lopes, na tarde deste domingo (04), no estádio Presidente Vargas. Deu Tubarão da Barra, que venceu pelo placar de 3×1 e, além do título, levou a vaga para a Copa do Brasil. Siloé, Edson Cariús e Kel Baiano fizeram os gols do título inédito. Já o time da Região Metropolitana descontou com Vanderlan.

O time da Região Metropolitana entrou em campo com a vantagem de poder perder até por um gol de diferença. Ao Tubarão da Barra só restava partir pra cima para tentar vencer com dois tentos ou mais.

Foi o que fez o técnico Marcelo Villar já na escalação ofensiva do Peixe, que se lançou ao ataque e conseguiu abrir o placar logo aos 16 minutos. Siloé entrou rápido pela direita em jogada individual e finalizou sem chances de defesa.

O gol contagiou a torcida coral e motivou os atletas em campo, que passaram a jogar, ainda mais, dentro do campo adversário. O ímpeto, no entanto, não foi mantido com a mesma intensidade.

Após a parada técnica a Raposa Metropolitana equilibrou com forte marcação e deixou o jogo mais faltoso. A arbitragem teve que aplicar cinco cartões amarelos, alcançando média de uma punição a cada nove minutos.

O segundo tempo recomeçou com uma proposta mais ofensiva do Caucaia que não pode comemorar o empate por conta de uma bela defesa de Gleibson. Ele interceptou uma cabeçada forte de Netinho aos quatro minutos.

O Ferroviário respondeu com a eficiência de Valdeci, que fez passe na medida para Edson Cariús, e com a frieza e categoria do próprio centroavante. O camisa nove passou pelo goleiro e mandou para as redes rubro negras para ampliar o placar: dois a zero aos sete minutos.

O jogo passou a ser mais do Caucaia que viu toda a vantagem sendo desfeita. Mas as investidas do time metropolitano abriu mais espaços para o Tubarão da Barra que explorava o contra ataque.

A insistência deu resultado para a equipe caucaiense aos 36 minutos. Ciel mandou a bola na trave e Vanderlan a aproveitou rebote para devolver a taça para o time mandante. A taça voltou a mudar de lado aos 40 minutos com de Kel Baiano. Ele marcou depois de um bate rebate na área do Caucaia e definiu o resultado da partida: três a um e mais um título inédito para o Ferroviário na temporada.

Caucaia: Rafael, Talisson, Olávio, Luis Gustavo, Elves, Lincoln, Diego Silva, Netinho, Thiaguinho, Vanderlan e Ciel. Técnico: Washington Luiz

Ferroviário: Gleibson, Lucas Mendes, Afonso, André Lima, Mazinho, Jean, Siloé, Leanderson, Edson Cariús, Janeudo e Valdeci. Técnico: Marcelo Villar

Tags
Copa do Brasil Ferroviário Taça Fares Lopes